Peugeot Tipo 5

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Peugeot Tipo 5
Um modelo para as corridas.
Visão Geral
Nomes
alternativos
Peugeot 5
Produção 1893-1896 - 14 unidades
Fabricante Société des Automobiles Peugeot
Montagem Valentigney, França
Modelo
Classe Supermini
Carroceria Aberta, 2 ou 4 lugares
(estilo carruagem) - vis-à-vis
Ficha técnica
Motor Daimler (sob licença)
2 cilindros em "V", 565 cm3
de combustão interna à gasolina
Potência 2 hp
Transmissão por corrente dentada
Layout Motor traseiro
Tração traseira
Dimensões
Comprimento 2.150 mm
Entre-eixos 1.300 mm
Largura 1.320 mm
Altura 1.350 mm
Peso 400 kg
Velocidade Máx. 18 km/h
Cronologia
Peugeot Tipo 4
Peugeot Tipo 6

O Peugeot Tipo 5, foi um modelo de automóvel, de uso específico para corridas, fabricado por Armand Peugeot, fundador da Peugeot, entre 1893 e 1896.[1]

Pioneiro nas corridas[editar | editar código-fonte]

O Peugeot Tipo 5 foi um modelo específico, produzido em série limitada, para uso em corridas, tendo sido um dos 21 automóveis que participaram da Paris-Rouen de 1894, primeira competição para "veículos sem cavalos" da história.[2]

O Peugeot Tipo 5, inscrito com o número 27 e pilotado por Louis Rigoulot, chegou em 11º[3] (algumas fontes alegam que ele foi o vencedor),[4] nesse evento, que foi vencido por um Peugeot Tipo 6, inscrito com o número 65 e pilotado por Albert Lemaître.

Cinco carros da Peugeot completaram a prova em Rouen, pilotados por: Albert Lemaître, Auguste Doriot, Émile Kraeutler, Michaud, e Louis Rigoulot. Os "filhos dos irmãos Peugeot" (Les fils de Peugeot Frères), foram considerados vencedores do prêmio de 5.000 francos Prix du Petit Journal, que eles dividiram igualmente com a Panhard et Levassor. [Notas 1]

Características[editar | editar código-fonte]

O Tipo 5 pode ser descrito como sendo uma versão menor do Peugeot Tipo 3, que apesar de ter tipo uma curta experiência em esportes em 1891, não foi concebido para essa finalidade. Utilizando o mesmo motor do Tipo 3, o Tipo 5, por ser menor e mais leve, conseguia extrair um melhor desempenho do pequeno motor de 565 cc. A carroceria era em geral de apenas dois lugares, mas existem registros e exemplares remanescentes que atestam a produção de alguns poucos exemplares com quatro lugares.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. De acordo com o Musée de l'Aventure Peugeot, um Peugeot Tipo 5 pilotado por Louis Rigoulot venceu a primeira corrida de veículos à motor do mundo, mas a descrição na placa, é muito ambiciosa sobre o curso dos eventos e as conquistas obtidas por Rigoulot, e ela é confusa acerca do status da "corrida". O evento, foi declarado por seus organizadores como: não sendo uma corrida. A placa declara Louis Rigoulot como vencedor, mas ele chegou em 11º no seu carro de número 27. A Peugeot, foi declarada pelos organizadores como tendo dividido a vitória no percurso geral com a Panhard et Levassor. No museu Musée de l'Aventure Peugeot, a placa de descrição de 2012, afirma:
    Musée de l'Aventure Peugeot - placa de descrição (2012)
    Este Peugeot venceu a primeira prova automobilística do mundo. Em 1894, o diário de Paris: "Le Petit Journal" organizou uma competição entre "veículos sem cavalos" de Paris à Rouen. Despois das eliminatórias, apenas 21 competidores foram selecionados para participar da rodada final de 128 km. Desses 21 veículos, o Tipo 5 sob comando do engenheiro Louis Rigoulot, venceu a etapa empatando com a Panhard et Levassor. «Cette Peugeot a gagné le première course automobile au monde. En 1894 le quotidien parisien « Le Petit Journal » organisa un « concours de voitures sans chevaux » sur le trajet Paris-Rouen. A l’issue des épreuves éliminatoires, seuls 21 concurrents furent retenus pour participer à l’épreuve finale de 128 km. Parmi ces 21 véhicules le Type 5, confié à l’ingénieur Louis Rigoulot, remporta l’épreuve ex aequo avec Panhard et Levassor»

Referências

  1. Lawson, Tegan (6 de fevereiro de 2015). «Peugeot Museum Tour in Sochaux, France». caradvice.com.au. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  2. «Voitures sans chevaux». Paris. Le Petit Journal. 31 (11317). 1 páginas. Dezembro de 1893. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  3. «A ROUEN». Paris. Le Petit Journal. 32 (11532). 1 páginas. Julho de 1894. Consultado em 16 de maio de 2015. 
  4. «Los Peugeot Type de 1894». taringa.net. 25 de julho de 2010. Consultado em 16 de maio de 2015. 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • René Bellu: Toutes les Peugeot. Jean-Pierre Delville Editeur (em francês)
  • Dominique Pagneux: Peugeot - L'aventure automobile. ETAI (em francês)
  • Wolfgang Schmarbeck: Alle Peugeot Automobile 1890-1990. Motorbuch-Verlag. Stuttgart 1990. ISBN 3-613-01351-7 (em alemão)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Peugeot Tipo 5
Ícone de esboço Este artigo sobre automóveis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.