Agressão sexual

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Agressão sexual é qualquer tipo de violência de natureza sexual cometida contra outra pessoa.[1] Embora a agressão sexual esteja associada ao crime de estupro, pode cobrir tipos de violência que podem não ser considerados como tal.[2]

O que constitui uma agressão sexual é determinado pelas leis da jurisdição onde a agressão ocorreu, o que varia consideravelmente, e sofre a influência de atitudes locais, sociais e culturais.

Via de regra, a agressão sexual inclui estupro, penetração vaginal, anal ou oral forçada, relação sexual forçada, carícias não apropriadas, beijos forçados, abuso de menores e a tortura da vítima de forma sexual.[3]

Referências

  1. Chapter 6: Female Sex Offenders, All about Female Offenders, por Katherine Ramsland.
  2. Assault, Black's Law Dictionary, 8th Edition. See also Ibbs v The Queen, High Court of Australia, 61 ALJR 525, 1987 WL 714908 (agressão sexual definida como penetração sexual não consentida); Sexual Offences Act 2003 Chapter 42 s 3 Sexual assault (Reino Unido), (agressão sexual definida como contato sexual sem consentimento), e Chase v. R. 1987 CarswellNB 25 (Supreme Court of Canada) (agressão sexual definida como uso da força de natureza sexual sem consentimento)
  3. Frequently Asked Questions About Women's Health: Sexual Assault, The National Women's Health Information Center, U.S. Department of Health and Human Services.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre direito é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.