Marc Gasol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Marc Gasol
Marc Gasol 20131118 Clippers v Grizzles (cropped).jpg
Informações pessoais
Nome completo Marc Gasol Sáez
Data de nasc. 29 de janeiro de 1985 (34 anos)
Local de nasc. Barcelona,  Catalunha, Flag of Spain.svg Espanha
Altura 2,16 m
Peso 120 kg
Apelido Big Marc
The Big Burrito
Informações no clube
Clube atual Canadá Toronto Raptors
Número 33
Posição Pivô
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2003 - 2006
2006 - 2008
2008 - 2019
2019 - Presente
Espanha FC Barcelona
Espanha Bàsquet Girona
Estados Unidos Memphis Grizzlies
Canadá Toronto Raptors
87 (260)
91 (1,236)
769 (11.684)
26 (237)
Seleção nacional
2006 - presente Espanha Espanha
Medalhas
Jogos Olímpicos
Prata Pequim 2008 Equipe
Prata Londres 2012 Equipe
Campeonatos Mundiais
Ouro Japão 2006 Equipe
Ouro China 2019 Flag of Spain.svg Espanha
Campeonatos Europeus
Prata Espanha 2007 Equipe
Ouro Polônia 2009 Equipe
Ouro Lituânia 2011 Equipe
Bronze Eslovênia 2013 Equipe
Bronze Istambul 2017 Equipe

Marc Gasol Sáez (nascido em 29 de janeiro de 1985) é um Espanhol jogador de basquete profissional que joga no Toronto Raptors da National Basketball Association (NBA).[1] Ele foi selecionado pelo Los Angeles Lakers com a 48ª escolha geral no Draft da NBA de 2007. Ele foi negociado para o Memphis Grizzlies em 2008 e permaneceu com a franquia até ser negociado para o Toronto Raptors em 2019.

Gasol tem sido um membro regular da Seleção Espanhola desde 2006. Ele ganhou duas medalhas de prata olímpicas e um título da Campeonato Mundial de Basquetebol Masculino. No EuroBasket, ele ganhou dois títulos, uma medalha de prata e duas medalhas de bronze.

Ele é o irmão mais novo de Pau Gasol.[2]

Início da vida e carreira[editar | editar código-fonte]

Gasol nasceu e cresceu em Barcelona, na Espanha. Em 2001, ele se mudou com seus pais para o subúrbio de Memphis em Germantown, Tennessee, depois que seu irmão mais velho, Pau, se juntou ao Memphis Grizzlies.

Gasol jogou basquete no colégio Lausanne Collegiate School em Memphis.[3] Apelidado de "The Big Burrito", ele foi nomeado Mr. Basketball da Division 2 em 2003, após uma temporada em que ele fez uma média de 26 pontos, 13 rebotes e seis bloqueios por jogo.[4][5] Em 2008, Lausanne aposentou a camisa #33 de Gasol.[6]

Carreira profissional[editar | editar código-fonte]

Gasol com o Girona em maio de 2008

Liga Espanhola[editar | editar código-fonte]

Depois de se formar em Lausanne, Gasol retornou ao seu país natal para jogar na Liga ACB pelo FC Barcelona.

Depois de três temporadas com o Barcelona, ​​Gasol assinou com o Girona em 2006. Em 2008, ele foi nomeado o Jogador Mais Valioso da ACB.[7]

Memphis Grizzlies (2008–2019)[editar | editar código-fonte]

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Gasol foi selecionado pelo Los Angeles Lakers com a 48ª escolha geral no Draft de 2007. Em 1 de fevereiro de 2008, ele foi trocado para o Memphis Grizzlies como parte de um pacote comercial que incluía seu irmão mais velho, Pau, que foi enviado do Grizzlies para os Lakers.[8][9]

Depois de uma média de 11,9 pontos e 7,4 rebotes como novato, ele teve uma média de 14,6 pontos e 9,3 rebotes na temporada de 2009-10.

A temporada de 2010-11 viu Gasol ter uma média de 11,7 pontos, 7,0 rebotes, 2,5 assistências e 1,6 bloqueios em 81 jogos. Ele teve 15,0 pontos, 11,2 rebotes, 2,2 assistências e 2,1 bloqueios durante os 13 jogos da equipe nos Playoffs de 2011.[10] Memphis, que nunca havia vencido um jogo de playoffs antes de 2011, derrotou o San Antonio Spurs na primeira rodada e foi para o sétimo jogo contra o Oklahoma City Thunder.[11]

Temporada de 2011-12: Primeira seleção All-Star[editar | editar código-fonte]

Em 14 de dezembro de 2011, Gasol voltou a assinar com o Grizzlies em um contrato de US $ 58 milhões por quatro anos.[12][13]

Em 23 de janeiro de 2012, foi eleito Jogador da Semana da Conferência Oeste para os jogos disputados de segunda-feira, 16 de janeiro, até domingo, 22 de janeiro.[14]

Em 9 de fevereiro de 2012, ele foi nomeado para o All-Star Game pela primeira vez, ganhando um lugar na lista da Conferência Oeste como uma reserva.[15]

Gasol em março de 2013

Temporada de 2012–13: Jogador defensivo do ano[editar | editar código-fonte]

Na temporada de 2012–13, Gasol foi um dos seis jogadores com média de pelo menos 1,5 bloqueios (1,7) e 1,0 roubos de bola (1,0). Ele liderou a defesa dos Grizzlies que permitiu apenas 88,7 pontos por jogo durante a temporada regular. Em abril de 2013, ele foi nomeado o Jogador Defensivo do Ano, tornando-se o primeiro jogador na história dos Grizzlies a ganhar a honra.[16]

Gasol sendo marcado por Blake Griffin em novembro de 2013

Temporada de 2013–14[editar | editar código-fonte]

Na temporada de 2013-14, Gasol jogou 59 jogos. Uma entorse no Ligamento colateral medial do joelho esquerda em 22 de novembro contra o San Antonio Spurs, o afastou por 23 partidas entre 25 de novembro e 12 de janeiro.[17]

Temporada de 2014–15: segunda seleção All-Star[editar | editar código-fonte]

A temporada de 2014-15 viu Gasol ganhar sua segunda seleção para o All-Star Game e foi nomeado para a Primeira-Equipe All-NBA pela primeira vez.

Nessa temporada, ele obteve uma média de 17,4 pontos, 7,8 rebotes e 3,8 assistências. Ele marcou mais de 30 pontos em cinco jogos depois de fazer apenas uma vez em suas primeiras seis temporadas. Ele foi o único jogador da liga com pelo menos 1.300 pontos, 600 rebotes e 300 assistências.[18]

Temporada de 2015–16[editar | editar código-fonte]

Em 13 de julho de 2015, Gasol voltou a assinar com os Grizzlies em um contrato máximo de cinco anos no valor estimado de US $ 110 milhões.[19][20]

Em 20 de novembro, ele registrou seu primeiro triplo-duplo da carreira com 16 pontos, 11 rebotes e 11 assistências em uma vitória por 96-84 sobre o Houston Rockets.

Gasol jogou apenas 52 jogos depois de perder a segunda metade da temporada devido a uma lesão no pé direito.[21]

Temporada de 2016–17: Terceira seleção All-Star[editar | editar código-fonte]

Em 5 de dezembro de 2016, Gasol registrou o segundo triplo-duplo da carreira com 28 pontos, 11 rebotes e 11 assistências em uma vitória de 110-108 sobre o New Orleans Pelicans.[22] Em 12 de dezembro, ele foi eleito o Jogador da Semana da Conferência Oeste para os jogos disputados de segunda-feira, 5 de dezembro, até domingo, 11 de dezembro.[23]

Em 25 de janeiro de 2017, ele marcou 42 pontos em uma vitória por 101-99 sobre o Toronto Raptors.[24] Um dia depois, ele foi nomeado para o All-Star Game pela terceira vez em sua carreira.[25][26] Em 16 de março de 2017, ele registrou seu terceiro triplo-duplo da carreira com 18 pontos, 10 rebotes e 10 assistências na vitória por 103-91 sobre o Atlanta Hawks.[27]

Temporada de 2017–18[editar | editar código-fonte]

Em 2 de dezembro de 2017, Gasol ultrapassou os 10.000 pontos na carreira com 27 pontos em uma derrota por 116-111 para o Cleveland Cavaliers.[28] Em 26 de janeiro de 2018, ele seu quarto triplo-duplo da carreira com 13 pontos, 12 rebotes e 10 assistências em uma derrota por 109-100 para o Los Angeles Clippers.[29]

Em fevereiro de 2018, Gasol jogou seu jogo de n°700 da NBA e o seu jogo de n°689 como titular, passando Mike Conley Jr. na lista de mais jogos como titular na história da franquia.[30]

Temporada de 2018-19[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2018, Gasol passou Zach Randolph (5,612) para se tornar o jogador que mais pegou rebotes na história da franquia.[31] Em 23 de janeiro, ele registrou seu quinto triplo-duplo da carreira com 22 pontos, 17 rebotes e 10 assistências em uma derrota de 118-107 para o Charlotte Hornets.[32]

Gasol jogando nos Raptors em 2019

Toronto Raptors (2019 – Presente)[editar | editar código-fonte]

Em 7 de fevereiro de 2019, Gasol foi negociado para o Toronto Raptors em troca de C. J. Miles, Jonas Valančiūnas, Delon Wright e uma escolha de segunda rodada no Draft de 2024.[33]

Ele fez sua estréia pelo Raptors registrando sete pontos e seis rebotes em 19 minutos em uma vitória por 104-99 sobre o New York Knicks.[34]

Gasol logo assumiu o papel de titular em Toronto e sua abordagem ofensiva ajudou os Raptors a se tornar o melhor time no quesito cesta de três pontos da NBA durante a segunda metade da temporada.[35] Ele ajudou os Raptors a chegarem às Finais da NBA de 2019, onde derrotaram o Golden State Warriors em seis jogos.[36] Com o seu título junto com os dois título do irmão Pau em 2009 e 2010, eles se tornaram o primeiro grupo de irmãos a ganharem títulos da NBA.[37]

Em 26 de junho de 2019, Gasol assinou uma extensão de contrato com os Raptors em um contrato de $ 25,6 milhões.[38]

Carreira na seleção[editar | editar código-fonte]

Marc e Pau jogando pela Espanha nos Jogos Olímpicos de Verão de 2012

Em 2006, Gasol foi chamado para a Seleção Espanhola que iria disputar o Campeonato Mundial de Basquetebol Masculino de 2006 como substituto de Fran Vázquez.[39] A Espanha conquistou a medalha de ouro nesse torneio, assim como no EuroBasket de 2009 e no EuroBasket de 2011. Ele também ganhou medalhas de prata no EuroBasket de 2007, nos Jogos Olímpicos de 2008 e nos Jogos Olímpicos de 2012. Ele também ganhou a medalha de bronze no EuroBasket de 2013 e no EuroBasket de 2017.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

Temporada regular[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2008–09 Memphis 82 30.7 .530 .000 .733 7.4 1.7 .8 1.1 11.9
2009–10 Memphis 69 35.8 .581 .000 .670 9.3 2.4 1.0 1.6 14.6
2010–11 Memphis 81 31.9 .527 .429 .748 7.0 2.5 .9 1.7 11.7
2011–12 Memphis 65 36.5 .482 .083 .748 8.9 3.1 1.0 1.9 14.6
2012–13 Memphis 80 35.0 .494 .071 .848 7.8 4.0 1.0 1.7 14.1
2013–14 Memphis 59 33.4 .473 .182 .768 7.2 3.6 1.0 1.3 14.6
2014–15 Memphis 81 33.2 .494 .176 .795 7.8 3.8 .9 1.6 17.4
2015–16 Memphis 52 34.4 .464 .667 .829 7.0 3.8 1.0 1.3 16.6
2016–17 Memphis 74 34.2 .459 .388 .837 6.3 4.6 .9 1.3 19.5
2017–18 Memphis 73 33.0 .420 .341 .834 8.1 4.2 .7 1.4 17.2
2018–19 Memphis 53 33.7 .444 .344 .756 8.6 4.7 1.1 1.2 15.7
2018–19† Toronto 26 24.9 .465 .442 .769 6.6 3.9 .9 .9 9.1
All-Star 3 20.0 .556 .000 .000 7.6 3.3 1.0 .3 6.6
Carreira 795 33.4 .483 .350 .777 7.7 3.4 .9 1.5 15.0

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2011 Memphis 13 39.9 .511 .000 .699 11.2 2.2 1.1 2.2 15.0
2012 Memphis 7 37.3 .522 .000 .791 6.7 3.1 .3 1.9 15.1
2013 Memphis 15 40.6 .454 .000 .800 8.5 3.2 .9 2.2 17.2
2014 Memphis 7 42.7 .405 .000 .794 7.7 4.4 1.7 .9 17.3
2015 Memphis 11 37.8 .394 .000 .852 10.3 4.5 .9 1.7 19.7
2017 Memphis 6 40.0 .470 .583 .939 6.5 4.2 .3 .7 19.3
2019† Toronto 24 30.6 .422 .382 .870 6.4 3.0 .9 1.1 9.4
Carreira 83 37.1 .446 .383 .810 8.2 3.3 .9 1.6 14.9

Fonte:[40]

Prêmios e Homenagens[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Official NBA bio of Marc Gasol». NBA.com (em inglês). Consultado em 28 de agosto de 2019 
  2. «Marc and Pau Gasol become first brothers in NBA history to both win a ring». MARCA in English (em inglês). 14 de junho de 2019. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  3. «A philanthropic, opera-loving, multilingual former medical - 03.29.10 - SI Vault». web.archive.org. 28 de março de 2010. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  4. Conn, Jordan Ritter (15 de fevereiro de 2013). «The (Big) Man Skilled in All Ways of Contending». Grantland (em inglês). Consultado em 28 de agosto de 2019 
  5. «Lausanne honors former star, Griz rookie Gasol : Preps : Memphis Commercial Appeal». web.archive.org. 10 de dezembro de 2008. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  6. «Grizz Marc Gasol's High School Days | My Fox Memphis | Fox 13 News». web.archive.org. 14 de abril de 2012. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  7. «ACB.COM». www.acb.com. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  8. «Lakers Acquire Gasol From Grizzlies». Los Angeles Lakers (em inglês). Consultado em 28 de agosto de 2019 
  9. «Grizzlies trade Pau Gasol to Lakers for four players and two first round picks». Memphis Grizzlies (em inglês). Consultado em 28 de agosto de 2019 
  10. «Grizzlies re-sign Gasol to multi-year contract». Memphis Grizzlies (em inglês). Consultado em 28 de agosto de 2019 
  11. «Report: Griz re-sign M. Gasol for 4 years, $58M». ESPN.com (em inglês). 14 de dezembro de 2011. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  12. «Grizzlies re-sign Gasol to multi-year contract». Memphis Grizzlies (em inglês). Consultado em 28 de agosto de 2019 
  13. «Report: Griz re-sign M. Gasol for 4 years, $58M». ESPN.com (em inglês). 14 de dezembro de 2011. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  14. «Magic's Dwight Howard, Grizzlies' Marc Gasol named NBA Players of the Week». NBA.com: NBA Communications (em inglês). 23 de janeiro de 2012. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  15. «All-Star Game | All-Star 2012 | NBA.com». origin.nba.com. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  16. «Memphis Grizzlies: Marc Gasol For Defensive Player Of The Year». Beale Street Bears (em inglês). 4 de dezembro de 2018. Consultado em 28 de agosto de 2019 
  17. «Marc Gasol 2013-14 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  18. «Memphis Grizzlies re-sign All-NBA First Team Center Marc Gasol». Memphis Grizzlies (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  19. «Memphis Grizzlies re-sign All-NBA First Team Center Marc Gasol». Memphis Grizzlies (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  20. «Grizzlies announces 5-year deal keeping Gasol». ESPN.com (em inglês). 13 de julho de 2015. Consultado em 29 de agosto de 2019 
  21. «Marc Gasol Injury Update». Memphis Grizzlies (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  22. «Grizzlies vs. Pelicans - Game Recap - December 5, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  23. «Marc Gasol named Western Conference Player of the Week». Memphis Grizzlies (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  24. «Raptors vs. Grizzlies - Game Recap - January 25, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  25. release, Official. «Thunder's Westbrook and three first-time All-Stars headline reserves for 2017 NBA All-Star Game». NBA.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  26. Whitaker, Lang. «Warriors, Cavaliers dominate selections for NBA All-Star 2017 as reserves are revealed». NBA.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  27. «Grizzlies vs. Hawks - Game Recap - March 16, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  28. «Grizzlies vs. Cavaliers - Game Recap - December 2, 2017 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  29. «Clippers vs. Grizzlies - Game Recap - January 26, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  30. «Grizzlies vs. Celtics - Game Recap - February 26, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  31. «Kings vs. Grizzlies - Game Recap - November 16, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  32. «Hornets vs. Grizzlies - Game Recap - January 23, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  33. «Raptors Acquire Gasol From Grizzlies». Toronto Raptors (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  34. «Raptors vs. Knicks - Game Recap - February 9, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  35. Cobb, David. «Marc Gasol thanks Grizzlies teammates after winning NBA championship with Toronto Raptors». The Commercial Appeal (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  36. Cobb, David. «Marc Gasol thanks Grizzlies teammates after winning NBA championship with Toronto Raptors». The Commercial Appeal (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  37. Zemek, Matthew (14 de junho de 2019). «The Gasols Won Their First NBA Titles 10 Years Apart». ClutchPoints (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  38. «Raptors' Gasol accepts one-year player option». NBA.com (em inglês). Consultado em 29 de agosto de 2019 
  39. «El viaje de Marc Gasol (2006-2019), según Pepu Hernández». El Confidencial (em espanhol). 29 de julho de 2019. Consultado em 29 de agosto de 2019 
  40. «Marc Gasol Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 28 de agosto de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Marc Gasol