Slam Dunk

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ni hon go2.png Este artigo contém texto em japonês.
Sem suporte multilingual apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de kanji ou kana.
Slam Dunk
スラムダンク
(Suramu Danku)
Capa do primeiro volume de Slam Dunk, mostrando o protagonista Hanamichi Sakuragi.
Gênero Esportes (Basquetebol), Comédia dramática
Mangá
Escrito por Takehiko Inoue
Editora(s) Japão Shueisha
Editora(s)
lusófona(s)
Brasil Conrad
Brasil Panini Comics
Impressão Jump Comics
Revista(s) Weekly Shōnen Jump
Público-alvo Shōnen
Data de publicação 1 de outubro de 1990 – 17 de junho de 1996
Volumes 31 (Lista de capítulos)
Anime
Direção Nobutaka Nishizawa
Produção Nobuaki Kishima
Yoshiyuki Suga
Música Takanobu Masuda (1-61)
B.M.F (62-101)
Estúdio Toei Animation
Emissoras de televisão Japão TV Asahi
Japão Animax
Exibição original 16 de outubro de 199323 de março de 1996
Número de episódios 101
Filme
Duração 30 minutos
Direção Nobutaka Nishizawa
Estúdio Toei Animation
Lançamento 12 de março de 1994
Filme
Conquer the Nation, Hanamichi Sakuragi!
Duração 45 minutos
Direção Toshihiko Arisako
Estúdio Toei Animation
Lançamento 20 de julho de 1994
Filme
Shohoku's Greatest Challenge!
Duração 40 minutos
Direção Hiroyuki Kakudō
Estúdio Toei Animation
Lançamento 12 de março de 1995
Filme
Howling Basketman Spirit
Duração 40 minutos
Direção Masayuki Akihi
Estúdio Toei Animation
Lançamento 15 de julho de 1995
Wikipe-tan face.svg Portal Animangá

Slam Dunk (スラムダンク, Suramu Danku?, lit. "Enterrada") é uma série de mangá escrita e ilustrada por Takehiko Inoue. A história é sobre um time de basquete da escola secundária japonesa Shōhoku. O mangá foi serializado na revista Weekly Shōnen Jump de 1990 até 1996, com os capítulos compilados em 31 volumes tankōbon e publicados pela editora Shueisha. Ele foi adaptado em uma série de anime produzido pela Toei Animation que foi transmitido em todo o mundo, desfrutando de muita popularidade especialmente no Japão, e vários outros países asiáticos e da Europa.[1] Em 2012, Slam Dunk vendeu 120 milhões de cópias somente no Japão, se tornando um dos mangás mais vendidos da história. Inoue depois usou o basquete como tema central em dois títulos de seus mangás subsequentes: Buzzer Beate e Real. Em 2010, Inoue recebeu elogios especiais da Associação de Basquetebol do Japão por ajudar a popularizar o basquete no Japão.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de personagens de Slam Dunk

Hanamichi Sakuragi é um delinquente e líder de uma gangue. Sakuragi é muito impopular com as garotas, tendo sido rejeitado surpreendentemente cinquenta vezes. Ele está no primeiro ano do ensino médio na escola Shohoku, ele conhece Haruko Akagi, à garota de seus sonhos, que fica muito feliz quando ela não o rejeita ou fica com medo dele como todas as outras garotas que ele pediu para sair.

Haruko, reconhecendo o atletismo de Sakuragi, o introduz para o time de basquete de Shohoku. Sakuragi fica relutante em se juntar à equipe primeiramente, pois ele não tem experiência prévia no esporte e acha que o basquete é um jogo para perdedores (em adição ao fato de que a menina quinquagésima o rejeitou para um jogador de basquetebol). Sakuragi, apesar de sua extrema imaturidade e temperamento explosivo, revela-se um atleta natural e se junta à equipe, principalmente na esperança de impressionar e ficar mais perto de Haruko. Mais tarde, Sakuragi percebe que ele realmente ama o esporte, apesar de ter jogado anteriormente, principalmente por causa de sua paixão por Haruko. Kaede Rukawa — rival de Sakuragi (tanto no basquete e por Haruko que tem uma grande paixão, embora unilateral, em Rukawa), o novato estrela e uma "garota imã" — se juntam à equipe, ao mesmo tempo. Não muito tempo depois, Hisashi Mitsui, um habilidoso lançador de três pontos e ex JMV, e Ryota Miyagi, um pequeno armador mas rápido, ambos se juntam à equipe e juntos esses quatro se esforçam para realizar o sonho do capitão da equipe Takenori Akagi de ganhar o campeonato nacional. Juntos, esses desajustados ganham popularidade e o time de basquete Shohoku pouco conhecido torna-se um candidato de estrelas no Japão.

Produção[editar | editar código-fonte]

Inoue tornou-se inspirado para fazer Slam Dunk porque ele gostava de basquete desde seus anos de colégio. Depois que Inoue começou Slam Dunk, ele ficou surpreso quando ele começou a receber cartas de leitores que diziam que começaram a jogar o esporte devido ao mangá. Seu editor disse-lhe o mesmo "basquete era um tabu neste mundo". Devido a estas cartas, decidiu que queria desenhar os melhores jogos de basquete na série.[2] Com a série, Inoue queria demonstrar os sentimentos de um atleta, como os seus pensamentos quando eles ganham, perdem ou melhoram em seu esporte. Quando ele começou a fazer Vagabond, ele observou que quando ele estava fazendo Slam Dunk ele tinha uma perspectiva mais simples sobre a vida como se concentrar mais em vitórias e sucesso.[3]

Com a série, Inoue queria que os leitores se sentissem realizados, bem como o amor para o esporte.[4] Pensando que o seu sucesso como um artista de mangá era sendo em grande parte devido ao basquete, Inoue organizou um projeto intitulado Slam Dunk Scholarship que dá bolsas de estudo para estudantes japoneses, assim aumentando sua popularidade no Japão.[5] Contudo, quando perguntado sobre a resposta dos leitores para o basquetebol, Inoue comentou que apesar de Slam Dunk é tecnicamente um mangá de basquete, a sua história poderia ter sido feita com outros esportes como futebol.[6] Ele também acrescentou que a obra de arte para o mangá foi muito típico em comparação com seus trabalhos mais recentes, como Real. Suas experiências com basquete também influenciou a história de Slam Dunk: como um jovem Inoue começou a jogar basquete para ser popular com as garotas, mas depois tornou-se interessado com o esporte em si. Este foi espelhado no personagem de Hanamichi Sakuragi, que começa a jogar basquete para ser popular com a garota que ele gosta, para mais tarde realmente gostar do esporte.[7]

Mídias[editar | editar código-fonte]

Mangá[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Lista de capítulos de Slam Dunk

A série foi originalmente publicada na revista Weekly Shōnen Jump da editora Shueisha da edição 40, de 1990 até a edição 27 do ano de 1996.[8][9] Os 276 capítulos individuais foram originalmente compilados em 31 volumes tankōbon sob a marca Jump Comics da Shueisha, com o primeiro volume sido publicado em 8 de fevereiro de 1991, e o volume final em 3 de outubro de 1996.[10][11] Mais tarde, foi relançado em 24 volumes kanzenban também sob a marca Jump Comics de 19 de março de 2001 a 02 de fevereiro de 2002.[12][13] Em 2004, Inoue produziu um epílogo intitulado Slam Dunk: 10 Days After, que foi elaborado em 23 quadros-negros no antigo campus da extinta Misaki High School localizada na prefeitura de Kanagawa, que foi realizada para a exposição pública a partir de 3 dezembro até 5 dezembro. O epílogo, juntamente com a cobertura do evento, foi reimpresso em 2005 na edição de fevereiro da revista Switch.[8]

No Brasil, foi licenciado pela editora Conrad e foi publicado entre julho de 2005 e janeiro de 2008.[14] Atualmente, é licenciado pela editora Panini, que deve começar a republicação em 2016.[15]

Anime[editar | editar código-fonte]

Foi composto por 101 episódios exibidos na TV Asahi. Produzido pelo estúdio Toei Animation e dirigido por Nobutaka Nishizawa. Foi exibido pela primeira vez em 6 de outubro de 1993 a 23 de março de 1996 pela TV Asahi e mais tarde pela Animax. O anime segue o enredo do mangá, mas, não mostra os jogos do Torneio Nacional. E além disso, foram lançados quatro filmes, mostrando histórias paralelas da série de TV.

Jogos eletrônicos[editar | editar código-fonte]

Numerosos jogos eletrônicos baseados na série, principalmente desenvolvidos por Banpresto e produzidos pela Bandai, foram publicados para o mercado japonês. Dois sims de basquete intitulado Slam Dunk Gakeppuchi no Kesshō League e Slam Dunk 2 foram lançados para Game Boy.[16][17] O Super Nintendo teve três jogos, Slam Dunk: Shi Tsuyo Gekitotsu, Slam Dunk 2: IH Yosen Kanzenban!!, e SD Heat Up!!.[18][19][20] Jogos de Slam Dunk também foram liberados para o Game Gear, Mega Drive, e Sega Saturn.[21][22][23] Personagens da série também apareceram nos jogos Jump Super Stars e Jump Ultimate Stars para Nintendo DS.[24][25]

Modificações de jogo não oficiais foram feitos por fãs para NBA 2K13 (Versão de PC).[26]

Referências

  1. Charles Solomon (12 de junho de 2010). «Author profile: Manga artist Takehiko Inoue has hoop dreams» (em inglês). Los Angeles Times. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  2. Inoue, Takehiko. Slam Dunk, Volume 31 Shueisha [S.l.] ISBN 4-08-871839-9. 
  3. Aoki, Deb. «Interview: Takehiko Inoue» (em inglês). About.com. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  4. «Takehiko Inoue Talks about Visit to Kinokuniya» (em inglês). Comipress.com. 2 de fevereiro de 2008. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  5. Aoki, Deb. «Interview: Takehiko Inoue - Page 2» (em inglês). About.com. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  6. Sevakis, Justin (21 de novembro de 2007). «Takehiko Inoue at Kinokuniya NYC» (em inglês). Anime News Network. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  7. Cha, Kai-Ming; MacDonald, Heidi (26 de novembro de 2007). «Takehiko Inoue Unveils Mural at New Kinokuniya» (em inglês). Publisher Weekly. Arquivado desde o original em 26 de dezembro de 2007. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  8. a b «Slam Dunk 10 Days After Epilogue's Reprint Confirmed» (em inglês). Anime News Network. 24 de janeiro de 2009. Consultado em 5 de agosto de 2016. 
  9. «Works from Takehiko Inoue» (em japonês). Consultado em 5 de agosto de 2016. 
  10. «SLAM DUNK/1| 井上 雄彦| ジャンプコミックス|BOOKNAVI|集英社». books.shueisha.co.jp (em japonês). Consultado em 2016-08-06. 
  11. «SLAM DUNK/31| 井上 雄彦| ジャンプコミックス|BOOKNAVI|集英社». books.shueisha.co.jp (em japonês). Consultado em 2016-08-06. 
  12. «SLAM DUNK 完全版/24| 井上 雄彦| ジャンプコミックス デラックス|BOOKNAVI|集英社». books.shueisha.co.jp (em japonês). Consultado em 2016-08-06. 
  13. «SLAM DUNK 完全版/1| 井上 雄彦| ジャンプコミックス デラックス|BOOKNAVI|集英社». books.shueisha.co.jp (em japonês). Consultado em 2016-08-06. 
  14. «Capas Slam Dunk /Conrad | Guia dos Quadrinhos». www.guiadosquadrinhos.com. Consultado em 2016-08-06. 
  15. «Confirmado: Relançamento de Slam Dunk pela Panini». ChuNan! - Chuva de Nanquim. 2016-04-26. Consultado em 2016-08-06. 
  16. «スラムダンクがけっぷちの決勝リーグ» (em japonês). Amazon.com. 
  17. «Slam Dunk 2» (em inglês). GameSpot. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  18. «スラムダンク From TV animation 四強激突!!» (em japonês). Amazon.com. 
  19. «Slam Dunk 2: IH Yosen Kanzenban!!» (em inglês). GameSpot. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  20. «Slam Dunk SD Heat Up!!» (em inglês). GameSpot. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  21. «テレビアニメ スラムダンク 【ゲームギア】» (em japonês). Amazon.com. 
  22. «テレビアニメ スラムダンク MD 【メガドライブ】» (em japonês). Amazon.com. 
  23. «テレビアニメ スラムダンク アイラブバスケットボール» (em japonês). Amazon.com. 
  24. «スラムダンク - キャラクター紹介» (em japonês). Nintendo. Consultado em 29 de julho de 2016. 
  25. ジャンプアルティメットスターズファーストアルティガイド Shueisha [S.l.] 2006. pp. 183–184. ISBN 4-08-779392-3. 
  26. «NBA 2K13 SlamDunk + Kuroko's Basketball Mod (Anime)» (em inglês). Consultado em 2016-07-29. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]