Lockheed F-94 Starfire

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
F-94 Starfire
Caça
F-94C no Museu da Força Aérea dos Estados Unidos.
Descrição
Tipo / Missão Avião de intercepção
País de origem  Estados Unidos
Fabricante Lockheed Corporation
Quantidade produzida 855
Custo unitário US$196,248 (F-94B)[nota 1]
Desenvolvido de Lockheed T-33 Shooting Star
Primeiro voo em 16 de abril de 1949 (69 anos)
Introduzido em maio de 1950
Aposentado em 1958 na Força Aérea dos Estados Unidos
Tripulação 2
Especificações (Modelo: F-94C Starfire)
Dimensões
Comprimento 13,6 m (44,6 ft)
Envergadura 12,9 m (42,3 ft)
Altura 4,5 m (14,8 ft)
Área das asas 21,63  (233 ft²)
Alongamento 7.7
Peso(s)
Peso vazio 5 764 kg (12 700 lb)
Peso carregado 8 300 kg (18 300 lb)
Peso máx. de decolagem 10 970 kg (24 200 lb)
Propulsão
Motor(es) 1 x turbojato Pratt & Whitney J48-P-5
Força de empuxo (por motor) 2 880,31 kgf (28 200 N)
Performance
Velocidade máxima 1 030 km/h (556 kn)
Velocidade máx. em Mach .84 Ma
Alcance bélico 1 300 km (808 mi)
Alcance (MTOW) 2 050 km (1 270 mi)
Teto máximo 15 670 m (51 400 ft)
Razão de subida 40,5 m/s
Aviônica
Tipo(s) de radar(es) Radar AN/APG-40
Armamentos
Foguetes 24 à 48 foguetes Mk 4/Mk 40 Folding-Fin Aerial Rocket de 70 mm (2,76 in)
Notas
Dados: RAF Flying Review[nota 2]
Chegada de Lockheed F-94 Starfire da Força Aérea dos Estados Unidos no Aeroporto do Galeão.

O Lockheed F-94 Starfire[1] foi uma aeronave a jacto de primeira-geração que serviu a Força Aérea dos Estados Unidos. Produzida pela Lockheed[2] com base no Lockheed T-33 Shooting Star[3] do final dos anos 40 como interceptor diurno e nocturno, sob todas as condições atmosféricas e com radar.[4][5] Voando pela primeira vez em Março de 1948,[6] entrou em serviço em Maio de 1950, substituindo o North American F-82 Twin Mustang.

O F-94 foi o primeiro caça operacional da USAF equipado com pós-combustão[7] e foi o primeiro caça a jacto capaz de actuar sob qualquer condição atmosférica a entrar em combate na Guerra da Coreia[8] no final de Janeiro de 1953.[9] Teve uma história operacional relativamente pequena, sendo substituído a meio dos anos 50 pelo Northrop F-89 Scorpion e pelo interceptor North American F-86 Sabre. A última aeronave cessou o seu serviço em 1959 na Air National Guard.

Notas

  1. Knaack 1978, pp. 105, 110.
  2. "Technical Gen". RAF Flying Review, Setembro de 1962, p. 59.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Knaack, Marcelle Size. Encyclopedia of US Air Force Aircraft and Missile Systems: Volume 1 Post-World War II Fighters 1945–1973. Washington, D.C.: Office of Air Force History, 1978. ISBN 0-912799-59-5.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.