Casa das Vestais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

{{#coordinates:}}: não pode ter mais do que uma etiqueta primária por página

Casa das Vestais
{{{legenda}}}
Tipo Edifício religioso
Proprietário inicial Numa Pompílio (?)
Geografia
País Itália
Cidade Roma
Localidade Região VIII - Fórum Romano
Coordenadas 41° 53' 29" N 12° 29' 12" E
Casa das Vestais está localizado em: Roma
Casa das Vestais
Casa das Vestais

A Casa das Vestais (em latim: Atrium Vestae) era a residência das virgens vestais,[1] localizada atrás do templo circular de Vesta, no lado leste do Fórum romano, entre a Régia e o Palatino. A Casa Pública (domus publica) estava localizada próximo à casa e era usada como moradia do pontífice máximo até que os imperadores assumiram o cargo.

Três fases distintas de construção podem ser identificadas. Durante a República, havia dois prédios menores situados em um eixo distinto, alinhado com os pontos cardeais. Um palácio maior foi construído depois do grande incêndio de 64, que forneceu as bases para o palácio que cujas ruínas permanecem visíveis atualmente. Este foi construído por Domiciano (r. 81–96) e depois Trajano (r. 98–117),[2] e restaurado por Septímio Severo (r. 193–211), após o incêndio de 191[3] Este palácio está alinhado no eixo nordeste-sudeste, alinhando-se ao Fórum. Foi ocupado pelas Vestais até a proibição decretada por Teodósio I (r. 378–395) dos cultos pagãos em Roma,[4] após o que serviu como residência administrativa imperial e depois foi abandonado.

A Casa das Vestais era um palácio de três andares e 50 cômodos[5] construído em volta de um elegante átrio alongado, com três espelhos d'água. Ao longo do pórtico estavam dispostas as estátuas das vestais que presidiam o grupo das seis sacerdotisas (virgo vestalis maxima); algumas delas ainda se encontram no local e outras se encontram no Museu Nacional Romano (Palácio Massimo das Termas). Do lado leste ficava um tablino (tablinum) com seis câmaras correspondentes a cada uma das vestais, e onde se acredita que havia um santuário a Numa Pompílio (r. 715–673 a.C.), mítico rei romano fundador do colégio sacerdotal das Vestais.[5]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Links externos[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Lutwyche, J. «Who were the Vestal Virgins?». Consultado em 25 de fevereiro de 2015 
  2. «House of Vestals - The Roman Forum». Consultado em 25 de fevereiro de 2015 
  3. Herodiano, História de Roma, I, 14.
  4. Testa 2007.
  5. a b Coarelli 2007, p. 84-87.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Coarelli, Filippo (2007). Rome and Environs. An archaeological guide. berkeley/LA: University of California Press 
  • Testa, Rita Lizzi (2007). «Christian emperor, vestal virgins and priestly colleges: reconsidering the end of roman paganism». Antiquité Tardive. 15 (1): 251-262 
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Casa das Vestais

41° 53′ N 12° 29′ E