Arena Coliseu Mateus Aquino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Arena Coliseu
Nomes
Nome Arena Coliseu Mateus Aquino
Apelido "Coliseu do Sertão"
"Coliseu"
Características
Local Alto Santo (CE), Brasil
Gramado Grama natural (105 x 68 m)
Capacidade 5.000
Construção
Data 2009
Custo R$ 1,3 milhão
Inauguração
Data 9 de agosto de 2015
Partida inaugural Alto Santo Esporte Clube 1 x 0 União de Brejo Santo
Primeiro gol Valdison (Alto Santo Esporte Clube)
Outras informações
Proprietário Prefeitura Municipal de Alto Santo
Administrador Prefeitura Municipal de Alto Santo
Mandante Alto Santo Esporte Clube

A Arena Coliseu Mateus Aquino é um estádio de futebol localizado na entrada da zona urbana de Alto Santo, município cearense situado na microrregião do Baixo Jaguaribe, a 243 quilômetros de Fortaleza. Ganhou fama nacional e até internacional pela estrutura peculiar e pela polêmica em torno da construção.[1][2][3][4][5]

Obra[editar | editar código-fonte]

Inspirado no Coliseu romano, a construção iniciou-se em 2009 e custou cerca de R$ 1,3 milhão, sendo concedido R$ 827,5 mil pelo Ministério do Esporte. Foi planejado para ter capacidade de 20 mil pessoas, mas acabou apenas com 5 mil.[1][2][3][4][5]

Inauguração[editar | editar código-fonte]

A primeira partida oficial no Coliseu foi entre o Alto Santo Esporte Clube e o União de Brejo Santo, pela estreia do Campeonato Cearense de Futebol da Terceira Divisão de 2015. O público foi de apenas 900 pessoas, apesar do ingresso ter sido vendido por 5 reais. Os donos da casa venceram de 1 a 0 com gol de Valdison, aos 20 minutos do segundo tempo.[1][2][3][5]

Polêmica[editar | editar código-fonte]

Apesar da região ser semiárida e o período ser de seca, um açude foi aterrado para a construção do estádio.[nota 1] O gramado foi a primeira parte concluída, passando seis anos inutilizado, apenas gerando gastos com irrigação, adubação e podagem.

No início das obras o clube da cidade encontrava-se inativo, sendo reativado apenas no ano da inauguração.

No projeto o estádio deveria comportar 20 mil espectadores, número maior que a população do município - 16 mil. Porém foi concluído com apenas 5 mil de capacidade. Mas a prefeitura promete concluir os outros 15 mil, o que resultará em mais gastos desnecessários.[1][2][3][4][5]

Notas

  1. Coincidentemente o Coliseu original de Roma também foi construído sobre uma fonte de água.

Referências

  1. a b c d Diário do Nordeste. «O Sertão vai virar Roma?». Consultado em 15 de abril de 2016 
  2. a b c d Folha de S.Paulo. «Após seis anos de obras, 'Coliseu do Sertão' é inaugurado no Ceará». Consultado em 15 de abril de 2016 
  3. a b c d Globo Esporte. «Antes para 20 mil, Coliseu cearense estreia, após 6 anos, para 900 pessoas». Consultado em 15 de abril de 2016 
  4. a b c Globo Esporte. «Obra do Coliseu cearense se arrasta há cinco anos em cidade sem futebol». Consultado em 15 de abril de 2016 
  5. a b c d Bom Dia Brasil. «Estádio de R$ 1,3 milhão, 'Coliseu do Sertão' é inaugurado no interior do CE». Consultado em 15 de abril de 2016