Detective Conan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Detective Conan
名探偵 コナン
(Meitantei Konan)
Gênero Suspense, Comédia, Drama, Policial, Romance
Mangá
Detective Conan
Autor Gosho Aoyama
Editora(s) Japão Shogakukan
Revista Weekly Shōnen Sunday
Público-alvo Shōnen
Data de publicação 9 de Janeiro de 1994 – em andamento
Volumes 82
Anime
Detective Conan
Direção Kenji Kodama, Yasuichiro Yamamoto
Estúdio TMS Entertainment Co., Ltd.
Exibição original 8 de Janeiro de 1996– em exibição
Emissoras de TV Japão Nippon Television Network System, Animax
Canadá YTV
Estados Unidos Funimation Channel, Adult Swim
Chile Etc...TV, Chilevisión
Espanha Cartoon Network
Argentina Magic Kids
México TV Azteca
Coreia do Sul Tooniverse
Emissoras lusófonas Portugal SIC K, Animax
Nº de episódios 732
Projeto Animangá  · Portal Animangá

Detective Conan (名探偵 コナン , Meitantei Konan?), conhecido como Case Closed nos Estados Unidos, é um mangá e anime japonês escrito e ilustrado por Gosho Aoyama e publicado na Weekly Shōnen Sunday desde 1994, onde faz sucesso até hoje, totalizando mais de 79 volumes.

Apesar desse sucesso no Japão, no Brasil o título não é muito conhecido, já que o Brasil foi um dos poucos países no mundo onde a série não passou na televisão, tendo somente um DVD do primeiro filme lançado em 2008 pela empresa Flashstar, com vendas supostamente baixas, ao passo que nos Estados Unidos, Inglaterra e Canadá a série faz um tremendo sucesso, apesar de ter seu nome alterado para Case Closed (pelo motivo de existir Conan, The Barbarian). A série também é muito bem sucedida na Tailândia. Em Portugal, a série foi exibida no canal Animax com dobragem em japonês, com legendas portuguesas. E na SIC foi emitida com dobragem em português que chegou a 26 episódios.

Detetive Conan é a história de Shinichi Kudo, um jovem detetive prodígio, que por um acaso investigava um ato suspeito de dois homens vestidos de preto quando foi atingido pelas costas e, sem defesa, foi feito de cobaia ao experimentar uma droga que supostamente era para mata-lo sem deixar vestígios. Ao invés de mata-lo, a droga teve um efeito bem diferente, fez seu corpo regredir fisicamente, como se fosse uma criança de sete anos novamente.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Shinichi Kudo, é um estudante colegial que investigava por mero acaso, um ato suspeito após sair do parque de diversões. Tratava-se de 2 membros da Black Organization (Organização secreta de criminosos) realizando uma transação. Por azar, ele é descoberto e abatido, sendo feito de cobaia ao experimentar uma droga (de nome APTX 4869) que supostamente era para mata-lo sem deixar rastros. Por alguma causa desconhecida, em vez de morrer, seu corpo volta a ser como de 10 anos atrás, quando era uma criança de apenas sete anos.

Agora, o prodígio detetive tem que esconder sua verdadeira identidade e assumir ser apenas uma criança, apesar de sua mente não ter sido afetada, para que as pessoas a sua volta não corram perigo, pois se a organização a qual fez isso com ele descobrir que ele não morreu, certamente irá atrás dele e de todos que estão a sua volta.

Assim sendo, Shinichi Kudo adota o pseudônimo de Conan Edogawa e vai morar na casa de sua amiga de infância Ran Mouri, por quem é apaixonado, graças ao Dr. Agasa, o único que sabe sua real identidade, pois segundo ele seria ótimo morar com a Ran porque seu pai Kogoro Mouri é um detetive e Conan teria recursos para investigar a Black Organization.

É claro que Shinichi, agora vivendo como Conan, deve se precaver contra quaisquer suspeitas sobre ele, então ele volta a frequentar o ensino fundamental. Lá ele encontra bons amigos e juntos formam uma liga de jovens detetives, auto-denominada Detective Boys.

Apesar de estar morando em uma agência de investigação, a vida de Conan não é nada boa, isso porque Kogoro Mouri, pai de Ran, não tem aptidão nenhuma para exercer a profissão de detetive, portanto Conan sempre resolve os casos para ele. Para isso, Conan conta com várias invenções muito úteis do Dr. Agasa, como seu alterador de voz, relógio que dispara uma agulha tranquilizante, skate movido a energia solar e outros.

Por conta de estar sempre em contato com sua amada, a história entre Conan e Ran evolui bastante durante a série, mesmo ela não sabendo a real identidade de Conan.

Com o avanço da série, surge uma outra personagem muito importante, trata-se de Ai Haibara, uma garotinha de também 7 anos que na verdade é Sherry, integrante da Black Organization e que também tomou uma dose da mesma droga (APTX 4869) que Shinichi, porém por motivos diferentas: ela foi deixada para morrer pela organização e tomou a droga com o propósito de se suicidar. Como ao invés de mata-la a droga a regrediu para uma criança de sete anos, ela foi capaz de fugir da organização e mudar sua identidade, passando a morar junto com o doutor Agasa.

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Shinichi Kudo: Personagem principal da série. Shinichi transformou-se em criança após ter sido forçado a tomar um veneno, chamado APTX 4869, criado pela Black Organization.
  • Conan Edogawa: "Versão criança" de Shinichi. Conan investiga a Black Organization para prender seus membros e busca, com a ajuda de Haibara Ai, o antídoto para recuperar seu corpo original. Montando seu novo aliás como Edogawa Conan, com a união dos nomes de dois de seus autores favoritos, Edogawa Rampo e Sir Arthur Conan Doyle, ele vai viver com Ran e seu pai, utilizando um dardo sonífero para colocar Kogoro para dormir enquanto ele resolve os casos usando sua voz. Dependendo do caso a resolver, ele pode utilizar o mesmo método com outros detetives e Sonoko, melhor amiga de Ran.
  • Ran Mouri: Amiga de infância que tem um certo interesse amoroso em Shinichi. Ela não sabe a verdadeira a identidade de Conan, embora, por várias vezes, esteja realmente perto de descobrir o mistério. Ela é a única a cuidar dele junto com seu pai, Kogoro.
  • Kogoro Mouri: Detetive particular e pai de Ran. Separado de Eri Kisaki, mãe de Ran. Sleeping Kogoro, ou Kogoro adormecido, é o nome pelo qual fica reconhecido pelos casos que "resolve", ao ser atingido com o dardo tranquilizante de Conan.
  • Eri Kisaki: Advogada e mãe de Ran. Divorciou-se do marido por seu jeito desleixado e paquerador. Aparece várias vezes nos episódios, tendo sua primeira aparição em um restaurante, no qual era uma das suspeitas de assassinato.
  • Yusaku Kudo: Pai de Shinichi. Autor famoso que passa o maior tempo na séria fugindo de seus editores. Criador do Night Baron e outros Best Sellers, sendo um dos melhores detetives da série, aposentou-se oficialmente para se tornar escritor. Tem vários contatos no FBI e CIA, que foram apresentados e utilizados por Conan enquanto perseguia a Organização.
  • Yukiko Kudo: Mãe de Shinichi e atriz famosa. Mãe de Conan quando sob disfarce. Aparece várias vezes para ter momentos mãe-filho com seu mini Shin-chan e levá-lo para resolver casos para amigos e conhecidos.

Mídia[editar | editar código-fonte]

Manga[editar | editar código-fonte]

O mangá tem sido publicado pela Shōnen Sunday desde 1994, escrito e desenhado por Gosho Aoyama, continua até os dias de hoje. O primeiro tankoubon foi também publicado pela Shogakukan em 1994; já ultrapassando a casa dos 64 volumes.

A Viz Media publica o mangá Case Closed nos Estados Unidos e no Canadá; a Victor Gollancz Ltd publica o mangá no Reino Unido utilizando a tradução da Viz Media. Tais versões alteram não somente o título da série, mas também nomes dos personagens, como por exemplo Jimmy ao invés de Shinichi, Rachel ao invés de Ran e Richard ao invés de Kogoro. Até o presente momento, já há mais de 26 volumes traduzidos em inglês em lojas americanas de acordo com o site rightstuf.com.

Anime[editar | editar código-fonte]

Dirigido por Kenji Kodama e Yasuichiro Yamamoto e produzido por Tokyo Movie Shinsha e Yomiuri Telecasting Corporation, o anime Detective Conan começou a ser exibido no dia 8 de janeiro de 1996 na Yomiuri Telecasting Corporation e Nippon TV. A série continua até os dias de hoje, com 700 episódios exibidos até o dia 01 de julho de 2013.

O anime é licenciado também nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e Tailândia, e Chile (EtcTv).

Em Portugal a série foi emitida na SIC. Só foram emitidos os primeiros 26 episódios, dobrados em português na Dialectus no ano de 2008. A dobragem foi dirigida por Joaquim Alberto Novo e Conan foi interpretado por Rita Fernandes.

Dubladores[editar | editar código-fonte]

Live Action[editar | editar código-fonte]

Existem atualmente 2 filmes Live Action produzidos para esta série, um em 2006 e outro em 2007.

O primeiro foi ao ar no Japão na Nippon Television no dia 2 de outubro de 2006. Estrelando Shun Oguri como Shinichi Kudo, Tomoka Kurokawa como Ran Mouri e Takanori Jinnai como Kogoro Mouri.

O segundo foi ao ar no dia 17 de dezembro de 2007, com a adição de personagens como Yu Kashii como Shiho Miyano, Sasaki Kuranosuke como Gin, Okada Taro como Vodka, Tayama Ryosei como Agasa, Fujisaki Nao (Conan) e Shibata Kyoka (Haibara).

Filmes[editar | editar código-fonte]

Desde 1997, tem sido lançado um filme de Detective Conan a cada Golden Week. Com exceção do primeiro filme, todos os outros foram colocados nas telas de cinema do Japão.

O primeiro filme também é o único a ter publicação oficial no Brasil, lançado pela Flashstar, o filme Detetive: The Time-Bombed Skyscraper (名探偵コナン 時計じかけの摩天楼, Meitantei Conan: Tokei-jikake no matenrō?) foi originalmente lançado no dia 19 de abril de 1997. Foi dirigido por Michihiko Sawa e escrito por Kazunari Kochi. O filme foi parcialmente baseado na história que Gosho Aoyama planejou para o fim do Magic Kaito. Neste primeiro filme, Conan é desafiado a encontrar diversas bombas espalhadas pela cidade de Toquio.

Já existem até o momento 16 filmes do Detetive Conan.

Musica[editar | editar código-fonte]

Temas de abertura[editar | editar código-fonte]

  1. "Mune ga Dokidoki" por the High-Lows (episódios 1 ao 30)
  2. "Feel Your Heart" por Velvet Garden (episódios 31 ao 52)
  3. "Nazo" por Miho Komatsu (episódios 53 ao 096)
  4. "Unmei no Roulette wo Mawashite" por ZARD (episódios 097 ao 123)
  5. "Truth" por Two-Mix (episódios 124 ao 142)
  6. "Girigiri Chop" por B'z (episódios 143 ao 167)
  7. "Mysterious Eyes" por Garnet Crow (episódios 168 ao 204)
  8. "Koi wa thrill, shock, suspense" por Rina Aiuchi (episódios 205 ao 230)
  9. "Destiny" por Miki Matsuhashi (episódios 231 ao 258)
  10. "Winter Bells" por Mai Kuraki (episódios 259 ao 270)
  11. "I can't stop my love for you" por Rina Aiuchi (episódios 271 ao 305)
  12. "Kaze no Lalala" por Mai Kuraki (episódios 306 ao 332)
  13. "Kimi to Yakusoku Shita Yasashii Ano Basho Made" por U-ka Saegusa (episódios 333 ao 355)
  14. "Start" por Rina Aiuchi (episódios 356 ao 393)
  15. "Hoshi no Kagayakiyo" por ZARD (episódios 394 ao 414)
  16. "Growing of My heart" por Mai Kuraki (episódios 415 ao 424)
  17. "Shoudou" por B'z (episódios 425 ao 437)
  18. "100 Mono Tobira " por Rina Aiuchi & U-ka Saegusa (episódios 438 ao 456)
  19. "Kumo ni Notte (Ride on the Clouds)" por U-ka saegusa IN db (episódios 457 ao 474)
  20. "Namida no Yesterday" por Garnet Crow (episódios 475 ao 486)
  21. "Glorious Mind" por ZARD (episódios 487 ao 490)
  22. "Ai wa Kurayami no Naka de" por ZARD (episódios 491 ao 504)
  23. "Ichibyō goto ni Love for you" por Mai Kuraki (episódios 505 ao 514)
  24. "MYSTERIOUS" por Naifu (episódios 515 ao 520)
  25. "Revive" por Mai Kuraki (episódios 521 ao 529)
  26. "Everlasting Luv" por BREAKERZ (episódios 530 ao 546)
  27. "Magic" por Rina Aiuchi (episódios 547 ao 564)
  28. "As the Dew" por Garnet Crow (episódios 565 ao 582)
  29. "Summer Time Gone" por Mai Kuraki (episódios 583 ao 601)
  30. "Tear Drops" por Caos Caos Caos (episódios 602 ao 612)
  31. "Don't Wanna Lie" por B'z (episódios 613-625)
  32. "Misty Mistery" por GARNET CROW (episódios 627-641)
  33. "Miss Mistery" por BREAKERZ (episódios 642-666)
  34. "Kimi no namida ni konna ni koi shiteru" (君の涙にこんなに恋してる) por Natsuiro (episódios 667-680)
  35. "Try Again" por Mai Kuraki (episódios 681-695)
  36. "Q&A" por B'z (episódios 696-717)
  37. "Butterfly Core" por VALSHE (episódios 718-em diante)

Temas de encerramento[editar | editar código-fonte]

  1. "Step by Step" por Ziggy (episódios 1 ao 26)
  2. "Meikyuu no Lovers" por heath (episódios 27 ao 51)
  3. "Hikari to Kage no Roman" por Keiko Utoko (episódios 52 ao 70)
  4. "Kimi ga Inai Natsu" por DEEN (episódios 71 ao 83)
  5. "Negai goto Hitotsu Dake" por Miho Komatsu (episódios 84 ao 108)
  6. "Koori no Ue ni Tatsu You ni" por Miho Komatsu (episódios 109 ao 131)
  7. "Still for Your Love" por Rumania Montevideo (episódios 132 ao 152)
  8. "Free Magic" por WAG (episódios 153 ao 179)
  9. "Secret of my heart" por Mai Kuraki (episódios 180 ao 204)
  10. "natsu no maboroshi" por Garnet Crow (episódios 205 ao 218)
  11. "Start in my life" por Mai Kuraki (episódios 219 ao 232)
  12. "always" por Mai Kuraki (episódios 233 ao 247)
  13. "Aoi Aoi Kono Chikyuu ni" por Azumi Uehara (episódios 248 ao 265)
  14. "Yumemita Ato de" por Garnet Crow (episódios 266 ao 287)
  15. "Mushoku" por Azumi Uehara (episódios 288 ao 299)
  16. "Overture" por Koshi Inaba (episódios 300 ao 306)
  17. "Ashita wo Yumemite" por ZARD (episódios 307 ao 328)
  18. "Kimi to iu Hikari" por Garnet Crow (episódios 329 ao 349)
  19. "Nemuru Kimi no Yokogao ni Hohoemi wo" por U-ka saegusa IN db (episódios 350 ao 376)
  20. "Wasurezaki" por GARNET CROW (episódios 377 ao 397)
  21. "June Bride ~Anata shika mienai~" por U-ka Saegusa (episódios 398 ao 406)
  22. "Sekai tomete" por Shiori Takei (episódios 407 ao 416)
  23. "Thank You For Everything" por Iwata Sayuri (episódios 417 ao 424)
  24. "Kanashii hodo Kihou ga suki" por Zard (episódios 425 ao 437)
  25. "Mou Kimi dake wo Hanashitari Shinai" por Aya Kamiki (episódios 438 ao 458)
  26. "Shiroi Yuki" por Mai Kuraki (episódios 459 ao 470)
  27. "I still believe ~Tameiki~" por Yumi Shizukusa (episódios 471 ao 486)
  28. "Sekai wa mawaru to iu keredo" por Garnet Crow (episódios 487 ao 490)
  29. "Yukidoke no ano kawa no nagare no you ni" por U-ka saegusa IN db (episódios 491 ao 504)
  30. "Summer Memories" por Aya Kamiki (episódios 505 ao 514)
  31. "Go Your Own Way" por Yumi Shizukusa (episódios 515 ao 520)
  32. "Koigokoro kagayaki nagara" por Naifu (episódios 521 ao 529)
  33. "Doing All Right" por Garnet Crow (episódios 530 ao 539)
  34. "Hikari" por Breakerz (episódios 540 ao 561)
  35. "Hello Mr. My Yesterday" por 100 Percent Free (episódios 562 ao 587)
  36. "Tomorrow is the Last Time" por Mai Kuraki (episódios 588 ao 601)
  37. "Juugoya Crisis ~Kimi ni Aitai~" por Hundred Percent Free (episódios 602 ao 609)
  38. "Tsukiyo no Itazura no Mahou" por BREAKERZ (episódios 610-626)
  39. "Pilgrim" (ピルグリム) por B'z (episódios 627-628) *Especial de Verão*
  40. "Your Best Friend" por Mai Kuraki (episódios 629-643)
  41. "Kanashii Hodo Kyou no Yuuhi Kirei dane" (悲しいほど 今日の夕陽 きれいだね) por Grram (episódios 644-653)
  42. "Overwrite" (オーバーライト)por BREAKERZ (episódios 654-666)
  43. "Koi ni Koishite" (恋に恋して) por Mai Kuraki (episódios 667-686)
  44. "Hitomi no Melody" (瞳のメロディ) por BOYFRIEND (episódios 687-704)
  45. "Kimi no egao ga nani yori mo sukidatta" (君の笑顔がなによりも好きだった) por Chicago Poodle (episódios 705-721)
  46. "Ima Aitakute" (いま逢いたくて) por BREAKERZ (episódios 722-em diante)

Recepção[editar | editar código-fonte]

Em 2001, o mangá conquistou o Shogakukan Manga Award na categoria shōnen, junto com Cheeky Angel de Hiroyuki Nishimori. Na quinta edição do anual Tokyo Anime Awards, o nono filme de Conan, Detective Conan: Strategy Above the Depths, conquistou o prêmio na categoria longa-Metragem, junto com Mobile Suit Zeta Gundam: Heirs To The Stars.

TV Asahi, em uma pesquisa nacional realizada em 2005, colocou a série do sexto lugar em seu top 100 anime[1] , as pesquisas feitas on-line no mesmo momento, também conduzidas pelo mesmo canal de TV, deixou a série em oitavo lugar[2] . A mesma pesquis on-line, feita em 2006, deixou a série no 23º lugar.[3]

Por sua alta popularidade, o governo japonês tem usado a série para promover políticas do governo, incluindo a missão Ministry for Foreign Affairs, a história do G8 Summit, e combate ao crime em geral.

Referências

  1. TV Asahi Top 100 Anime (Part 2) (em inglês). Anime News Network (23 de setembro de 2005).
  2. Título não preenchido, favor adicionar (em inglês). Anime News Netowrk (23 de setembro de 2005). Página visitada em 10 de junho de 2008.
  3. Japan's Favorite TV Anime (em inglês). Anime News Netowrk (13 de outubro de 2006). Página visitada em 10 de junho de 2008.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre mangá e anime é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.