Elma Chips

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Elma Chips
Tipo Empresa de capital fechado
Indústria Alimentícia
Gênero Subsidiária da PepsiCo
Fundação 1974 (42 anos)
Sede  Brasil
Áreas servidas Em todo o Brasil
Proprietário(s) Frito-Lay
Produtos Salgadinhos
Parentesco PepsiCo
Página oficial www.elmachips.com.br

A Elma Chips é a empresa brasileira da Frito-Lay, subsidiária do ramo de salgados do grupo americano Pepsico, que engloba, entre outras marcas, os refrigerantes Pepsi.

Com presença em praticamente todo o país, seja através de venda direta ou de distribuidores, a Elma Chips conta com participação superior a 75% do mercado brasileiro.

Em 1974 a PepsiCo adquiriu e uniu as empresas American Potato Chips de São Paulo e a Elma Produtos Alimentícios, de Curitiba. Dessa união, nasceu a Elma Chips, com uma linha variada de produtos para diferentes tipos de consumidores. A marca se tornou conhecida com seu sloganÉ impossível comer um só”.

A empresa lançou o Banconzitos, um de seus sucessos, em 1974, acompanhado do Stiksy. Em 1976 introduziu no Brasil o salgadinho Cheetos na versão original, depois vieram o Fandangos original no sabor milho (1980), o salgado Cebolitos (1978), a batata Ruffles em 1986 e o Doritos. Em 1982 foram lançados os sabores Queijo e Presunto do salgadinho Fandangos. Em 2004, com uma campanha de lançamento de R$ 20 milhões, o maior da história da Elma Chips no país, intorduziu a linha Sensações, uma batata mais fina e condimentada feita para agradar o paladar dos adultos.

Hoje, a Elma Chips faz parte da divisão Frito-Lay, o maior produtor de salgadinhos do mundo, que pertence ao grupo PepsiCo, que é o quinto maior produtor de alimentos e bebidas do mundo. A produção é distribuída para as filiais de vendas espalhadas pelo Brasil e daí para mais de 200 mil pontos-de-venda. 

A Elma Chips vende atualmente mais de 560 mil pacotes de salgadinhos por dia.

Principais produtos: salgadinhos e biscoitos[editar | editar código-fonte]

Os salgadinhos Baconzitos foram lançados em 1974, juntamente com o biscoito Stiksy (que já era produzido artesanalmente desde 1959 pelas famílias Wagner e Unger em Curitiba, fundadores da empresa Elma)[1]; em 1976 introduziu-se no Brasil o biscoito Cheetos na versão original, depois vieram Fandangos com sabor de milho (1980), Cebolitos (1978), a batata Ruffles (1986) e Doritos. Em 1982 foram lançados Fandangos com sabores queijo e presunto. Em 2004, a empresa introduziu a linha Sensações.[2]

Distribui-se a produção para as filiais de vendas espalhadas pelo Brasil e, a partir dessas filiais, para mais de 200 mil pontos pontos de venda; a Elma Chips vende atualmente mais de 560 mil pacotes de biscoito por dia.[2]

Linha de produtos[editar | editar código-fonte]

  • Pegaditos (19xx-2004) biscoito na forma de pegadas de dinossauro (saiu de linha)
  • Baconzitos (1974)
  • Stiksy (1976)
  • Cheetos; Bola, Tubo e Tradicional (1977). Depois de 1986, permanece somente no formato original, retornando o Bola, Tubo e novidades: Estrela, Meia-Lua e Ondas, no sabor requeijão, em 2000. Atualmente, estão a venda as versões Lua, Onda e Tubo (relançado em 2010)
  • Cebolitos: 1978, até início dos anos 1990. Retornou ao mercado em 2000.
  • Fandangos (1980); sabores queijo e presunto (feitos de milho), além de sabores esporádicos, de edições limitadas.
  • Zambinos (1982); sabor pizza, de formato arredondado, lembrando uma mini-pizza (saiu de linha nos anos 90, retornando em 2004, porém devido a baixas vendas, descontinuado logo em seguida)
  • Lay's (1984, retornando em 2013); sabor original, saiu do mercado. Atualmente a marca batiza batata-palha. Relançada no mercado brasileiro em 2013 devido a pedidos, distribuídas em pontos de vendas de SP e RJ as batatas Lay's sabores Clássica, Sour Cream e Picanha, esta última adaptada para o mercado brasileiro, disponivel nos tamanhos 33 g e 90 g. Disponível para todo o Brasil desde de janeiro de 2014.
  • Doritos (1985); sabores Original, Pizza (saiu do mercado), Queijo Nacho, Dippas, Sweet Chili e Late Night (sabor Cheeseburger), estes dois últimos em edição limitada. Em 2012, introduziu-se no mercado brasileiro o sabor Cool Ranch, já conhecido nos Estados Unidos.
  • Ruffles (1986); sabores: tradicional, cebola e salsa e churrasco.[3]
  • Pingo d'Ouro (década de 1980); sabores toicinho defumado (‘bacon’) e picanha grelhada, sendo este último lançado em 2002. Já teve sabores de pizza e de frango grelhado.[4]
  • Sensações (2004); sabores frango grelhado e peito de peru.[5]
  • Sensações Fit; sabores ervas finas e toque de azeite e sal.[6]
  • Sensações ao Forno; sabores original.
  • Stax (2006); sabores original, cheddar, creme azedo & cebola (‘sour cream & onion’) e pimenta tailandesa.[7]
  • Na Mesa (2007); sabores tradicional, salsinha e cebola e toque de pimenta
  • Opa! (2008); sabores ovinhos de amendoim, sabores: camarão, pizza.[8]
  • De Montão (2011): um salgado com Ruffles, Doritos e Baconzitos juntos em uma só embalagem. Em outra versão, juntou Ruffles, Fandangos e Cebolitos.
  • Pipoca Poffets (1995): pipoca salgada pronta, nos sabores natural e queijo. Saiu de linha em 1996, devido à baixa procura.
  • Becão e Bicão (1994): um par de salgadinhos em forma de ossinhos, nos sabores queijo e presunto. Foram feitos em parceria com Ayrton Senna, estampando dois dos personagens dos quadrinhos do Senninha. Saiu de linha em pouco tempo.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]