Saltar para o conteúdo

Phoenix Suns

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Phoenix Suns
Temporada da NBA de 2023–24
Phoenix Suns logo
Phoenix Suns logo
Conferência Oeste
Divisão Pacífico
Fundado 1968 (56 anos)
História Phoenix Suns
(1968-presente)
Arena Footprint Center
Cidade Phoenix, Arizona
Cores do time Roxo, Laranja, Preto, Cinza e Branco[1][2][3]

                        

Dono(s) Mat Ishbia
Justin Ishbia
Diretor Geral James Jones
Técnico Mike Budenholzer
Afiliado na G League Valley Suns
Campeonatos 0
Títulos de Conferência 3 (1976, 1993 e 2021)
Títulos de Divisão 8 (1981, 1993, 1995, 2005, 2006, 2007, 2021 e 2022)
Títulos de Copa NBA 0
Números retirados 12 (5, 6, 7, 9, 13, 24, 31, 32, 33, 34, 42 e 44)
Cores do Time
Cores do Time
Casa
Cores do Time
Cores do Time
Fora
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo

Phoenix Suns é uma equipe de basquete da National Basketball Association sediada em Phoenix, Arizona. Sua arena se chama Footprint Center. A equipe foi fundada em 1968 e nunca conseguiu um campeonato da liga, chegando a vice-campeonatos em 1976,1993 e 2021.

História[editar | editar código-fonte]

A equipa foi fundada em 1968, quando a NBA abriu vagas para franquias de Phoenix e Milwaukee. Já na sua segunda temporada, em 1969-70, alcançava os playoffs. Nos anos 1970, os Suns entraram em boa fase, vencendo a conferência Oeste em 1975-76 após desclassificar os campeões anteriores Golden State Warriors, perdendo para o Boston Celtics mas conseguindo 42 vitórias e 40 derrotas na temporada.

Entre o fim dos anos 70 e início dos 80, os Suns alcançaram 8 playoffs consecutivos dos quais ganharam 6, com duas finais de conferência; então, escândalos envolvendo drogas e uma troca de proprietário levaram a equipe a uma decadência. A sorte começou a mudar em 1988-89, quando alcançou a final de conferência, repetida no ano seguinte, participando seguidamente dos playoffs até 1991-92.

Em 1992, Charles Barkley foi contratado em uma troca com o Philadelphia 76ers. Barkley foi eleito jogador mais valioso (MVP) da temporada e liderou o Suns ao título da conferência, perdendo a final para o Chicago Bulls de Michael Jordan. No ano seguinte, o Suns participou do McDonald's Championship em Hamburgo, vencendo o título após bater Real Madrid e Bologna. Barkley ficou no time até 1996, quando em meio à brigas com o presidente Jerry Colangelo foi enviado em uma troca para o Houston Rockets. No mesmo ano, Jason Kidd fora trazido do Dallas Mavericks, tornando-se líder da equipe e levando-a a todos os playoffs, até sua saída em 2001.

O Suns entrou em má fase após a saída de Kidd, com presença em apenas um playoff em 2002-03. O time só "ressuscitou" após Steve Nash, que começara na NBA no Suns mas foi para o Mavericks enquanto sua posição era ocupada por Kidd, resolver voltar ao time em 2004. Sob Nash e o técnico novato Mike D'Antoni, a equipe do Arizona focava em um estilo veloz que garantiu o primeiro lugar geral da temporada regular (62 vitórias e 12 derrotas), bem como prêmios de MVP para Nash e técnico do ano para D'Antoni, e Amare Stoudemire e Shawn Marion convocados para o All Star Game. O Suns alcançou as finais da conferência, perdendo para os campeões San Antonio Spurs. Na temporada seguinte, Nash receberia outro MVP enquanto os Suns voltavam às finais do Oeste, perdidas para o Dallas Mavericks. Na temporada 2006-07, os Suns caíram nas semifinais de conferência diante do poderoso San Antonio Spurs, comandados por Tim Duncan e Tony Parker. O brasileiro Leandro Barbosa foi eleito o "Sexto Homem" do ano (título dado ao melhor reserva da temporada).

Em 2007-08, o Suns realizou uma troca, na qual enviou o armador Marcus Banks e o ala-pivô Shawn Marion para o Miami Heat, recebendo em troca um dos 50 melhores jogadores da NBA, o pivô Shaquille O'Neal. Voltaram aos playoffs, caindo na primeira rodada para o Spurs.

No dia 10 de dezembro de 2008, foi confirmada uma troca de jogadores do Phoenix com o Charlotte Bobcats. Raja Bell, Boris Diaw e Sean Stingletary (do Phoenix), foram trocados por Jared Dudley e o astro Jason Richardson. Os Suns não se classificaram para os playoffs por uma diferença ínfima.

Em 2009, após mandar Shaquille O`Neal para o Cleveland Cavaliers e adquirir Channing Frye e Louis Amundson em contratações e Earl Clark e Taylor Griffin no draft, o Suns voltou aos playoffs, e após eliminar o Portland Trail Blazers e o San Antonio Spurs, caiu diante dos Los Angeles Lakers na final do Oeste. Esta foi a última classificação dos Suns para a segunda fase até o momento.

A década de 2010 viu os Suns decaírem em uma constante reconstrução da equipe. O ponto inicial foi a saída de Stoudemire para o New York Knicks, e mesclando veteranos (Hedo Türkoğlu, Vince Carter, Marcin Gortat) e calouros, o Suns fechou duas temporadas seguidas na décima colocação do oeste. Após trocar Nash para o Lakers por futuras escolhas no draft em 2012, o Suns fechou a temporada 2012-13 como pior equipe do Oeste e quarta geral. Ainda assim em 2013-14 um reinventado Suns liderado por Eric Bledsoe, Goran Dragić, P.J. Tucker, e os irmãos Markieff Morris e Marcus Morris quase conseguiu a última vaga do Oeste, ficando a uma vitória do oitavo colocado Mavericks.

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Phoenix Suns
Jogadores Comissão Técnica
Pos. # País Nome Altura Peso Universidade/País
F 00 Estados Unidos O'Neale, Royce 6 ft 6 in (1.98 m) 226 lb (103 kg) Baylor
G 1 Estados Unidos Booker, Devin 6 ft 5 in (1.96 m) 206 lb (93 kg) Kentucky*
G 2 Nigéria Okogie, Josh 6 ft 4 in (1.93 m) 213 lb (97 kg) Georgia Tech*
G 3 Estados Unidos Beal, Bradley 6 ft 4 in (1.93 m) 207 lb (94 kg) Flórida
G 8 Estados Unidos Allen, Grayson 6 ft 4 in (1.93 m) 198 lb (90 kg) Duke
G/F 10 Estados Unidos Lee, Damion Injured 6 ft 6 in (1.98 m) 210 lb (95 kg) Drexel
F/C 11 Estados Unidos Bol, Bol 7 ft 3 in (2.21 m) 220 lb (100 kg) Oregon
F 12 Estados Unidos Wainright, Ish (TW) 6 ft 5 in (1.96 m) 250 lb (113 kg) Baylor
F/C 14 Estados Unidos Ewbanks, Drew 6 ft 10 in (2.08 m) 245 lb (111 kg) Oregon State
C 20 Bósnia e Herzegovina Nurkić, Jusuf 7 ft 0 in (2.13 m) 290 lb (132 kg)
F 21 Estados Unidos Roddy, David 6 ft 4 in (1.93 m) 255 lb (116 kg) Colorado State
G 23 Estados Unidos Gordon, Eric 6 ft 3 in (1.91 m) 215 lb (98 kg) Indiana
G/F 25 Estados Unidos Little, Nassir 6 ft 6 in (1.98 m) 220 lb (100 kg) North Carolina
F/C 27 Nigéria Azubuike, Udoka (TW) 6 ft 11 in (2.11 m) 270 lb (122 kg) Kansas
F 30 Estados Unidos Young, Thaddeus 6 ft 8 in (2.03 m) 225 lb (102 kg) Georgia Tech
F 35 Estados Unidos Durant, Kevin 6 ft 10 in (2.08 m) 240 lb (109 kg) Texas*
G 38 Estados Unidos Lee, Saben (TW) 6 ft 2 in (1.88 m) 183 lb (83 kg) Vanderbilt*
Técnico
  • Frank Vogel
Técnicos assistentes

Legenda
  • (C) Capitão
  • (D) Escolhido no Draft
  • (FA) Free agent
  • (IN) Inativo
  • (S) Suspenso
  • (GL) Liga de desenvolvimento (G-League)
  • (TW) Contrato "two-way"
    (podendo jogar também na G-League)
  • (INJ) Contundido

Elenco
• Última atualização: 15 de fevereiro de 2023


Ver também[editar | editar código-fonte]

  1. «Phoenix Suns Unveil New Logos». Phoenix Suns. 26 de junho de 2013. Consultado em 26 de junho de 2013 
  2. «Team Directory» (PDF). 2016–17 Phoenix Suns Media Guide. Phoenix Suns. 24 de outubro de 2016. Consultado em 24 de dezembro de 2016 
  3. «Phoenix Suns Reproduction and Usage Guideline Sheet». NBA Media Central. Consultado em 1 de junho de 2016