JaVale McGee

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
JaVale McGee
J McGee - Wizards vs Heat 2009-04-04.jpg
Informações pessoais
Nome completo JaVale Lindy McGee
Data de nasc. 19 de janeiro de 1988 (31 anos)
Local de nasc. Flint,  Michigan  Estados Unidos
Altura 2,16 m
Peso 122 kg
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Los Angeles Lakers
Número 7
Posição Pivô
Clubes de juventude
2006-2008 Nevada
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2008-2012
2012-2015
2015
2015-2016
2016-2017

2018-2019
Estados Unidos Washington Wizards
Estados Unidos Denver Nuggets
Estados Unidos Philadelphia 76ers
Estados Unidos Dallas Mavericks
Estados Unidos Golden State Warriors
Estados Unidos Los Angeles Lakers

JaVale Lindy McGee (Flint, 19 de janeiro de 1988) é um jogador de basquetebol profissional norte-americano que atualmente joga pelo Los Angeles Lakers da NBA.[1] Ele foi selecionado no draft de 2008 na 18 posição pelo Washington Wizards. Ele também é duas vezes campeão da NBA, tendo conseguido os 2 titulos consecutivos com o Golden State Warriors em 2017 e 2018.e MVP do shaqtin a fool

High School[2] e a carreira na Universidade[editar | editar código-fonte]

McGee nasceu em Flint, Michigan e frequentou duas high school em Michigan, a Detroit Country Day School e a Providence Christian e depois foi transferido para Hales Franciscan High School em Chicago. De acordo com técnico da Hales Franciscan High School, a posição natural no colégio era inicialmente de Ala, mas ele podia jogar nas duas posições como Ala e como Ala Pivô.

McGee começou como pivô na Universidade de Nevada. Depois da campanha no segundo ano na universidade, tendo médias de 14.3 pontos por jogo e 7.3 rebotes, chutando 53% de arremessos de quadra e 33% de arremessos de 3 pontos, McGee decidiu contratar um agente e se declarar apto para o draft de 2008 da NBA.

Carreira Profissional[editar | editar código-fonte]

Washington Wizards (2008 - 2012)[editar | editar código-fonte]

McGee foi selecionado na 18ª posição no draft da NBA de 2008 pelo Wizards. Em 9 de julho de 2008, ele assinou um contrato de 2 anos com o Wizards de $2.4 milhões de dólares.

Em 9 de janeiro de 2010, McGee foi multado em $10.000 dólares pelo Wizards por participação no incidente [3]com Gilbert Arenas. Tudo começou em 19 de dezembro de 2009, num vôo do Washington Wizards. Para passar o tempo, os jogadores resolveram jogar um jogo estilo pôquer chamado 'Boo-Ray'. Para agitar um pouco as coisas, o jovem Javaris Crittenton (19ª escolha do draft de 2007) e o Javale McGee, resolveram fazer uma aposta na jogatina. O resultado dessa brincadeira foi que Crittenton perdeu em torno de 1.100 dolares para o pivô, que se recusou a aceitar a derrota e começaram a discutir.

As coisas começaram a esquentar, quando Gilbert Arenas se levantou. Gilbert era a estrela do time na época, 3x All-star, eleito o Most Improved Player (jogador que mais evoluiu) da temporada 2002-03, começou a discutir com o novato. Arenas falou q iria explodir o carro do Crittenton, que retribuiu falando que iria atirar no joelho operado do Arenas. Foi ai que a coisa começou a ficar séria. Dias depois, no dia 21 de dezembro de 2009, no vestiário do Verizon Center, Arenas levou quatro armas para o vestiario e deixou-as na frente do armário de Crittenton e um bilhete 'Escolha uma', e depois disse ao jovem 'Você disse que quer atirar em mim, eu estou facilitando pra você'. O time levou na brincadeira, mas Crittenton não. Ele jogou as armas no chão, amassou o bilhete e disse: 'Eu não preciso das suas armas, eu tenho a minha'. Então ele tirou a arma carregada. Há boatos que ele começou a apontar a arma para Arenas. Mas o que é certo eh que ele começou a cantar enquanto a segurava. Os outros jogadores fugiram e ligaram para a Policia.

Após isso, em 5 de janeiro de 2010, em jogo contra Philadelphia 76ers, Arenas e a alguns da equipe foram fotografados rindo e fazendo piadas, apontando o dedo e fingindo estar atirando nos colegas de time. Este incidente foi considerado o pior incidente ocorrido com os Wizards.

Em 6 de janeiro de 2011, McGee foi escolhido para participar do NBA Slam Dunk Contest, o torneio de enterradas da NBA, em 2011. McGee foi o primeiro jogador do Wizards a participar do torneio. Ele ficou em segundo lugar, perdendo para Blake Griffin. McGee foi o primeiro jogador a usar 3 bolas de uma só vez no torneio de enterradas, que inclusive foi citado no Guinness World Records como a enterrada com maior numero de bolas num simples pulo. A terceira bola foi passada pra ele pelo, então companheiro de time, John Wall.

Em 15 de março de 2011, na derrota do Wizards de 98 a 79 para o Chicago Bulls, McGee alcançou seu primeiro triplo-duplo, registrando 11 pontos, 12 rebotes e 12 tocos. Seus 12 tocos foram os maiores desde Keon Clark ter feito 12 em 23 de Março de 2001. Ele recebeu muitas criticas nesse dia por estar forçando jogadas para chegar aos 10 pontos enquanto seu time estava tomando uma verdadeira lavada. Ele, inclusive, chegou a receber uma falta técnica por comemoração excessiva, puxando o aro vigorosamente na comemoração após a sua enterrada final. O comentarista de televisão Kevin McHale chamou isso de "O mau triplo-duplo". Em respostas as criticas, McGee disse: 'Eu tenho um triplo-duplo. Quem pode dizer que ganhou um tripo-duplo? Eu não estou realmente preocupado com isso".

Durante a "greve" da NBA (2011 NBA Lockout), os lideres da NBPA se reuniram com aproximadamente 30 jogadores em 14 de outubro de 2011 e enfatizaram que precisavam de união. McGee deixou a reunião mais cedo dizendo aos repórteres que havia alguns jogadores falando que 'estavam prontos pra desistir' mas que a maioria estava unida. McGee chegou a negar tais declarações mas o comentário foi gravado pelos repórteres na ocasião. Derek Fisher disse que McGee "não tinha a capacidade de fazer tal afirmação' baseado no curto tempo que ficou na reunião.

McGee alcançou a media de 10 pontos e 8 rebotes nas temporadas de 2010-11 e 2011-12 com Wizards.

Denver Nuggets (2012 - 2015)[editar | editar código-fonte]

Em 15 de março de 2012, McGee foi trocado para o Denver Nuggets juntamente com Ronny Turiaf num acordo que trouxe Nenê aos Wizards. Como jogador dos Wizards, ele começou no quinteto inicial em 40 das 41 partidas que ele participou. Já pelos Nuggets, ele começou 5 dos 20 jogos em que apareceu. Sua quantidade de minutos foi reduzida de 27.4 minutos no Wizards para 20.6 minutos no Nuggets. Em 21 de março de 20012, McGee fez o ponto da vitória numa dunk após Arron Afflalo perder lances livres com 5 segundos no relógio para terminar a partida. Ao fim da temporada regular, os Nuggets alcançaram a sexta posição na conferencia oeste e McGee apareceu pela primeira vez em sua carreira nos playoffs de 2012. A maior pontuação nas series de playoffs foi de 21 pontos no jogo 5, no primeiro round dos playoffs contra Los Angeles Lakers. Os numeros dele foram oscilando durante a série toda, incluindo o jogo 7 quando ele marcou 6 pontos, em 1/7 arremessos em 32 minutos de duração.

Em 18 de julho de 2012, McGee renovou com os Nuggets em um contrato de $44 milhões de dólares por 4 anos.

Na temporada 2013-14 foi mais curta para McGee, terminando em 20 de fevereiro de 2014 quando ele foi submetido a uma cirurgia na tibia esquerda, devido a uma fratura por stress, sofrida em 8 de novembro de 2013.

Em 29 de outubro de 2014, McGee retornou às quadras pelo Nuggets, marcando 2 pontos e 2 rebotes na abertura da temporada na vitória por 89-79 sobre os Detroit Pistons.

Philadelphia 76ers (2015)[editar | editar código-fonte]

Em 19 de fevereiro de 2015, McGee foi trocado junto com os direitos de Chukwudiebere Maduabum e uma pick de primeiro round em 2015 para o Philadelphia 76ers numa troca envolvendo os direitos de Cenk Akyol.

Em 1 de Março de 2015 ele foi dispensado pelos 76ers depois de aparecer em apenas seis jogos.

Dallas Mavericks (2015 - 2016)[editar | editar código-fonte]

Em 13 de agosto de 2015, McGee assinou com o Dallas Mavericks. Ele perdeu os 13 primeiros jogos da franquia na temporada 2015-16 devido a uma fratura por stress na tibila esquerda. Em 22 de Novembro de 2015, ele fez sua estreia nos Mavericks jogando pouco menos de 11 minutos, marcando 8 pontos e 6 rebotes na derrota para o Oklahoma City Thunder. Em 5 de janeiro de 2016 ele registrou sua maior pontuação na temporada, marcando 13 pontos e 11 rebotes na vitória no tempo extra por 117-116 sobre o Sacramentos Kings.

Em 8 de julho de 2016, McGee foi dispensado pelo Mavericks.

Golden State Warriors (2016 - 2018)[editar | editar código-fonte]

Em 16 de setembro de 2016, McGee assinou novo contrato com o Golden State Warriors.. Em 15 de dezembro de 2016, ele bateu seu recorde de pontos na temporada, marcando 17 pontos na vitória por 103-90 sobre o New York Knicks. Em 31 de março de 2017, ele fez seu maior numero de pontos na temporada, marcando 13 pontos e 5 tocos na temporada, vencendo o Houston Rockets por 107-98. Os Warriors foram campeões da NBA em 2017 derrotando Cleveland Cavaliers em 4-1 nas finais. Ele jogou 77 dos 82 jogos da temporada regular, com uma porcentagem de arremessos de quadra de .652 e 16 dos 17 jogos dos playoffs com uma porcentagem de .732, ambos as melhores da carreira.

Em 1 de agosto de 2017, McGee renovou com os Warriors por 1 ano. Em junho de 2018, ele venceu o seu segundo campeonato da NBA seguido, depois dos Warriors derrotarem novamente os Cavaliers numa varrida de 4 a 0 nas finais dos playoffs. Ele começou jogando 3 jogos da final na serie e teve media de 8 pontos nos quatro jogos.

Los Angeles Lakers (2018 - até o presente)[editar | editar código-fonte]

Em 10 de julho de 2018, Mcgee assinou com os Los Angeles Lakers.

Em 30 de setembro de 2018, McGee fez sua estreia nos Lakers, em jogo válido pela pré-temporada surpreendendo a todos com 17 pontos, 7 rebotes e 1 toco em 19 minutos de jogo, na derrota para o Denver Nuggets por 124-107. O veterano impressionou muitos na da pré-temporada motivando seus companheiros de time e mostrando que pode ser muito util para os Lakers durante a temporada regular.

McGee iniciou a temporada regular nos Lakers no dia 18 de outubro de 2018, marcando 13 pontos, 8 rebotes, 1 assistência, 1 roubo de bola e 3 tocos em 21 minutos na derrota para o Portland Trial Blazers por 119-128.


Estatísticas na NBA[editar | editar código-fonte]

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

Temporada Regular[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2008-09 Washington Wizards 75 14 15.2 .494 .000 .660 3.9 0.3 0.4 1.0 6.5
2009-10 Washington Wizards 60 19 16.1 .508 .000 .638 4.1 0.2 0.3 1.7 6.4
2010-11 Washington Wizards 79 75 27.8 .550 .000 .583 8.0 0.5 0.5 2.4 10.1
2011-12 Washington Wizards 41 40 27.4 .535 .000 .500 8.8 0.6 0.6 2.5 11.9
2011-12 Denver Nuggets 20 5 20.6 .612 .000 .373 5.8 0.3 0.5 1.6 10.3
2012-13 Denver Nuggets 79 0 18.1 .575 1.000 .591 4.8 0.3 0.4 2.0 9.1
2013-14 Denver Nuggets 5 5 15.8 .447 .000 1.000 3.4 0.4 0.2 1.4 7.0
2014-15 Denver Nuggets 17 0 11.5 .557 .000 .690 2.8 .1 .1 1.1 5.2
2014-15 Philadelphia 76ers 6 0 10.2 .444 .000 .500 2.2 .3 .0 .2 3.0
2015-16 Dallas Mavericks 34 2 10.9 .575 .000 .500 3.9 .1 .1 .8 5.1
2016-17 Golden State Warriors 77 10 9.6 .652 .000 .505 3.2 .2 .2 .9 6.1
2017-18 Golden State Warriors 65 17 9.5 .621 .000 .731 2.6 .5 .3 .9 4.8
2018-19 Los Angeles Lakers 75 75 22.3 .624 .083 .013 7.5 .007 .6 1.4 12
Carreira 558 187 16.7 .559 .067 .582 4.8 0.3 0.4 1.5 7.5

Playoffside[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2011-12 Denver Nuggets 7 0 25.9 .434 .000 .538 9.6 0.7 0.7 3.1 8.6
2012-13 Denver Nuggets 6 2 18.7 .581 .000 .389 5.2 0.0 0.7 1.0 7.2
Carreira 13 2 22.5 .488 .000 .477 7.5 0.4 0.7 2.2 7.9

Carreira na Seleção Americana de Basquete[editar | editar código-fonte]

McGee recebeu um convite para Seleção americana de basquete para participar de um mini camp no verão de 2009 e novamente no verão de 2010. McGee jogou com a equipe dos EUA em um amistoso no Radio City Music Hall durante o Festival Mundial de basquete em 2010, mas depois de um desempenho irregular, não jogou contra o time da China no Madison Square Garden e foi cortado em 15 de agosto de 2010.

McGee visitou as Filipinas duas vezes durante a Greve da NBA em 2011, primeiro em jogos de exibição com as estrelas da NBA contra jogadores da Associação de Basquete das Filipinas e da equipe nacional Smart Gilas e depois em uma clínica de basquete. Mais tarde, naquele ano, ele expressou seu interesse em jogar pela equipe nacional filipina, e em 2012, um projeto de lei foi apresentado por sua cidadania filipina para torná-lo elegível para jogar no Smart Gilas. Em 2014, McGee foi convidado novamente pelo Gilas Pilipinas para participar como jogador naturalizado para a Copa do Mundo de Basquete em 2014 da FIBA na Espanha. No entanto, as seleções nacionais estavam limitadas a um jogador naturalizado e o ex-companheiro de equipe do Wizards, Andray Blatche, fez parte da equipe da Copa do Mundo depois q ele conseguiu a cidadania.

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

O pai de McGee, (2.08mt) George Montgomery foi draftado em 1985 no segundo round pelo Portland Trial Blazers, embora ele não tenha jogado no time. Sua mãe, Pamela McGee, de 1,60mt, era um destaque na Universidade da Carolina do Sul, jogando com sua irmã gêmea, Paula, junto com Cheryl Miller venceram dois campeonatos na divisão 1 da NCAA, em 1983 e 1984. Isso aconteceu após dois campeonatos estaduais de Michigan pela Northern Flint High School. Ela ganhou medalha de ouro nas olimpiadas de 1984. Além de jogar na França, Italia e Brasil, ela foi selecionada no draft da WNBA de 1997 pelo Sacramento Monarchs. Ela estreou para os Los Angeles Sparks e Sacramento Monarchs.

McGee é o primeiro filho de uma jogadora da WNBA a jogar na NBA. Sua meia-irmã mais nova, Imani McGee-Stafford também joga na WNBA para o Atlanta Dream. Sua mãe, formada em economia, equilibrou sua carreira no basquete internacional com a criação de filhos, a educação em casa, o treinamento e o ensino em uma escola.

Referências

  1. «Página na NBA» (em inglês). Consultado em 08 de maio de 2014  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «JaVale McGee - Wikipedia». en.m.wikipedia.org (em inglês). Consultado em 27 de outubro de 2018 
  3. «Homens Brancos não Sabem Blogar». www.facebook.com. Consultado em 27 de outubro de 2018