Cadeia Velha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cadeia Velha, também chamada nos documentos oficiais de Cadeia da Relação ou Casa da Relação, era um presídio localizado na cidade do Rio de Janeiro. Não se sabe a data exata de sua construção, possivelmente em 1636.[1]

No Brasil Colonial, era costume a cadeia funcionar no mesmo prédio que a Câmara Municipal. Localizada onde hoje fica o Palácio Tiradentes, para lá eram encaminhados todos que infringissem as leis da Coroa Portuguesa: criminosos, prostitutas e escravos se misturavam aos presos políticos.[1]

O prédio foi utilizado para as mais diversas atividades ao longo de sua existência, como o antigo Tribunal da Relação, alojamento para a criadagem da Casa Real, e, quando da vinda de D. João VI ao Brasil, em 1808, sendo ainda palco de acontecimentos marcantes, como a prisão de inconfidentes mineiros, entre eles Tiradentes.

Após a proclamação da independência, a Cadeia Velha passou a abrigar a Assembléia Geral Constituinte Brasileira e, em 6 de maio de 1826, instalou-se o primeiro Congresso Legislativo do Brasil.

Referências

  1. a b "A Bastilha brasileira". Revista História Viva, número 76, pgs. 66-71. Editora Duetto. São Paulo (2010).
Ícone de esboço Este artigo sobre História do Brasil é um esboço relacionado ao Projeto História do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.