Chun Gwong Cha Sit

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Chun Gwong Cha Sit
春光乍洩
Happy Together - Felizes Juntos (PT)
Felizes Juntos (BR)
 Hong Kong
1997 •  cor •  96 min 
Direção Wong Kar-wai
Roteiro Wong Kar-wai
Elenco Tony Leung Chiu-Wai
Leslie Cheung
Chang Chen
Género Drama
Cinematografia Christopher Doyle
Edição William Chang
Ming Lam Wong
Idioma Cantonês
Mandarim
Espanhol
Página no IMDb (em inglês)

Chun Gwong Cha Sit (春光乍洩, Chūnguāng Zhà Xiè; título em português: Felizes Juntos) é um filme honconguês, do gênero drama, dirigido por Wong Kar-Wai e lançado em 1997.

Estrelado pelos atores Tony Leung Chiu-Wai e Leslie Cheung, o filme é uma livremente inspirado no romance "The Buenos Aires Affair", do escritor argentino Manuel Puig.[1]

O título original em chinês (literalmente súbito brilhar da primavera) é uma expressão idiomática que sugere exposição a algo indecente, sensual, enquanto que o título em inglês é inspirado na canção Happy Together, do grupo The Turtles, que foi regravada por Danny Chung para trilha sonora do filme.[2]

Pelo trabalho, Wong Kar-Wai recebeu o prêmio de melhor diretor do Festival de Cinema de Cannes de 1997.[3]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

A trama é centrada na conturbada relação afetiva entre dois homens, Lai Yiu-fai (Tony Leung Chiu-Wai) e Ho Po-Wing (Leslie Cheung), que viajam de Hong Kong a Buenos Aires à procura das Cataratas do Iguaçu e de renovar o relacionamento. Eles se perdem no caminho e a relação desmorona aos poucos. Os dois homens são muito diferentes em seus traços de caráter. Enquanto Lai é introvertido e age de forma mais responsável, Ho é impulsivo e extravagante e não consegue se manter dentro de uma relação monogâmica e começa a se relacionar com outros homens.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Premiação[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Sylvia Colombo (14 de maio de 2005). «Thriller sexual de Manuel Puig não envelhece e ainda atormenta». Folha.com. Consultado em 20 de fevereiro de 2014. 
  2. Veridiana Fernandes Nogueira da Gama (2006). «Manuel Puig e Wong Kar Wai : os imbricamentos do kitsch e da memória» (Dissertação). UFMG. 113 páginas. Consultado em 20 de fevereiro de 2014. 
  3. «Wong Kar Wai». Festival de Cannes - Página Oficial. Consultado em 20 de fevereiro de 2014. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]