Congregação para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dicastério da Igreja Católica
Coat of arms Holy See.svg
Congregação para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos
 
Congregatio de Cultu Divino et Disciplina Sacramentorum


Ereção Canônica: 28 de junho de 1988
Prefeito: Antonio Cañizares Cardeal Llovera
Secretário: Arthur Roche
Página oficial: Congregação para o Culto Divino e a Disciplina dos Sacramentos
Emérito: Francis Cardeal Arinze

Jorge Arturo Augustin Cardeal Medina Estévez

Santa Sé · Igreja Católica
Projeto Catolicismo · uso desta caixa

A Congregação para o Culto Divino e Disciplina dos Sacramentos, (Congregatio de Cultu Divino et Disciplina Sacramentorum), resulta da fusão de dois dicastérios originariamente autônomos: a Congregação para o Culto Divino (instituída, com tal denominação do Papa Paulo VI com a Constituição Apostólica Sacra Rituum Congregatio de 8 de maio de 1969) e a Congregação para a Disciplina dos Sacramentos (instituída com tal denominação pelo Papa Pio X com a Constituição Apostólica Sapienti Consilio, de 29 de junho de 1908).

Jà unificada pelo Papa Paulo VI com a Constituição Apostólica Constans nobis studium de 11 de julho de 1975 e com a denominação Sacra Congregatio pro Sacramentis et Cultu Divino, os dois referidos dicastérios foram restituídos na sua autonômia e com as respectivas denominações: Congregação para os Sacramentos e Congregação para o Culto Divino, do Papa João Paulo II com quirógrafo de 5 de abril de 1984.

Com a Constituição Apostólica Pastor Bonus, publicada em 28 de junho de 1988, o Papa João Paulo II reuniu novamente em um único dicastério com a denominação atual.

Esta Congregação tem por finalidade e competência, se ocupar de tudo que diz respeito a Sé Apostólica, a cerca da promoção e da regulamentação da liturgia e, em primeiro lugar, dos sacramentos.

Promove a ação pastoral litúrgica e tudo que está ligado a preparação e a celebração da Eucaristia, e dos outros sacramentos e dos sacramentais, no que se refere a celebração do domingo e das outras festas do Ano Litúrgico e da Liturgia das Horas.

Prefeitos[editar | editar código-fonte]

Nome Período Notas
Prefeitos
16º Antonio Cañizares Cardeal Llovera 2008
15º Francis Cardeal Arinze 2002-2008 prefeito emérito
14º Jorge Arturo Augustin Cardeal Medina Estévez 1996-2002 prefeito emérito
13º Antonio María Cardeal Javierre Ortas, SDB 1992-1996
12º Eduardo Cardeal Martínez Somalo 1988-1992
11º Paul Augustin Cardeal Mayer, OSB 1984-1988
10º Giuseppe Cardeal Casoria 1981-1984
James Robert Cardeal Knox 1975-1981
Antonio Cardeal Samoré 1968-1974
Francis John Cardeal Brennan 1968
Francesco Cardeal Carpino 1967
Benedetto Aloisi Cardeal Masella 1954-1967
Domenico Cardeal Jorio 1935-1954
Michele Cardeal Lega 1920-1935
Filippo Cardeal Giustini 1914-1920
Domenico Cardeal Ferrata 1908-1914


Ícone de esboço Este artigo sobre Catolicismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.