Barita

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A barita é um mineral de sulfato de bário com fórmula química BaSO4. O seu nome tem origem no grego barus (pesado). Apesar de conter bário, um metal pesado, não é considerada tóxica devido à sua elevada insolubilidade.

Tipos de ocorrência[editar | editar código-fonte]

Comum em veios de chumbo e zinco em calcários, em depósitos hidrotermais e associada a minérios de hematita. Muitas vezes ocorre associada à celestita e à anglesita.

Cristal de barita com dupla terminação(Cumbria, Inglaterra).

Usos e aplicações[editar | editar código-fonte]

Cerca de 90% da produção de barita é utilizada para aumentar a densidade das lamas de perfuração na indústria petrolífera. Também é utilizada no fabrico de tintas e de papel. Os maiores produtores mundiais são os Estados Unidos, a Índia e a China.

Em Portugal[editar | editar código-fonte]

Pode ser encontrada em Segura, concelho de Idanha-a-Nova, onde em tempos se procedeu à sua extracção.

No Brasil[editar | editar código-fonte]

O Brasil possui 0,3 % das reservas mundiais e sua produção atinge 1% da produção mundial.1 O Estado da Bahia contribui com 95% da produção nacional.2

Ficha Técnica[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências