Battlefield (série)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Battlefield
Gênero(s) Tiro em primeira pessoa, Guerra
Desenvolvedora(s) EA Digital Illusions CE
Distribuidora(s) Electronic Arts
Primeiro título Battlefield 1942[1]
10 de setembro de 2002[1]
Último título Battlefield 1 WW1 (2016)
www.battlefield.com/
Portal Portal de jogos eletrônicos

Battlefield é uma série de jogos eletrônicos da EA Games em parceria com a Digital Illusions, que teve início em 2002 e que tem 19 jogos na franquia.

Jogos[editar | editar código-fonte]

Battlefield 1942[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 1942

Battlefield 1942 foi lançado em 10 de setembro de 2002, ambientado na Segunda Guerra Mundial, usava a tecnologia (engine) refrector, responsável por introduzir o modo Conquista, presente até hoje nos jogos da série, o objetivo era capturar pontos do mapa. Os cenários continham as praias da Normandia, desertos do norte da África, a batalha de Midway no Japão, a batalha de Guadalcanal entre outros.

O jogo contava com Tanques de guerra, jipes, aviões e navios a disposição dos jogadores, deixando eles lutarem em famosas batalhas da Segunda Guerra Mundial por terra, mar e ar.[1]

Battlefield 1942: The Road To Rome[editar | editar código-fonte]

O sucesso do jogo foi tanto que teve duas expansões, Battlefield 1942: The Road To Rome tem como teatro de guerra, a Itália, na parte final da Segunda Guerra Mundial, nele estão inclusos alguns novos mapas e exércitos.

O jogo adiciona no total seis mapas diferentes, cada um variado do outro de certa forma combinados para os nove veículos novos.[2][3]

Battlefield 1942: The Secret Weapons of WWII[editar | editar código-fonte]

A segunda expansão do jogo foi Battlefield 1942: The Secret Weapons of WWII que recriou um vasto arsenal de armas, aviões, misseis e veículos no jogo, baseado em criações ultra secretas desenvolvidas pelos Aliados e pelo Eixo durante a guerra, que incluem desde misseis que o jogador pode direcionar à jet packs (jet packs de hidrogênio, para voar por um curto período de tempo) e caças supersônicos.[4]

Battlefield Vietnam[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield Vietnam

Utilizando a mesma engine que o Battlefield 1942, a EA Games, novamente em parceria com a Digital Illusions, lança em 2004 um novo jogo da série Battlefield, Battlefield Vietnam. Contando com novas armas, exércitos, veículos e agora caças e helicópteros, Battlefield Vietnam faz sua fama, mas não tão grande como a de seu antecessor. O jogo, como o próprio nome diz, é focado na Guerra do Vietnã (1955- 1975), contendo diversos mapas que recriam com originalidade a geografia e o clima do Vietnã. Todos as missões (ou mapas) são baseados em passagens reais da guerra.[5]

Battlefield 2[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 2

Em Battlefield 2, os jogadores podem escolher entre três potencias militares, os Estados Unidos, a China e o Oriente Médio, o novo jogo implanta uma infinidade de novidades, como jogo on-line ranqueado, com patentes, medalhas, faixas e armas disponíveis para serem ganhas à medida que você avança no multiplayer. O jogo envolve também novos tanques de guerra, helicópteros, caças, veículos de transporte, barcos módulos que no total são mais de 30, novos mapas urbanos e de território aberto localizados na China e do oriente médio.[6] Os mapas eram escalados de forma que uma grande variedade de jogadores escolhessem entre classes de soldados como Assault, Sniper, comando especial, engenheiros, médicos, armas pesadas e antitanque.

O jogo também dava espaço para escolha de líderes que guiam os grupos na guerra. [7]

Battlefield 2: Special Forces[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 2: Special Forces

No mesmo ano de 2005, foi lançada a expansão Battlefield 2: Special Forces. O jogo é focado em ataques silenciosos e ações furtivas. Traz 6 exércitos com armamentos e objetivos distintos: os SEALs da Marinha (Navy SEALS) dos Estados Unidos, os ingleses da SAS (Special Air Services), os russos da Spetznaz, os árabes representados pelo MEC, os Insurgents (também árabes) e os Rebels, representando os rebeldes chechênios. Além dos exércitos o jogo trás inúmeras novas armas, veículos e mapas, tais como visão noturna, granada de efeito moral, um gancho para subir em paredes e quadriciclos.[6]

Battlefield 2: Euro Force[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 2: Euro Force

Em 2006 foi colocada a venda o "booster pack" Battlefield 2: Euro Force, que inclui no jogo o exército europeu (EU), que luta ao lado dos EUA contra os Chineses e os Árabes. Esta expansão só pode ser comprada baixando diretamente do site do Battlefield. Nela estão incluídos três novos mapas, novas armas e novos veículos.[6]

Battlefield 2: Armored Fury[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 2: Armored Fury

No mesmo ano, foi lançado um novo "booster pack", Battlefield 2: Armored Fury, que assim como o Euro Force, também só poderá ser baixado do site do Battlefield. A expansão possui batalhas dentro do próprio Estados Unidos. Sendo invadidos pelo MEC e as forças Chinesas, esse "boost pack" possui 3 mapas novos (Operation Midninght Sun, Operation Harvest e Operation Road Rage) e 8 novos veículos.[6]

Battlefield 2: Modern Combat[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 2: Modern Combat

Lançado em 2005, Battlefield 2: Modern Combat, foi o primeiro jogo da série para plataformas sem ser computador, Modern Combat, foi lançado unicamente para Video games. Primeiramente para os video-games da 6ª geração (Playstation 2 e X-Box), e para o console de 7ª geração (X-Box 360).

O teatro de guerra do jogo é praticamente o mesmo que o do Battlefield 2, porem com algumas pequenas modificações na parte gráfica.[6]

Battlefield 2142[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 2142

Anunciado em 2006, Battlefield 2142 foi lançado em 10 de Outubro de 2006. O jogo é, assim como o Battlefield Vietnam, um "remake" de seu antecessor, ou seja, usa a mesma engine de jogo que o Battlefield 2.

O jogo retrata uma guerra no futuro, mais precisamente em 2142, onde o mundo estará devastado, e recursos naturais serão primordiais para todos. Nesse cenário caótico, um novo tipo de jogo foi adicionado, o "modo titan", que ao contrario do "modo conquest", não é necessário dominar bandeiras, e sim destruir a nave-mãe adversária.[8]

Battlefield Heroes[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield Heroes

Battlefield Heroes é um jogo com gráficos em estilo cartoon inicialmente desenvolvido pela DICE e atualmente pela Easy Studios, publicado pela EA Games para Microsoft Windows lançado em 25 de Junho de 2009. O jogo possui somente o modo multijogador gratuito com baixos requisitos de sistema. Para obter armas especiais, itens e entre outros benefícios é preciso comprar Battlefunds (dinheiro do jogo).[9]

Battlefield Bad Company[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield: Bad Company

Se passando em um futuro próximo, Battlefield: Bad Company coloca os jogadores atrás das linhas inimigas, fazendo parte de um esquadrão de 4 pessoas, que arriscam tudo por objetivos pessoais e vingança.

É o primeiro jogo construído com a tecnologia Frostbite, da DICE.[10]

Battlefield 1943[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 1943

Battlefield 1943, possui uma ambientação próxima ao do primeiro jogo da série. O jogo utiliza a engine Frostbite e foi lançado para as plataformas do Xbox Live e também para o Playstation Network, uma versão para PC foi cancelada posteriormente.

No jogo está disponível apenas modo “Conquest” em que o jogador tem que dominar áreas dos três mapas disponíveis, e há três classes. Assim como no Battlefield Heroes, existe o “Riffleman” que suporta um rifle e tem boas habilidades em médias distancias, o “Infantary” que é equipado com metralhadora e se destaca em batalhas de curta distancias, e por último o “Scout” que é especializado em batalhas de longas distancias.

Os veículos são: jipes, aviões e tanques.

É possível que joguem, em uma mesma partida, 24 jogadores, e não há inteligência artificial ou armas e habilidades extras com a evolução do soldado nos combates.[11][12]

Battlefield Bad Company 2[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield: Bad Company 2

O jogo lançado em 02 de março de 2010, retorna ao Bad Company, título de sucesso em crítica. A trama é a mesma com os mesmos soldados e na mesma época só que em outro cenário. O jogo também apresenta um clima mais sério em relação ao antecessor e faz o estilo Battlefield 2 com mapas estratégicos cheios de veículos. Graças ao motor de jogo Frostbite, o cenário do jogo será 95% destrutivo.[13] Este jogo é o primeiro da série a dar suporte ao DirectX 11 o que tornou os gráficos e efeitos melhores que os jogos anteriores da serie.[14][15]

Battlefield Play4Free[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield Play4Free

A DICE (produtora da franquia) usou experiencias passadas para desenvolvê-lo. O título utiliza uma versão modificada da engine de Battlefield 2. O jogo roda direto do navegador e não exige muito do computador utilizado.

O jogo conta com personalização de personagem, onde além de escolher uma classe, especifica a aparência de seu avatar. O cenário de Battlefield Play4Free é o Oriente Médio, com fases que favorecem diversos tipos de combate, são aceitos até 32 jogadores divididos nos grupos: US (soldados norte-americanos) e o RU (militares do exército russo).[16]

O jogador pode comprar Battlefunds (dinheiro do jogo) para comprar melhores itens e equipamentos.

Battlefield 3[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 3

Battlefield 3 foi lançado em 25 de outubro de 2011 para Microsoft Windows (PC), PlayStation 3 e Xbox 360. Apesar de seu nome, é o décimo primeiro jogo da franquia Battlefield, e a sequência direta de Battlefield 2, lançado em 2005. Possui nova engine Frostbite 2, além de multiplayer para até 64 jogadores (no PC) e nos consoles conta com modo multiplayer de 24 jogadores.[17]

Battlefield 4[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 4

O novo Battlefield utiliza a engine Frostbite 3, que permitiu a criação de gráficos ainda mais realistas e impressionantes que os vistos em Battlefield 3. Cenários mais perfeitos, rostos mais fieis aos reais e partículas de fumaça, fogo, névoa, etc, foram aprimoradas com a nova tecnologia. Battlefield 4 teve um trailer de 17 minutos de gameplay divulgado tempos antes de seu lançamento. No vídeo é possível ver o enorme potencial da engine Frostbite 3 em ação frenética, marca da série da EA. O jogo foi lançado em Outubro de 2013 para Microsoft Windows, PlayStation 3, Playstation 4, Xbox 360 e Xbox One. Entretanto jogar Battlefield 4 nos consoles citados é extremamente difícil para os jogadores que optaram por estes ao invés do PC. Devido a EA não ter Servidores para este jogo no Brasil, que poderiam atender a todos os jogadores, não só brasileiros, como os de todos os demais países sul-americanos, estes jogam com alta taxa de latência, ficando assim em enorme desvantagem contra aqueles que tem Servidores em seus países. Esta latência, que é o tempo que um pacote de dados leva para chegar do Console do jogador ao Servidor onde está o jogo, em média é 150ms (milisegundos) para os brasileiros. Já os jogadores que tem Servidores locais, tem latência na faixa de 10 a 20ms. Devido a isto, a comunidade de jogadores dos Consoles lançou uma Petição que será submetida à Desenvolvedora.

Battlefield 4: Second Assault[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield 4: Second Assault

DLC criada com o intuito de remoldurar alguns dos mapas do Battlefield 3 (Operation Metro, Operation Firestorm, Gulf of Oman e Caspian Border) instruindo neles a nova engine (Frostbite 3) e junto a dinâmica ambiental conhecida como Levolution.

Battlefield Hardline[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Battlefield: Hardline

Battlefield Hardline contem, como tema principal, a guerra urbana entre policiais e bandidos, principalmente em cidades grandes. O foco principal já não é mais a guerra entre soldados, mas sim entre a polícia e ladrões. O jogo foi desenvolvido pela Visceral Games, a mesma que fez Dead Space, em parceria com a DICE, sendo publicado pela Eletronic Arts. Foi lançado em 17 de Março de 2015.

Battlefield 1[editar | editar código-fonte]

Battlefield 1 ingressa com a temática da Primeira Guerra Mundial, que era algo muito pedido pelos jogadores de FPS dessa geração. O jogo foi lançado para Xbox One, PlayStation 4 e Microsoft Windows em 21 de outubro de 2016. e concorre como game de FPS do ano.

Jogos e Plataformas[editar | editar código-fonte]

Jogos da série Battlefield
Ano Motor Jogo PC Mac Xbox PS2 X360 PS3 Xbox One PS4
2002 Refractor 1 Battlefield 1942 Sim Sim
2003 Refractor 1 Battlefield 1942: The Road to Rome Sim
2003 Refractor 1 Battlefield 1942: Secret Weapons of WWII Sim Sim
2004 Refractor 1 Battlefield Vietnam Sim
2005 Refractor 2 Battlefield 2 Sim
2005 Refractor 2 Battlefield 2: Special Forces Sim
2005 RenderWare Battlefield 2: Modern Combat Sim Sim Sim
2006 Refractor 2 Battlefield 2: Euro Force Sim
2006 Refractor 2 Battlefield 2: Armored Fury Sim
2006 Refractor 2 Battlefield 2142 Sim Sim
2007 Refractor 2 Battlefield 2142: Northern Strike Sim Sim
2008 Frostbite 1.0 Battlefield: Bad Company Sim Sim
2009 Refractor 2 Battlefield Heroes Sim
2009 Frostbite 1.5 Battlefield 1943 Sim Sim
2010 Frostbite 1.5 Battlefield: Bad Company 2 Sim Sim Sim
2010 Frostbite 1.5 Battlefield: Bad Company 2: Vietnam Sim Sim Sim
2011 Refractor 2 Battlefield Play4Free Sim
2011 Frostbite 2 Battlefield 3 Sim Sim Sim Sim
2011 Frostbite 2 Battlefield 3: Back to Karkand Sim Sim Sim
2012 Frostbite 2 Battlefield 3: Close Quarters Sim Sim Sim
2012 Frostbite 2 Battlefield 3: Armored Kill Sim Sim Sim
2012 Frostbite 2 Battlefield 3: Aftermath Sim Sim Sim
2013 Frostbite 2 Battlefield 3: End Game Sim Sim Sim
2013 Frostbite 3 Battlefield 4 Sim Sim Sim Sim Sim
2013 Frostbite 3 Battlefield 4: China Rising Sim Sim Sim Sim Sim
2013 Frostbite 3 Battlefield 4: Second Assault Sim Sim Sim Sim Sim
2014 Frostbite 3 Battlefield 4: Naval Strike Sim Sim Sim Sim Sim
2014 Frostbite 3 Battlefield 4: Dragon’s Teeth Sim Sim Sim Sim Sim
2014 Frostbite 3 Battlefield 4: Final Stand Sim Sim Sim Sim Sim
2015 Frostbite 3 Battlefield Hardline Sim Sim Sim Sim Sim
2016 Frostbite Battlefield 1 Sim Sim Sim

Referências

  1. a b c «Battlefield 1942» (em inglês). EA Games. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  2. Park, Andrew (06 de fevereiro de 2003). «Battlefield 1942: The Road to Rome Review» (em inglês). GameSpot.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  3. «Battlefield 1942: The Road to Rome - PC». UOL Jogos. 14 de março de 2003. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  4. Park, Andrew (08 de setembro de 2003). «Battlefield 1942: Secret Weapons of WWII» (em inglês). GameSpot.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  5. Ocampo, Jason (16 de março de 2004). «Battlefield Vietnam Review» (em inglês). GameSpot.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  6. a b c d e «Battlefield 2 - EA» (em inglês). Battlefield.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  7. «Anuncio Battlefield 2» (em inglês). «Site oficial (EA)» 
  8. «Battlefield 2142» (em inglês). Battlefield.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  9. «Battlefield Heroes» (em inglês). IGN.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  10. «Site Oficial» (em inglês). «Introdução da série» 
  11. «Uol». 
  12. «Baixaki jogos». 
  13. «Game Info -» (em inglês). Battlefield Bad Company 2. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  14. Watters,Chris (04 de março de 2010). «Battlefield: Bad Company 2 Review» (em inglês). GameSpot.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  15. «Battlefield: Bad Company 2 - EA» (em inglês). EA.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 
  16. «Baixaki». 
  17. «Battlefield 3 : BF3» (em inglês). Battlefield.com. Consultado em 23 de junho de 2012. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]