Definição de Código Aberto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

"Definição de Código Aberto" é um documento publicado pela Open Source Initiative, para determinar se uma licença de software pode ser marcada com a certificação de código aberto.[1]

A definição foi baseada na Debian Free Software Guidelines, escrito e adaptado principalmente por Bruce Perens.

A Definição de Software Livre versus Definição de Código Aberto[editar | editar código-fonte]

Apesar das diferenças filosóficas fundamentais entre o movimento software livre e o movimento código aberto, as definições oficiais de software livre pela Free Software Foundation e de software de código aberto pela Open Source Initiative referem-se basicamente às mesmas licenças de software, com algumas pequenas exceções. Embora sublinhando as diferenças filosóficas, a Free Software Foundation, comenta:

“O termo software "open source" é usado por algumas pessoas para dizer mais ou menos na mesma categoria que o software livre. Não é exatamente a mesma classe de software: eles aceitam algumas licenças que consideramos demasiado restritiva, e não há licenças de software livre que eles não aceitaram. No entanto, as diferenças de extensão da categoria são pequenas: quase todo software livre é open source, e quase todos os softwares de código aberto é livre.”

Veja também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Eric S. Raymond. «Open Source Certification». Open Source Initiative. Consultado em 16 de junho de 1999  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikisource
O Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Definição de Código Aberto