Carlos Antônio Dobbert de Carvalho Leite

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carvalho Leite
Carvalho Leite.jpg
Informações pessoais
Nome completo Carlos Antônio Dobbert de Carvalho Leite
Data de nasc. 26 de maio de 1912
Local de nasc. Niterói,  Brasil
Falecido em 19 de julho de 2004 (92 anos)
Local da morte Rio de Janeiro,  Brasil
Informações profissionais
Posição Atacante
Clubes de juventude
1916-1917 Brasil Fluminense
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1927-1929
1929-1942
Brasil Petropolitano Foot-Ball Club
Brasil Botafogo

326 (274)
Seleção nacional
1928
1930-1934
1931-1939
1937
Rio de Janeiro Seleção Fluminense
Brasil Brasil
Rio de Janeiro Seleção Carioca
Brasil Brasil

25 (15)

Times que treinou
1942-1943
1950-1951
1951-1952
Brasil Botafogo
Brasil Botafogo
Brasil Botafogo

Carlos Antônio Dobbert de Carvalho Leite, mais conhecido por Carvalho Leite, (Niterói, 26 de maio de 1912[1] — Rio de Janeiro, 19 de julho de 2004) foi um futebolista brasileiro, campeão carioca em 1930, 1932, 1933, 1934 e 1935, campeão do Torneio Interestadual de 1931, todos pelo Botafogo.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Carvalho Leite era um atacante trombador e artilheiro. Durante os doze anos de sua carreira, somente atuou pelo Botafogo de Futebol e Regatas. Tinha presença de área marcante. De todos os títulos cariocas conquistados pelo Botafogo, cinco tiveram a participação de Carvalho Leite. A simples lembrança das conquistas de 1930, 1932, 1933, 1934 e 1935, quando o Botafogo conquistou o tetracampeonato carioca (único na história do campeonato) e também dos Torneios Início de 1934 e 1938, mostra a importância do ídolo botafoguense.

Não se intimidava, nem na juventude, com a responsabilidade de vestir a camisa 9 do Botafogo. No Campeonato Carioca de 1930, aos 18 anos, foi o jogador que mais atuou na campanha do título carioca (vinte vezes), transformando-se no artilheiro da equipe, com catorze gols. Tornou-se, durante anos o maior artilheiro do Botafogo. Fez 273 gols em 326 jogos com a camisa alvinegra e só foi superado vários anos depois de abandonar os campos por Quarentinha, que marcou 313 gols pelo clube.

Pela Seleção Brasileira de Futebol marcou 15 gols em 25 jogos, além de ter disputado as Copas do Mundo de 1930 e 1934.[2] À época de sua morte, era o último jogador do Brasil em ambos os mundiais que ainda estava vivo.

Carvalho Leite teve sua carreira interrompida rapidamente. Sofreu uma contusão, em maio de 1941 contra o Bonsucesso. Em janeiro de 1942, na Bahia, fez sua despedida do Botafogo.

Na década de 1940, Carvalho Leite tornou-se médico do Botafogo. Também chegou a ser o treinador da equipe em quatro oportunidades.

Referências

  1. Jornal dos Sports de 26/05/1931
  2. Seleção Brasileira na Copa do Mundo FIFA de 1934 (em português). Fifa.com. Página visitada em 21 de agosto de 2010.