Leonardo Gil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Leonardo Gil
Informações pessoais
Nome completo Leonardo Roque Albano Gil
Data de nasc. 31 de maio de 1991 (29 anos)
Local de nasc. Río Gallegos, Argentina
Nacionalidade argentino
chileno
Altura 1,76 m
canhoto
Apelido El Colo
Informações profissionais
Período em atividade 2009–presente (11 anos)
Clube atual Colo-Colo
Número
Posição volante
Clubes de juventude


2004–2009
Ferrocarril YCF
Boxing
CAI
Clubes profissionais
Anos Clubes
2009–2013
2012–2013
2013–2015
2015–2017
2016–2017
2017–2020
2020–2021
2020–2021
2021–
CAI
Olimpo (emp.)
Olimpo
Estudiantes
Talleres (emp.)
Rosário Central
Al-Ittihad
Vasco da Gama (emp.)
Colo-Colo
Seleção nacional
2011 Argentina Sub-20

Leonardo Roque Albano Gil, mais conhecido como Leonardo Gil (Río Gallegos, 31 de maio de 1991) é um futebolista argentino-chileno que atua como volante. Atualmente, defende o Colo-Colo.

Carreira[editar | editar código-fonte]

CAI[editar | editar código-fonte]

Nascido em Río Gallegos, Argentina, Gil terminou sua formação nos juvenis do CAI, após representar o Boxing e o Ferrocarril YCF.[1][2] Ele fez sua estreia na equipe em 3 de outubro de 2009, entrando como reserva no segundo tempo na derrota em casa pela Primera B Nacional por 1–0 contra o Independiente Rivadavia.

Gil ganhou confiança da equipe e se tornou titular regular a partir da campanha de 2010-11 em diante, mesmo assim, sua equipe sofreu dois rebaixamentos consecutivos.

Olimpo[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2012, Gil foi transferido para o Olimpo,[3] inicialmente por um empréstimo de um ano. Ele marcou seu primeiro gol profissional em 7 de outubro, marcando o único gol da partida na derrota fora de casa contra o Boca Unidos.[4]

Um titular indiscutível, ele contribuiu com cinco gols em 35 partidas como sua equipe foi promovida à Superliga Argentina.[1] Comprado completamente durante a pré-temporada, ele fez sua estreia na primeira divisão em 4 de agosto de 2013, começando com uma derrota por 2–1 para o San Lorenzo.[5]

Gil marcou seu primeiro gol na primeira divisão em 9 de maio de 2014, marcando o primeiro gol em uma vitória em casa por 3–1 contra o Godoy Cruz.[6]

Estudiantes[editar | editar código-fonte]

Em 8 de janeiro de 2015, Gil concordou com um contrato de três anos com o Estudiantes, por uma taxa de 1 milhão de dólares por 50% de seus direitos federativos.[7] Ele fez sua estreia pelo clube em 5 de fevereiro, começando em uma derrota fora de casa por 1–0 pela disputa da Copa Libertadores da América de 2015 contra o Independiente del Valle.[8]

Talleres[editar | editar código-fonte]

Gil nunca se estabeleceu como titular regular no Estudiantes e foi emprestado ao Talleres em 19 de julho de 2016, por um ano de contrato.[9]

Rosario Central[editar | editar código-fonte]

Em 29 de julho de 2017, Gil concordou com um contrato de quatro anos e se transferiu ao Rosario Central.[10] Ele fez sua estreia pelo clube em 26 de agosto, começando em um empate por 1–1 fora de casa contra o Colón.[11] Marcou seu primeiro gol pelo time em 23 de setembro de 2018, ao marcar o único gol da equipe no empate por 1–1 contra o Gimnasia La Plata.[12]

Al-Ittihad[editar | editar código-fonte]

Em 18 de dezembro de 2019, foi anunciado a compra de Leonardo Gil para o time saudita Al-Ittihad, por uma taxa de 1,8 milhões de dólares.[13]

Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]

Em 15 de outubro de 2020, foi anunciado a transferência de Leonardo Gil para o Vasco da Gama, por um contrato de empréstimo até junho de 2021.[14] Fez sua estreia com a camisa cruzmaltina em 21 de outubro, como substituto no segundo tempo durante uma derrota em casa contra o Corinthians, no qual terminou por 2–1.[15]

Carreira internacional[editar | editar código-fonte]

Por ter uma avó chilena,[16] Gil é elegível para representar o Chile, bem como o seu país-natal, a Argentina.[17][18] Em 2015, o técnico Jorge Sampaoli queria nacionalizar Gil para a Seleção Chilena, mas ele rejeitou em favor de prosseguir com a Seleção Argentina.[17][18]

Gil foi convocado pela sub-20 da Argentina em maio de 2011, mas nunca apareceu em nenhum jogo como titular ou substituto.[19]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Rosario Central

Referências

  1. a b «El "Colo" Gil es de Primera». Tiempo Sur (em espanhol). 3 de junho de 2013. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  2. «El "Colo" Gil, recibido como un campeón en Santa Cruz». Taringa! (em espanhol). 21 de junho de 2013. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  3. «Leonardo Gil está a un paso de irse a Olimpo». El Patagónico (em espanhol). 4 de julho de 2012. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  4. «Olimpo le ganó 1–0 a Boca Unidos de Corrientes». La Nueva Provincia (em espanhol). 7 de outubro de 2012. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  5. «San Lorenzo derrotó a Olimpo gracias a Cauteruccio». ESPN (em espanhol). 4 de agosto de 2013. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  6. «Olimpo venció a Godoy Cruz y se garantizó su estadía en 1º división». ESPN (em espanhol). 9 de maio de 2014. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  7. «Pincha Colorado». Olé (em espanhol). 8 de janeiro de 2015. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  8. «Independiente del Valle derrotó 1–0 a Estudiantes de La Plata en la Copa Libertadores». El Universo (em espanhol). 5 de fevereiro de 2015. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  9. «Leonardo Gil, nuevo refuerzo de Talleres». CA Talleres (em espanhol). 19 de julho de 2016. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  10. «Leonardo Gil ya es nuevo jugador Canalla». Rosario Central (em espanhol). 29 de julho de 2017. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  11. «Colón y Rosario Central igualaron en Santa Fe». ESPN (em espanhol). 26 de agosto de 2017. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  12. «Rosario Central empató con Gimnasia en la Plata y ya suma tres fechas sin ganar». Infobae (em espanhol). 23 de setembro de 2018. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  13. «Rosario Central: ¿Leonardo Gil a Arabia Saudita?». IAM Notícias (em espanhol). 19 de dezembro de 2019. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  14. «Vasco anuncia meio-campista argentino Leonardo Gil, de 29 anos; empréstimo é válido até junho». Globo Esporte. 15 de outubro de 2020. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  15. «Everaldo marca no fim, e Corinthians vence o Vasco em São Januário». Globo Esporte. 21 de outubro de 2020. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  16. «Leonardo Gil: "Siento un compromiso por Chile"». La Tercera (em espanhol). 20 de outubro de 2016. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  17. a b «Volante argentino sería la nueva obsesión de Sampaoli para la Roja». La Tercera (em espanhol). 22 de agosto de 2015. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  18. a b «El Colo Gil, de Talleres: Uno siempre se ilusiona con ir a la selección». Mundo D (em espanhol). 30 de maio de 2017. Consultado em 19 de novembro de 2020 
  19. «Leonardo Gil fue convocado a la preselección argentina Sub 20». El Patagónico (em espanhol). 29 de maio de 2011. Consultado em 19 de novembro de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]