Achigã

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaAchigã
Micropterus salmoides 2.jpg

Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Perciformes
Família: Centrarchidae
Género: Micropterus
Espécie: Micropterus salmoides

O achigã, Micropterus salmoides, é um peixe de água doce originário do sul do Canadá e norte dos Estados Unidos da América que foi introduzido na Europa no final do século XIX.

Tem um corpo alongado, uma cabeça grande e boca larga com numerosos e minúsculos dentes.

A sua reprodução é efetuada em 3 fases, conhecidas como pré-desova, desova e pós-desova. Durante o período pré-desova e desova é relativamente fácil de capturar, tornando-se a sua pesca extremamente difícil na pós-desova.

Em Portugal[editar | editar código-fonte]

O achigã foi introduzido pela primeira vez em Portugal em 1898, na Lagoa das Sete Cidades, nos Açores. No continente foi introduzido em 1952 e teve uma excelente adaptação espalhando-se rapidamente por todas as bacias hidrográficas, particularmente a sul do Rio Tejo, sendo hoje considerado um dos predadores que mais tem contribuído para uma clara diminuição de outras pequenas espécies, nomeadamente nas albufeiras.

Em Portugal está protegido por defeso, sendo a sua pesca interdita entre 15 de Março e 15 de Maio, salvo algumas exceções.

A nível internacional, é um dos principais peixes desportivos de água doce, sendo mesmo o principal nos Estados Unidos. Em Portugal, e apesar de ser considerado por muitos como uma iguaria, o achigã tem vindo a ser alvo de proteção e respeito por parte dos pescadores desportivos, que já praticam e divulgam o pescar e libertar.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Reprodução do achigã

Proteção do achigã

Sítio Pesca-pt

Pesca ao achigã

Ícone de esboço Este artigo sobre peixes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Commons
O Commons possui multimídias sobre Achigã