Reinado Sombrio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Reinado Sombrio (no original: Dark Reign) é o arco de história de banda desenhada da Marvel Comics que tem início logo após a conclusão da saga Invasão Secreta.[1]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Nesta fase, os comandados de Norman Osborn assumiram as identidades heroicas dos Vingadores que não haviam obedecido à Lei de Registro de Super-humanos. O vilão ficou mais poderoso do que nunca, pois deteve quase todo o patrimônio tecnológico de Tony Stark, a confiança do governo e da população dos Estados Unidos e a diretoria da M.A.R.T.E.L.O., agência que substituiu a S.H.I.E.L.D., extinta após o fracasso em conter os efeitos da invasão alienígena. Enquanto Osborn permaneceu no poder, os seus colaboradores (que formaram a Cabala, grupo maligno que imitava os Illuminati) foram: Loki, o Capuz, Doutor Destino, Namor e Emma Frost (ao perceber a besteira que fez, Namor saiu do grupo com Emma Frost e se aliou os X-Men, contra Osborn). A saga culminou no Cerco a Asgard,[2] evento que derrubou Norman Osborn e os pseudo-heróis sob o seu comando, finalizando a era conhecida como "Reinado Sombrio".[3]

Referências

  1. Assis, Érico (22 de dezembro de 2009). «Panini vai lançar nova série Marvel dedicada a Reinado Sombrio». Omelete. Consultado em 18 de novembro de 2017. 
  2. Lima, Hector (22 de março de 2011). «Panini Comics em março traz O Cerco, O Dia Mais Claro e edições comemorativas da DC». Omelete. Consultado em 18 de novembro de 2017. 
  3. Assis, Érico (15 de maio de 2010). «Termina Siege e começa a Heroic Age da Marvel - entenda como fica o universo de heróis». Omelete. Consultado em 18 de novembro de 2017. 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma banda desenhada da Marvel Comics é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.