Fernando Camilo Farias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Camilo
Camilo
Apresentação de Camilo ao Al Shabab, da Arábia Saudita.
Informações pessoais
Nome completo Fernando Camilo Farias
Data de nasc. 9 de março de 1986 (33 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,74 m
Destro
Apelido Camito
Informações profissionais
Período em atividade 2006–presente (12 anos)
Clube atual Internacional
Número 22
Posição Meia
Clubes de juventude
2000–2004
2004–2006
America
RS Futebol
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2006–2008
2008–2009
2009
2009
2010
2011
2011
2012
2012
2013
2013
2014
2014–2015
2015–2016
2016–2017
2017–
Marília
Cruzeiro
Grêmio Barueri
Santo André
Ceará
América Mineiro
Hull City
Botafogo-SP
Avaí
Mirassol
Sport
Botafogo-SP
Chapecoense
Al-Shabab
Botafogo
Internacional
0054 0000(7)
0026 0000(0)
0002 0000(0)
0009 0000(0)
0018 0000(1)
0012 0000(2)
0014 0000(2)
0017 0000(3)
0017 0000(0)
0018 0000(7)
0026 0000(3)
0012 0000(2)
0066 0000(9)
0010 0000(1)
0057 0000(7)
0048 0000(2)
Seleção nacional
2017 Brasil 0001 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 2 de dezembro de 2018.

Fernando Camilo Farias (Rio de Janeiro, 9 de março de 1986), é um futebolista brasileiro que atua como meia. Atualmente joga pelo Internacional.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Nascido na cidade do Rio de Janeiro, Camilo jogou no America do Rio e no RS Futebol, na época administrado por Paulo César Carpegiani[2] antes de chegar ao Marília no ano de 2006. Ganhou notoriedade após a Série B de 2007, aonde recebeu várias propostas [3]de grandes clubes brasileiros e do exterior.

Acabou sendo negociado com o Cruzeiro que adquiriu parte de seus direitos econômicos para um contrato de três anos.[4]

Sem espaço no time mineiro, foi emprestado para alguns times do Brasil. Ao final de seu contrato, se transferiu para o Hull City da Inglaterra em 2011.

Retornou ao futebol brasileiro em 2012, para atuar no Botafogo de Ribeirão Preto. Passou um período pelo Avaí, antes de ir ao Mirassol, aonde se destacou no Paulistão de 2013, anotando o último gol na goleada histórica por 6 a 2 contra o Palmeiras.[5] Com isso, foi contratado pelo Sport para a disputa da Série B do mesmo ano.[6]

Em 2014, voltou a jogar pelo Botafogo-SP[7]. Porém, após o abandono da concentração do clube ante às quartas-de-final do Paulistão, entrou em litígio com a diretoria.

Chapecoense[editar | editar código-fonte]

Foi contratado pela Chapecoense para disputar a Série A de 2014.[8] Novamente voltou aos holofotes do futebol nacional e renovou seu contrato por mais um ano com a equipe catarinense.[9] Disputou com destaque o Campeonato Brasileiro de 2015, com gols e assistências. Esteve presente e marcando gol na goleada da Chape por 5 a 0 contra o Internacional em 2014, e também na goleada por 5 a 1 contra o Palmeiras em 2015. E foi o primeiro jogador a marcar pela Chapecoense em uma competição Internacional.

Al Shabab[editar | editar código-fonte]

Novamente assediado, dessa vez se transferiu para o futebol árabe, acertando com o Al Shabab da Arábia Saudita.[10]

Botafogo[editar | editar código-fonte]

Rompeu seu contrato após ficar cinco meses sem receber, e acertou com o Botafogo, onde foi novamente disputar a Série A.[11]

Estreou no Botafogo no dia 26 de junho em partida contra o Internacional no Beira-Rio com a camisa 10, marcando um gol e dando uma assistência, garantindo a vitória por 3 a 2.[12] Marcou um golaço de bicicleta na partida contra o Grêmio valido pela decima nona rodada do brasileirão. No jogo em seguida, também, pelo campeonato brasileiro, partida essa contra o Cruzeiro, fez outro golaço, recebendo um cruzamento pela esquerda e chutando de primeira.

Após o término do campeonato brasileiro de 2016, Camilo recebeu o prêmio de gol mais bonito do campeonato no "Bola de prata" pelo gol de bicicleta, com 40% dos votos dos internautas.

Após longo tempo sem marcar, Camilo marcou gol contra o Atlético Nacional de Medelín, e ajudou o Botafogo a vencer a partida fora de casa por 2 a 0, quebrando um jejum do Alvinegro de 24 anos sem vitória fora de casa pela Libertadores.

Internacional[editar | editar código-fonte]

O Internacional oficializou a contratação de Camilo, que assinou contrato com a equipe até julho de 2019.[13]

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Camilo foi convocado pela primeira vez para um amistoso contra a Colômbia no dia 25 de janeiro de 2017, realizado no Estádio Nilton Santos, casa do Botafogo, a fim de arrecadar fundos para os familiares das vítimas do acidente de avião envolvendo a Chapecoense. Nessa convocação, só foram chamados atletas que jogavam no Brasil. Camilo entrou na partida aos 35 minutos do segundo tempo, apesar de ter jogado pouco mais de 10 minutos, ele mostrou um ótimo futebol, com bons passes e dribles, tendo destaque pela caneta dada em Orlando Berrío, sendo um assunto muito repercutido nas redes sociais após a partida.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Atualizado até 2 de dezembro de 2018.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Marília 2006 0 0 0 0 0 0
2007 15 0 2 2 0 1 17 0 3
2008 18 5 2 18 5 2
Total 15 0 2 0 0 0 0 0 0 20 5 3 35 5 5
Cruzeiro 2008 18 0 1 18 0 1
2009 4 0 0 4 0 0
Total 18 0 1 0 0 0 0 0 0 4 0 0 22 0 1
Grêmio Barueri 2009 2 0 0 2 0 0
Total 2 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 2 0 0
Santo André 2009 9 3 0 9 3 0
Total 9 3 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 9 3 0
Cruzeiro 2010 4 0 1 4 0 1
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 0 1 4 0 1
Ceará 2010 17 0 1 1 1 0 18 1 1
Total 17 0 1 0 0 0 0 0 0 1 1 0 18 1 1
América Mineiro 2011 3 0 0 9 2 0 12 2 0
Total 3 0 0 0 0 0 0 0 0 9 2 0 12 2 0
Shanghai Shenxin 2011 14 2 0 14 2 0
Total 14 2 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 14 2 0
Botafogo-SP 2013 17 3 0 17 3 0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 17 3 0 17 3 0
Avaí 2012 17 0 3 17 0 3
Total 17 0 3 0 0 0 0 0 0 0 0 0 17 0 3
Mirassol 2013 18 7 0 18 7 0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 18 7 0 18 7 0
Sport 2013 23 3 4 3 0 0 26 3 4
Total 23 3 4 0 0 0 3 0 0 0 0 0 26 3 4
Botafogo-SP 2014 12 2 3 12 2 3
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 12 2 3 12 2 3
Chapecoense 2014 25 4 3 25 4 3
2015 31 3 3 2 0 1 4 1 0 4 1 0 41 5 4
Total 56 7 6 2 0 1 4 1 0 4 1 0 66 9 7
Al Shabab 2015–16 9 0 0 2 1 0 11 1 0
Total 9 0 0 2 1 0 0 0 0 0 0 0 11 1 0
Botafogo 2016 28 6 5 2 0 0 30 6 5
2017 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1 0 0 1 0 0
Total 28 6 5 2 0 0 0 0 0 1 0 0 31 6 5
Internacional 2017 20 0 8 0 0 0 0 0 0 0 0 0 20 0 8
2018 15 0 0 2 0 0 0 0 0 7 0 0 24 1 0
Total 35 0 8 2 0 0 0 0 0 7 0 0 44 1 8
Total na carreira 246 21 30 8 1 1 7 1 0 97 21 7 358 45 38

Títulos[editar | editar código-fonte]

Cruzeiro
Botafogo-SP
  • Troféu Jornalista Renê Andrade: 2014

Referências

  1. «Camilo vai ao treino se despedir e acertará saída do Botafogo nesta terça-feira». Globo Esporte. 18 de julho de 2017. Consultado em 18 de julho de 2017 
  2. «grupocarpegiani.com.br». Consultado em 26 de maio de 2016 
  3. «Sem proposta oficial, Marília revela pressa para negociar Camilo». esporte.uol.com.br. 3 de abril de 2008. Consultado em 26 de maio de 2016 
  4. Luiza Oliveira (3 de maio de 2008). «Cruzeiro apresenta meia Camilo, ex-Marília, na segunda-feira». Consultado em 26 de maio de 2016 
  5. Danielle Barbosa (5 de outubro de 2015). «Você sabia? Algoz do Palmeiras em 2015, Camilo estava no Mirassol naquele histórico 6x2». Consultado em 27 de maio de 2016 
  6. Elton de Castro (27 de maio de 2013). «Sport contrata meio-campo Camilo, destaque do Mirassol no Paulistão». Consultado em 27 de maio de 2016 
  7. «Botafogo acerta retorno de Camilo para o Paulistão». 7 de janeiro de 2014. Consultado em 27 de maio de 2016 
  8. «Em litígio com Botafogo-SP, Camilo pode acertar com Chapecoense». 1 de abril de 2014. Consultado em 27 de maio de 2016 
  9. Laion Espíndula (15 de dezembro de 2014). «Opinião da família pesa na decisão de Camilo de renovar com Chapecoense». Consultado em 27 de maio de 2016 
  10. Leonardo Pereira (5 de janeiro de 2016). «Destaque da Chape em 2015, Camilo assina com clube da Arábia Saudita». Consultado em 27 de maio de 2016 
  11. «Botafogo fecha com meia Camilo por duas temporadas». 25 de maio de 2016. Consultado em 27 de maio de 2016 
  12. globoesporte.com (26 de junho de 2016). «Destaque em estreia, Caminho se anima com Botafogo: "No caminho certo"». Consultado em 26 de junho de 2016 
  13. «Internacional anuncia a contratação de meia Camilo - Gazeta Esportiva». www.gazetaesportiva.com. Consultado em 28 de outubro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.