DeAndre Jordan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
DeAndre Jordan
DeAndre Jordan warmup 20131118 Clippers v Grizzles.jpg
Informações pessoais
Nome completo Hyland DeAndre Jordan Jr.
Data de nasc. 21 de julho de 1988 (31 anos)
Local de nasc. Houston, Estados Unidos
Altura 2,11 m (6 ft 11 in)
Peso 120 kg (265 lb)
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Brooklyn Nets
Número 6
Posição Pivô
Clubes de juventude
2007–2008 Estados Unidos Texas A&M
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2008–2018
2018–2019
2019
2019–Presente
Estados Unidos Los Angeles Clippers
Estados Unidos Dallas Mavericks
Estados Unidos New York Knicks
Estados Unidos Brooklyn Nets
‭696‬ (6.267)
50 (551)
19 (207)
Medalhas
Competidor dos  Estados Unidos
Jogos Olímpicos
Ouro Rio 2016 Basquete Masculino


* Partidas e pontos pelo clube profissional
contam apenas os jogos da liga nacional e
e estão atualizados até 28 de janeiro de 2017.

Hyland DeAndre Jordan Jr. (Houston, 21 de julho de 1988) é um basquetebolista norte-americano, que atualmente joga pelo Brooklyn Nets da National Basketball Association (NBA).[1]

Ele jogou um ano de basquete universitário em Texas A&M e foi selecionado pelo Los Angeles Clippers com a 35ª escolha geral no Draft da NBA de 2008.

Carreira no ensino médio[editar | editar código-fonte]

Jordan frequentou a Episcopal High School durante seus dois primeiros anos. Jordan teve uma média de 15,0 pontos, 12,0 rebotes e 4,0 bloqueios no primeiro ano e 16,5 pontos, 14,0 rebotes, 7,0 bloqueios no segundo ano. Jordan se transferiu para a Academia Christian Life Center em seu último ano tendo médias de 26,1 pontos, 15,2 rebotes e 8,1 bloqueios por jogo.

Ao sair do ensino médio, Jordan foi classificado como o 8° melhor jogador, o 2° melhor Pivô e o melhor jogador do Texas pela Rivals.com. Jordan foi recrutado pela Texas A&M.[2]

No verão de 2007, Jordan jogou pelo time dos EUA no Campeonato do Mundo Sub-19 de 2007, na Sérvia. Ele jogou apenas 9 minutos por jogo. A equipe terminou em 2º com um recorde de 8-1.

Carreira na faculdade[editar | editar código-fonte]

Jordan foi titular em 21 de 35 jogos em sua primeira temporada em Texas A&M. Ele teve médias de 7,9 pontos, 6,0 rebotes e 1,3 bloqueios por jogo em 20 minutos.[3] Ele foi chamado para a Equipe de Novatos da Big 12 por seus esforços.[4] Após a temporada, ele se declarou para o Draft da NBA de 2008.[5][6]

Antes do draft, o draftexpress.com, um site de draft da NBA listava os pontos fortes e fracos de Jordan. Alguns pontos fortes incluem "físico incrível", "potencial defensivo" e "inteligencia incrível". Algumas fraquezas incluem "fundamentos ruins" e "trabalho de pés medíocre".[7] O site também o projetou para ser escolhido pelo Philadelphia 76ers com a 16° escolha geral.[8]

Carreira profissional[editar | editar código-fonte]

Los Angeles Clippers (2008–2018)[editar | editar código-fonte]

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Jordan foi selecionado pelo Los Angeles Clippers com a 35ª escolha geral no Draft da NBA de 2008.

Devido a lesões, Jordan foi titular pela primeira vez no jogo de 19 de janeiro de 2009 contra o Minnesota Timberwolves. Nesse jogo, ele registrou 6 bloqueios, 10 rebotes e 8 pontos em 34 minutos.

No jogo de 21 de janeiro de 2009 contra o Los Angeles Lakers, ele jogou 43 minutos e registrou 23 pontos. Isso incluiu 10 enterradas, que só foram realizados por outros dois jogadores (Dwight Howard e Shaquille O'Neal) nas últimas 10 temporadas da NBA.[9]

Temporada de 2011-12[editar | editar código-fonte]

Jordan em 2011

Em 11 de dezembro de 2011, Jordan aceitou uma proposta do Golden State Warriors no valor de US $ 43 milhões em quatro anos.[10] No entanto, um dia depois, os Clippers decidiram igualar a oferta e mantê-lo na equipe.[11]

Para a temporada de 2011-12, Jordan mudou seu número de camisa de 9 para 6.[12] Em 25 de dezembro de 2011, Jordan registrou um recorde de 8 bloqueios contra o Golden State Warriors em uma vitória de 105-86.

Temporada de 2012–13[editar | editar código-fonte]

Durante a temporada de 2012–13, o percentual de lances livres de Jordan caiu de 52,5% para 38,6%, o que foi uma das piores de sua carreira. No entanto, ele liderou a liga em porcentagem de arremessos com 64,3%. Esta foi sua primeira temporada jogando em todos os 82 jogos.

Temporada de 2013-14[editar | editar código-fonte]

Em 29 de novembro de 2013, Jordan registrou um recorde de 9 bloqueios em uma vitória de 104-98 contra o Sacramento Kings. Com 13,6 rebotes por jogo, ele foi o líder em rebotes da liga na temporada de 2013-14.

Em 29 de abril de 2014, Jordan se tornou o primeiro jogador da NBA com pelo menos 25 pontos, 18 rebotes e quatro bloqueios em um jogo de playoff desde Tim Duncan em 2008.

Temporada de 2014-15[editar | editar código-fonte]

Blake Griffin e Jordan em 2013.

Em 9 de fevereiro de 2015, Jordan registrou 22 pontos e 27 rebotes em uma vitória de 115-98 sobre o Dallas Mavericks. Em 13 de março, com uma derrota de 99-129 sobre o Dallas Mavericks, Jordan fez sua primeira cesta de 3 pontos da carreira.[13]

Em 21 de maio, Jordan foi nomeado para o Terceiro-Time All-NBA. Jordan se tornou o quinto jogador na história da NBA a obter pelo menos 10 pontos, 15 rebotes, 1 roubo e 2 bloqueios durante a temporada regular. Esse feito foi realizado pela última vez por Moses Malone durante a temporada de 1982-83.[14]

Temporada de 2015-16[editar | editar código-fonte]

Apesar de concordar verbalmente em assinar um contrato de quatro anos no valor de US $ 80 milhões com o Dallas Mavericks em 3 de julho de 2015,[15] Jordan começou a reconsiderar alguns dias depois e, em 8 de julho, vários funcionários dos Clippers voaram para Houston para uma reunião com Jordan para convencê-lo a desistir de seu acordo com os Mavericks.[16] Horas depois, Jordan assinou novamente com os Clippers em um contrato de quatro anos no valor de US $ 88 milhões.[17][18]

Em 4 de novembro de 2015, com 13 rebotes contra o Golden State Warriors, Jordan se tornou o líder de todos os tempos dos Clippers em rebotes, superando Elton Brand que tem 4.710.[19]

Em 30 de novembro, ele marcou 18 pontos e 24 rebotes contra o Portland Trail Blazers, mas também errou 22 lances livres (12 de 34) para empatar o recorde da NBA de Wilt Chamberlain e estabelecer um recorde de franquia com 34 tentativas.

Em 13 de janeiro, ele foi afastado do jogo da equipe contra o Miami Heat por causa de uma pneumonia, encerrando a mais longa série de jogos consecutivos da NBA em 360.

Temporada de 2016-17[editar | editar código-fonte]

Jordan assistindo Chris Paul em 2017.

Jordan ajudou os Clippers a registrar o melhor recorde (7-1) da liga no inicio da temporada de 2016-17.[20] Ele jogou seu 600º jogo em 9 de novembro contra o Portland Trail Blazers, juntando-se a Randy Smith (715) e Eric Piatkowski (616) como os únicos jogadores na história da franquia a fazê-lo.

Em 26 de janeiro, ele foi nomeado como reserva no All-Star Game de 2017, marcando a primeira seleção de sua carreira. Durante as festividades do All-Star Weekend, Jordan participou do Slam Dunk Contest, mas não conseguiu passar da primeira rodada.

Temporada de 2017-18[editar | editar código-fonte]

No jogo de abertura da temporada dos Clippers, em 19 de outubro de 2017, Jordan fez 14 pontos e 24 rebotes em uma vitória por 108-92 sobre o Los Angeles Lakers. Em 4 de janeiro de 2018, ele registrou 26 pontos e 17 rebotes em uma derrota de 127-117 para o Oklahoma City Thunder.

Em 24 de janeiro de 2018, em uma derrota por 113-102 para o Boston Celtics, Jordan empatou com Randy Smith (715) em mais jogo disputados com a franquia.[21] Dois dias depois, em uma vitória por 109-100 sobre o Memphis Grizzlies, Jordan jogou seu 716º jogo pelos Clippers, superando o recorde de Smith.[22]

Em 14 de fevereiro de 2018, Jordan marcou 30 pontos, com 13 rebotes e quatro roubadas de bola em uma vitória por 129-119 sobre o Celtics. Em 9 de março de 2018, ele fez 20 pontos e 23 rebotes em uma vitória por 116-102 sobre o Cleveland Cavaliers.

Dallas Mavericks (2018–2019)[editar | editar código-fonte]

Em 6 de julho de 2018, Jordan assinou um contrato de um ano com o Dallas Mavericks.[23][24]

No começo da temporada, Jordan teve três duplos-duplos seguidas, tornando-se o primeiro jogador de Dallas desde Popeye Jones em 1994 a começar uma temporada com três duplos-duplos seguidos.[25] Em 28 de outubro, ele anotou 12 pontos, 19 rebotes e nove assistências em uma derrota de 113-104 para o Utah Jazz, registrando assim seu sexto duplo-duplo em seis jogos.[26] Em 7 de novembro, ele teve 11 pontos e 12 rebotes em uma derrota por 117-102 para o Jazz, colecionando pelo menos 10 rebotes em 11º jogos consecutivos.[27]

Em 19 de novembro, ele marcou 17 pontos e 20 rebotes em uma derrota de 98-88 para o Memphis Grizzlies. Em 2 de dezembro, ele marcou 16 pontos e 23 rebotes em uma vitória de 114-110 sobre o Los Angeles Clippers. Em 16 de dezembro, ele fez 23 rebotes em uma derrota de 120-113 para o Sacramento Kings. Ele teve 23 rebotes novamente em 22 de dezembro contra o Golden State Warriors.

New York Knicks (2019)[editar | editar código-fonte]

Em 31 de janeiro de 2019, Jordan foi negociado com o New York Knicks, juntamente com Dennis Smith Jr., Wesley Matthews e duas futuras escolhas de primeira rodada de draft em troca de Kristaps Porziņģis, Tim Hardaway Jr., Trey Burke e Courtney Lee.[28]

Em 15 de março, ele marcou 11 pontos, 13 rebotes e nove assistências na derrota por 109-83 para o San Antonio Spurs.[29]

Brooklyn Nets (2019 – Presente)[editar | editar código-fonte]

Em 6 de julho de 2019, Jordan assinou com o Brooklyn Nets em um contrato de quatro anos no valor de US $ 40 milhões.[30][31]

Perfil do jogador[editar | editar código-fonte]

Jordan, que recebe regularmente a estratégia do Hack-a-Shaq, está prestes a arremessar um lance livre em 2013.

Jordan é um forte reboteiro tendo médias de 10,1 rebotes por jogo em sua carreira e liderando a liga em duas temporadas.[32] O jogo defensivo de Jordan foi comparado a Bill Russell, um pivô que é considerado por muitos como um dos maiores defensores e jogadores de todos os tempos.

No ataque, ele é um pobre arremessador de lances livres, fazendo apenas 46% de seus arremessos, levando os oponentes a explorar essa fraqueza intencionalmente e surgindo a estratégia "Hack-a-Shaq".[33]

Ele é considerado um dos jogadores mais duráveis ​​da NBA, tendo disputado 360 jogos seguidos fazendo pelo menos um ponto.[34]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Jordan é um cristão, ele faz Orações com frequência e falou sobre sua fé: "Conheço meu relacionamento com Cristo e sei o que ele fez por mim, e é nisso que vivo". Jordan tem uma tatuagem de Mateus 5: 4-5 no peito, uma cruz cristã no braço esquerdo, a Oração da Serenidade e sua própria mensagem dizendo: "Agradeço a Deus pelo presente que ele me deu. Honrarei, sacrificarei, e me dedico ao meu talento. Sei de onde vim, mas sei para onde estou indo" no braço direito, Filipenses 4:13 nas mãos e "GWOM"(Deus vigia-me) no estômago.[35]

Seu irmão mais novo, Avery Jordan, é um jogador de futebol americano profissional que atualmente joga pelo Hamilton Tiger-Cats da Canadian Football League.[36]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

NBA[editar | editar código-fonte]

Temporada regular[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2008–09 L.A. Clippers 53 14.5 .633 .385 4.5 .2 .2 1.1 4.3
2009–10 L.A. Clippers 70 16.2 .605 .000 .375 5.0 .3 .2 .9 4.8
2010–11 L.A. Clippers 80 25.6 .686 .000 .452 7.2 .5 .5 1.8 7.1
2011–12 L.A. Clippers 66 27.2 .632 .000 .525 8.3 .3 .5 2.0 7.4
2012–13 L.A. Clippers 82 24.5 .643* .386 7.2 .3 .6 1.4 8.8
2013–14 L.A. Clippers 82 35.0 .676* .428 13.6* .9 1.0 2.5 10.4
2014–15 L.A. Clippers 82 34.4 .710* .250 .397 15.0* .7 1.0 2.2 11.5
2015–16 L.A. Clippers 77 33.7 .703* .000 .430 13.8 1.2 .7 2.3 12.7
2016–17 L.A. Clippers 81 31.7 .714* .000 .430 13.8 1.2 .6 1.7 12.7
2017–18 L.A. Clippers 77 31.5 .645 .580 15.2 1.5 .5 .9 12.0
2018–19 Dallas 50 31.1 .644 .682 13.7 2.0 .7 1.1 11.0
2018–19 New York 19 25.9 .634 .773 11.4 3.0 .5 1.1 10.9
Carreira 819 28.2 .670 .091 .466 10.9 .9 .6 1.6 9.6

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2012 L.A. Clippers 11 22.6 .525 .333 5.3 .4 .6 1.6 4.5
2013 L.A. Clippers 6 24.0 .455 .222 6.3 .2 .2 1.7 3.7
2014 L.A. Clippers 13 34.0 .730 .434 12.5 .8 .9 2.5 9.6
2015 L.A. Clippers 14 34.4 .716 .427 13.4 1.1 1.1 2.4 13.1
2016 L.A. Clippers 6 33.0 .632 .373 16.3 1.8 1.2 2.7 11.7
2017 L.A. Clippers 7 37.8 .705 .000 .393 14.3 .7 .4 .9 15.4
Carreira 57 31.2 .662 .000 .404 11.3 .8 .8 2.0 9.8

Universidade[editar | editar código-fonte]

Ano Time PJ MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2007–08 Texas A&M 35 20.1 .617 .437 6.0 .4 .2 1.3 7.9

Fonte:[37]

Prêmios e Homenagens[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Official NBA bio of DeAndre Jordan». NBA.com (em inglês). Consultado em 1 de setembro de 2019 
  2. «alliancesports.com - alliancesports Resources and Information.». ww1.alliancesports.com. Consultado em 1 de setembro de 2019 
  3. «O'Neil: Jordan working on mental toughness». ESPN.com (em inglês). 12 de junho de 2008. Consultado em 1 de setembro de 2019 
  4. «2008 Phillips 66 All-Big 12 Men's Basketball Awards Selected :: body { margin-top:0 !important; padding-top:0 !important; /*min-width:800px !important;*/ } .wb-autocomplete-suggestions { text-align: left; cursor: default; border: 1px solid #ccc; border-top: 0; background: #fff; box-shadow: -1px 1px 3px rgba(0,0,0,.1); position: absolute; display: none; z-index: 2147483647; max-height: 254px; overflow: hidden; overflow-y: auto; box-sizing: border-box; } .wb-autocomplete-suggestion { position: relative; padding: 0 .6em; line-height: 23px; white-space: nowrap; overflow: hidden; text-overflow: ellipsis; font-size: 1.02em; color: #333; } .wb-autocomplete-suggestion b { font-weight: bold; } .wb-autocomplete-suggestion.selected { background: #f0f0f0; } success fail Apr MAY May 15 2007 2008 2011 8 captures 15 May 2008 - 25 Jun 2017 About this capture COLLECTED BY Collection: Common Crawl Web crawl data from Common Crawl. TIMESTAMPS __wm.bt(600,27,25,2,"web","http://www.big12sports.com/sports/m-baskbl/spec-rel/031008aaa.html","2008-05-15",1996,"/_static/",['css/banner-styles.css','css/iconochive.css']);». web.archive.org. 15 de maio de 2008. Consultado em 1 de setembro de 2019 
  5. «SportingNews.com - Your expert source for NBA Basketball stats, scores, standings, blogs and fantasy news from NBA Basketball columnists». web.archive.org. 29 de junho de 2008. Consultado em 1 de setembro de 2019 
  6. «SportingNews.com - Your expert source for NBA Basketball stats, scores, standings, blogs and fantasy news from NBA Basketball columnists». web.archive.org. 28 de junho de 2008. Consultado em 1 de setembro de 2019 
  7. «DraftExpress - DeAndre Jordan DraftExpress Profile: Stats, Comparisons, and Outlook». DraftExpress (em inglês). Consultado em 1 de setembro de 2019 
  8. «DraftExpress - 2008 Mock Draft». DraftExpress (em inglês). Consultado em 1 de setembro de 2019 
  9. «Daily Dime: Bynum plays Duncan to a standstill - NBA - ESPN». www.espn.com. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  10. «Warriors Sign Center DeAndre Jordan To Offer Sheet». Golden State Warriors (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  11. «CLIPPERS MATCH OFFER SHEET, RE-SIGN DEANDRE JORDAN 12/12/11». Los Angeles Clippers (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  12. «CLIPPERS: GREAT EXPECTATIONS FOR DEANDRE JORDAN». web.archive.org. 8 de janeiro de 2012. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  13. DeAndre Jordan Scores 1st Career Three Pointer, consultado em 2 de setembro de 2019 
  14. «Player Season Finder». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  15. «Sources: Jordan picks max deal with Mavericks». ESPN.com (em inglês). 3 de julho de 2015. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  16. «Sources: Jordan tells Clips he wants to return». ESPN.com (em inglês). 8 de julho de 2015. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  17. «Clippers Re-Sign Jordan and Sign Johnson». Los Angeles Clippers (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  18. «Jordan rejoins Clippers, snubbing Mavericks». ESPN.com (em inglês). 9 de julho de 2015. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  19. «DeAndre Jordan is the best rebounder in Clippers history». Clipperholics (em inglês). 5 de novembro de 2015. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  20. «Trail Blazers vs. Clippers - Game Recap - November 9, 2016 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  21. «Celtics vs. Clippers - Game Recap - January 24, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  22. «Clippers vs. Grizzlies - Game Recap - January 26, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  23. «You are being redirected...». www.mavs.com. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  24. «Reports: DeAndre Jordan Agrees To One-Year Deal With Mavericks». NBA Global (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  25. «Bulls vs. Mavericks - Game Recap - October 22, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  26. «Jazz vs. Mavericks - Game Recap - October 28, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  27. «Mavericks vs. Jazz - Game Recap - November 7, 2018 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  28. «Knicks Acquire Dennis Smith Jr., DeAndre Jordan, Wesley Matthews, and Two Future First Round Picks». New York Knicks (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  29. «Knicks vs. Spurs - Game Recap - March 15, 2019 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  30. «Brooklyn Nets Sign Deandre Jordan». Brooklyn Nets (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  31. «NBA Free Agency 2019: DeAndre Jordan to sign four-year, $40M deal with Nets; Durant and Irving agree to take less». CBSSports.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  32. «DeAndre Jordan Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  33. «Pelton: How to get rid of Hack-a-Shaq». ESPN.com (em inglês). 4 de maio de 2015. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  34. «Whatever the lineup, DeAndre Jordan has a streak to consider». Los Angeles Times (em inglês). 14 de abril de 2014. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  35. «DeAndre Jordan's Ink». UPROXX. 19 de abril de 2011. Consultado em 2 de setembro de 2019 
  36. Oct 26, A. P.; ET, 2018 at 11:33p (26 de outubro de 2018). «Lowry has 20 as Raptors win 6th straight, beat Mavs 116-107». FOX Sports (em inglês). Consultado em 2 de setembro de 2019 
  37. «DeAndre Jordan Stats». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 1 de setembro de 2019 
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre DeAndre Jordan