Konstantin Beskov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Konstantin Beskov
Константин Бесков
RR5110-0101R.png
Informações pessoais
Nome completo Konstantin Ivanovitch Beskov
Data de nasc. 18 de novembro de 1920
Local de nasc. Moscou, Flag of the Russian Soviet Federative Socialist Republic (1918–1937).svg Rússia
Falecido em 6 de maio de 2006 (85 anos)
Altura 1,72
Informações profissionais
Posição Atacante
Treinador
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1937–1940
1941-1954
Flag of the Soviet Union.svg Metalúrgicos de Moscou
Flag of the Soviet Union.svg Dínamo de Moscou
44 (13)
187 (91)
Seleção nacional
1952 Flag of the Soviet Union.svg União Soviética 2 (0)
Medalhas
Jogos Olímpicos
Bronze Moscou 1980 Futebol

Konstantin Ivanovitch Beskov (Moscou, Rússia, 18 de novembro de 1920 - Moscou, 6 de maio de 2006) foi um futebolista soviético, mais conhecido pela sua carreira como treinador e sua permanência por onze anos em um mesmo time, o Spartak Moscou.

Nascido em Moscou, jogou pelo Dínamo da cidade natal como atacante, marcando 126 gols pela equipe, e após o término de sua carreira como atleta, tornou-se um bem sucedido e célebre treinador, que defendeu o Dínamo e o seu rival Spartak, assim como a seleção soviética.[1]

Seu tempo de gestão na equipe do Spartak fez dele e de suas estratégias, conhecidas como Futebol de Beskov, um símbolo do clube durante os anos 1970 e 1980.

Conquistas[editar | editar código-fonte]

Como Atleta[editar | editar código-fonte]

  • Campeão da URSS (1945, 1949).
  • Vencedor da Copa da URSS (1953).
  • Honra de Mestre do Esporte (1948).
  • Membro do clube de artilheiros Grigori Fedotov (126 gols).
  • Vice-campeão dos campeonaos de 1946, 1947, 1948 e 1950.
  • Terceiro lugar em 1952.
  • Finalista das copas de 1945, 1949 e 1950.
  • Membro e um dos "heróis" da viagem do «Dinamo» à Grã-Bretanha (1945) e Escandinávia (1947).
  • Redator principal da CTV — 1963 (Junho).
  • Membro do Comitê Futebolístico da URSS (1990—1991).
  • Autor do livro: «O Jogo do Atacante» (1956-1958) e «Minha Vida no Futebol» (1992).

Como Treinador[editar | editar código-fonte]

Dínamo[editar | editar código-fonte]

  • Vencedor da Copa da URSS (1967, 1970).
  • Treinador de Honra da URSS (1968).
  • Vencedor da Copa da Rússia (1995).

Spartak[editar | editar código-fonte]

  • Campeão da URSS (1979, 1987).
  • Vice-campeão em 1980, 1981, 1983, 1984 e 1985.
  • Terceiro lugar em 1982 e 1986.
  • Finalista da Copa da URSS em 1981.
  • Treinador da Seleção Soviética nos períodos 1963—1964 e 1979—1982.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Seleção de 1980». Consultado em 14 de fevereiro de 2016