Norman Powell

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Norman Powell
Norman Powell at 2017 Toronto Film Festival.jpg
Informações pessoais
Nome completo Norman W. C. Powell
Data de nasc. 25 de maio de 1993 (26 anos)
Local de nasc. San Diego, Estados Unidos
Altura 1,93 m
Peso 98 kg
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Toronto Raptors
Número 24
Posição Ala-armador
Clubes de juventude
2011–2015 Estados Unidos UCLA
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2015–Presente
2015–2016
Estados Unidos Toronto Raptors
Estados UnidosToronto 905
311 (2.145)
8 (199)

Norman W. C Powell (San Diego, 25 de maio de 1993) é um jogador norte-americano de basquete profissional que atualmente joga pelo Toronto Raptors da National Basketball Association (NBA).[1] Ele jogou basquete universitário em UCLA e foi selecionado na segunda rodada do Draft da NBA de 2015.[2]

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Powell nasceu em San Diego, Califórnia e foi apresentado ao basquete por seu tio, Raymond Edwards. Powell decidiu cursar o ensino médio no Lincoln High, que acabara de ser reconstruído e perdeu muitos atletas.[3] Ele ajudou a reconstruir seu programa de basquete, levando a equipe a consecutivos títulos da San Diego Seção 2A da Califórnia Interscholastic Federation (CIF) em 2009 e 2010. A equipe também conquistou o Campeonato Estadual da CIF Divisão II de 2010, com Powell marcando 24 pontos em uma vitória por 74-59 sobre Mountain View St. Francis na final. Ele terminou sua terceira temporada com média de 19,7 pontos, 4,9 rebotes e 2,7 roubos de bola e ganhou o prêmio de MVP da Liga Ocidental.[4]

Em seu último ano, ele foi novamente o MVP da liga, tendo médias de 20,4 pontos, 3,8 rebotes e 2,4 roubos de bola. Lincoln teve um recorde de 32-2 e ganhou o título da liga com um recorde de 12-0. Eles ficaram em 3º lugar na Califórnia e 15º em nível nacional, mas foram derrotados por 74-69 por Summit nas semifinais estaduais.

Considerado um recruta de quatro estrelas pela ESPN.com, Powell foi listado como o 15° melhor Ala-armador e o 52° melhor jogador do país em 2011.[5] Powell optou por jogar basquete universitário em UCLA rejeitando San Diego, Arizona e Oregon.

Carreira universitária[editar | editar código-fonte]

Em seu primeiro ano em UCLA, ele era o único calouro a jogar minutos significativos, tendo médias de 17,8 minutos, 4,6 pontos e 2,2 rebotes em 33 jogos, juntando-se a Tyler Lamb e Lazeric Jones como os únicos a jogarem em todos os jogos daquela temporada.[6] Seu papel em quadra se transformou em UCLA, ele se tornou um especialista no arremesso de 3 pontos, tendo acertado 38,5% dos arremessos nos últimos 18 jogos.[7]

Powell em 2014

Powell teve uma média de 6,1 pontos em 22,1 minutos na temporada de 2012–13, jogando em todos os 35 jogos. Ele começou a temporada como titular, mas depois foi transferido para o banco. Seus minutos declinaram de uma média de 28,4 nos primeiros sete jogos para 19 nos 26 jogos seguintes. Depois de substituir Jordan Adams, que estava lesionado, os minutos de Powell aumentaram para 37 por jogo.[8]

Após a temporada, ele considerou a transferência para San Diego,[9] mas decidiu ficar principalmente porque o técnico da UCLA, Ben Howland, foi demitido. Powell creditou Howland por seu desenvolvimento defensivamente, mas afirmou que "havia muitas coisas acontecendo que não eram justas, eu definitivamente queria ver uma mudança".[10] Os Bruins contrataram Steve Alford como seu novo treinador.

Na temporada de 2013-14, Powell foi titular em todos os 37 jogos e foi o terceiro na equipe em pontuação (11,4). Sob o comando de Alford, ele se tornou uma ameaça ofensiva e um defensor ferrenho. Como melhor defensor da equipe, Powell foi rotineiramente designado para parar o melhor jogador do oponente e ganhou uma menção honrosa para a Equipe Defensiva da Pac-12.[11]

No Torneio da NCAA de 2014, UCLA chegou até o Sweet 16 com Powell tendo médias de 13 pontos e 2,7 rebotes. Após a temporada, ele considerou jogar profissionalmente na National Basketball Association (NBA) e solicitou uma avaliação de suas perspectivas para o Draft da NBA de 2014.[12][13]

Powell contra a USC em 2015

Informado de que era improvável que ele fosse selecionado,[14] Powell decidiu voltar para o seu último ano e tornou-se o principal jogador da UCLA depois que Kyle Anderson e Zach LaVine se declararam para o Draft da NBA.[15] No final da temporada, Powell foi eleito para a Primeiro-Equipe da Pac-12 e novamente recebeu uma menção honrosa para a Equipe Defensiva.[16] Ele terminou como líder da equipe em pontuação, com 16,4 pontos por jogo, o sexto mais alto da conferência.

Carreira profissional[editar | editar código-fonte]

Toronto Raptors (2015 – Presente)[editar | editar código-fonte]

Novato (2015–2016)[editar | editar código-fonte]

Em 25 de junho de 2015, Powell foi selecionado pelo Milwaukee Bucks com a 46ª escolha geral no Draft de 2015. Ele, juntamente com uma escolha de primeira rodada do Draft de 2017, foram posteriormente negociados para o Toronto Raptors em troca de Greivis Vásquez.[17]

Depois de assinar com Toronto em 15 de julho,[18] ele jogou na Summer League de 2015 em Las Vegas, sendo o único novato a ser nomeado para a Primeira-Equipe da Summer League.[19][20]

Powell recebeu tempo de jogo no início da temporada de 2015–16 devido a lesões de Terrence Ross e DeMarre Carroll.[21] Mais tarde, ele jogou vários jogos no Raptors 905, o afiliado de Toronto na D-League.[22]

Com Carroll fora após uma cirurgia no joelho e James Johnson afastado com uma torção no tornozelo, Powell fez seu primeiro jogo como titular em 2 de fevereiro de 2016, tendo dois roubos de bola em 15 minutos em uma vitória por 104-97 sobre o Phoenix Suns.[23]

Em 15 de março, ele fez seu oitavo jogo como titular e marcou 17 pontos em uma vitória por 107-89 sobre o Milwaukee Bucks. Ele superou essa marca em 28 de março, marcando 18 pontos em uma derrota por 119-100 sobre o Oklahoma City Thunder. Dois dias depois, ele marcou 10 pontos em uma vitória por 105-97 sobre o Atlanta Hawks, ajudando os Raptors a registrar 50 vitórias pela primeira vez na história da franquia.

Em 8 de abril, com DeMar DeRozan e Kyle Lowry descansando, Powell fez 27 pontos em uma vitória por 111-98 sobre o Indiana Pacers. No último jogo da temporada regular, Powell marcou 30 pontos em uma vitória por 103-96 sobre o Brooklyn Nets.

Depois de ter uma média de 15,3 pontos em abril, ele foi nomeado o Novato do Mês da Conferência Leste.

Anos recentes (2016 – Presente)[editar | editar código-fonte]

Powell jogou com moderação pelos Raptors durante a primeira metade da temporada de 2016-17.[24] Em 20 de dezembro de 2016, Powell marcou 21 pontos na vitória por 116-104 sobre o Brooklyn Nets. Ele teve mais três jogos de 21 pontos nos próximos três meses.[25] Em 24 de abril de 2017, no Jogo 5 da primeira rodada dos playoffs contra o Milwaukee Bucks, Powell marcou 25 pontos para ajudar os Raptors a liderar a série por 3-2 com uma vitória por 118-93.

Em 8 de outubro de 2017, Powell assinou uma extensão de contrato de quatro anos no valor de US $ 42 milhões com os Raptors.[26][27]

Em 5 de novembro de 2018, contra o Utah Jazz, Powell deslocou parcialmente sua articulação do ombro esquerdo e foi descartado indefinidamente.[28] Ele retornou à ação em 19 de dezembro contra o Indiana Pacers depois de perder 21 jogos.[29] Em 6 de janeiro de 2019, ele marcou 23 pontos em uma vitória por 121-105 sobre os Pacers. Powell ganhou seu primeiro título quando os Raptors derrotaram o Golden State Warriors nas Finais da NBA de 2019.[30]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Powell tem duas irmãs mais velhas, Joniece e Margaret. Ele se formou em História em UCLA.

Em outubro de 2017, Powell juntou-se ao servidor GoDaddy para lançar seu site e seu primeiro single "No Problem".[31][32]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

NBA[editar | editar código-fonte]

Temporada regular[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2015–16 Toronto 49 14.8 .424 .404 .811 2.3 1.0 .6 .2 5.6
2016–17 Toronto 76 18.0 .449 .324 .792 2.2 1.1 .7 .2 8.4
2017–18 Toronto 70 15.2 .401 .285 .821 1.7 1.3 .5 .2 5.5
2018–19 Toronto 60 18.8 .483 .400 .827 2.3 1.5 .7 .2 8.6
Carreira 255 16.8 .442 .345 .807 2.1 1.2 .6 .2 7.1

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2016 Toronto 18 11.4 .386 .269 .875 1.5 .3 .7 .1 3.8
2017 Toronto 9 25.2 .427 .441 .833 3.1 1.6 1.1 .3 11.7
2018 Toronto 6 6.7 .286 .143 .750 .3 .3 .0 .0 2.0
2019 Toronto 23 15.9 .444 .387 .737 2.2 1.1 .4 .0 6.5
Carreira 56 15.0 .418 .364 .800 1.9 0.9 .6 .1 6.0
Powell após ganhar o Torneio da Pac-12 de 2014

Universidade[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2011–12 UCLA 33 17.8 .377 .347 .600 2.2 1.2 .5 .3 4.6
2012–13 UCLA 35 22.1 .434 .293 .675 2.2 1.1 .7 .5 6.1
2013–14 UCLA 37 25.7 .533 .294 .780 2.8 1.7 1.4 .4 11.4
2014–15 UCLA 36 34.6 .456 .319 .751 4.7 2.1 1.8 .4 16.4
Carreira 141 25.2 .461 .314 .746 3.0 1.5 1.1 .4 9.8

Fonte:[33]

Títulos e Homenagens[editar | editar código-fonte]

  • Primeira-Equipe Pac-12 (2015)

Referências

  1. «Official NBA bio of Norman Powell». NBA.com (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  2. «Norman Powell - Men's Basketball». UCLA (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  3. «UCLA's Norman Powell a slam dunk in San Diego». Daily News (em inglês). 20 de março de 2014. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  4. «Lincoln's Powell enjoying ride at UCLA». San Diego Union-Tribune (em inglês). 13 de janeiro de 2014. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  5. «Norman Powell - Basketball Recruiting - Player Profiles - ESPN». ESPN.com. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  6. «2013-14 UCLA Men's Basketball Media Guide». issuu. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  7. «Norman Powell is thankful for his UCLA career, both the good and the bad». Daily News (em inglês). 11 de março de 2015. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  8. «Norman Powell staying after Howland firing». ESPN.com (em inglês). 2 de abril de 2013. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  9. «Defensive stopper Norman Powell gets UCLA going». Orange County Register (em inglês). 22 de março de 2014. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  10. Wang, Jack (22 de maio de 2013). «Norman Powell talks about decision to stay at UCLA». Inside UCLA with Thuc Nhi Nguyen (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  11. Wang, Jack (10 de março de 2014). «Kyle Anderson, Jordan Adams lead UCLA's All-Pac-12 awards». Inside UCLA with Thuc Nhi Nguyen (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  12. «Norman Powell | Inside UCLA with Thuc Nhi Nguyen» (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  13. Allen, Percy. «Jordan Adams stays, Byron Wesley leaves». The Seattle Times. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  14. «Column: UCLA's Norman Powell puts in four years of consistently hard work». Los Angeles Times (em inglês). 13 de março de 2015. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  15. «UCLA leading scorer Jordan Adams changes course, declares for NBA draft». Daily News (em inglês). 27 de abril de 2014. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  16. ConferenceMar 9, Pac-12; 2015. «2014-15 Pac-12 Conference Men's Basketball Honors». Pac-12 (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  17. «Raptors Tab Wright With 20th Pick, Acquire Future First-Round Pick & Rights To Norman Powell From Bucks». Toronto Raptors (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  18. «Raptors Sign Norman Powell». Toronto Raptors (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  19. «Raptors rookie Powell could be 'steal of the draft' - Sportsnet.ca». www.sportsnet.ca. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  20. «Spurs forward Kyle Anderson was named MVP of the NBA Summer League». SI.com (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  21. «Q&A With Norman Powell». Toronto Raptors (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  22. «2018-19 NBA Assignments». NBA G League (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  23. «Raptors start next streak with win over Suns | The Star». thestar.com (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  24. Sports; Basketball; Nba (12 de dezembro de 2016). «Toronto Raptors can't find Norman Powell many minutes — but every time he sees the court, he delivers | National Post» (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  25. «Norman Powell 2016-17 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  26. «Raptors Sign Powell To Contract Extension». Toronto Raptors (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  27. «Sources: Raptors, Powell reach $42M extension». ESPN.com (em inglês). 5 de outubro de 2017. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  28. «Raptors lose Powell for 'weeks' with dislocated left shoulder | The Star». thestar.com (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  29. «Pacers vs. Raptors - Game Recap - December 19, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019 
  30. Stein, Marc (13 de junho de 2019). «How the Raptors Won Their First N.B.A. Championship». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331 
  31. «Raptors' Powell launches music website, releases song 'No Problem' - Sportsnet.ca». www.sportsnet.ca. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  32. GmbH, finanzen net. «GoDaddy Canada and Toronto Raptor Norman Powell team up to inspire Canadian small businesses | Markets Insider». markets.businessinsider.com. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  33. «Norman Powell Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de agosto de 2019