Chameleon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura personagem do jogo Mortal Kombat, veja Chameleon (Mortal Kombat).
Chameleon
Álbum de estúdio de Helloween
Lançamento 31 de maio de 1993
Gravação 1992
Gênero(s) pop rock, hard rock, heavy metal
Duração 71 min 26 seg
Gravadora(s) EMI
Produção Helloween e Tommy Hansen, auxiliados por Michael Tibes
Cronologia de Helloween
Pink Bubbles Go Ape
(1991)
Master of the Rings
(1994)
Singles de Chameleon
  1. "When the Sinner"
    Lançamento: 21 de Maio de 1993
  2. "I Don't Wanna Cry No More"
    Lançamento: 22 de Setembro de 1993
  3. "Windmill"
    Lançamento: 16 de Dezembro de 1993

Chameleon é o quinto álbum lançado, em 1993, pela banda alemã de power metal Helloween.

Descrição[editar | editar código-fonte]

É um álbum muito diferente dos outros do Helloween. A faixa de abertura é empolgante, continuando o mesmo direcionamento mais leve do álbum anterior, Pink Bubbles Go Ape. É apenas em Giants que há o retorno à música mais pesada.

Em Chameleon (inglês: Camaleão), a banda arrisca vários estilos musicais: progressivo, acústico, pop, balada e grunge, misturado com elementos de country, música clássica, música sacra e mais. No fundo ouvem-se intrumentos como trompa, sintetizador, órgão e violino. O álbum conta com a participação de músicos convidados bem conhecidos: Stefan Pintev, Axel Bergstedt e o coral infantil da Orquestra "Johann Sebastian Bach".

A diversificação dos estilos era também um espelho das opiniões diferentes na banda, que mais tarde levaria a um rompimento. O enriquecimento de estilo foi elogiado pelos críticos de música, todavia rejeitado pela maioria dos fãs.

Os singles deste álbum são: When the Sinner, Windmill (Step Out of Hell no Japão) e I Don't Wanna Cry No More (somente no Japão).

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
All Music Guide 2 de 5 estrelas. [1]
Symbol unlikely.svg Esta tabela precisa de ser acompanhada por texto em prosa. Consulte o guia.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "First Time" (Weikath) - 5:30
  2. "When The Sinner" (Kiske) - 6:54
  3. "I Don't Wanna Cry No More" (Grapow) - 5:11
  4. "Crazy Cat" (Grapow) - 3:29
  5. "Giants" (Weikath) - 6:40
  6. "Windmill" (Weikath) - 5:06
  7. "Revolution Now" (Weikath) - 8:04
  8. "In The Night" (Kiske) - 5:38
  9. "Music" (Grapow) - 7:00
  10. "Step Out Of Hell" (Grapow) - 4:25
  11. "I Believe" (Kiske) - 9:12
  12. "Longing" (Kiske) - 4:15

Faixas bônus[editar | editar código-fonte]

  1. "I Don't Care, You Don't Care" - 4:01
  2. "Oriental Journey" – 5:43
  3. "Cut in the Middle" – 3:57
  4. "Introduction" – 3:52
  5. "Get Me Out of Here" – 2:50
  6. "Red Socks and the Smell of Trees" – 10:48
  7. "Ain't Got Nothing Better" – 4:41
  8. "Windmill (demo)" – 5:28

Faixas bônus da versão de relançamento de 2006, constituindo um segundo disco.

Formação[editar | editar código-fonte]

Convidados[editar | editar código-fonte]

  • Axel Bergstedt - Órgão, maestro ("I believe")
  • Stefan Pintev - Violino
  • Coral infantil da Orquestra "Johann Sebastian Bach" Hamburgo, ("I believe"). Três das meninas do coral infantil foram Aminata, Jazz e Sophie, nesta época de 12 e 13 anos, são hoje as cantoras de Black Buddafly.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Helloween é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.