Engenheiro de som

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Merge-arrows 2.svg
Foi proposta a fusão deste artigo ou se(c)ção com Engenharia de áudio. Pode-se discutir o procedimento aqui. (desde fevereiro de 2014)


Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde Agosto de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Um engenheiro de som é um profissional com treino e experiência na captação e manipulação do som através de meios mecânicos ou eletrônicos. Uma pessoa com esta designação normalmente aparece listada nas fichas técnicas da maior parte dos discos musicais e também noutras produções que incluem som, tal como os filmes.

O campo da engenharia de som integra muitas disciplinas, incluindo a engenharia eléctrica, acústica, e produção musical. É fundamental para o Engenheiro de som ter conhecimento nas mais diversas áreas de tais ciências, uma vez que tudo é integrado. Ao contrário da crença comum, de que um engenheiro de som não precisa ter conhecimento de acústica ou de elétrica, todo o bom profissional sabe que tais conhecimentos são fundamentais para o ótimo exercício da técnica. Por exemplo, o posicionamento correto dos músicos e microfones no ambiente, bem como o dimensionamento de sistemas de áudio e instalações elétricas.

É fundamental também, que o Engenheiro tenha conhecimentos de música, pois isto o auxilia em decisões de posicionamento e escolha de microfones, bem como em decisões de mixagem, além de, dotato de um ouvido treinado, ter a capacidade de ouvir erros que os músicos e produtores não prestaram atenção. A complexidade de tais interações é demasiadamente grande para este artigo, e recomenda-se uma leitura mais profunda no assunto. É de se notar, também, que a maioria da literatura técnica não é traduzida para o português, o que torna indispensável a fluência no inglês por parte do profissional.

Os engenheiros de som devem ser familiarizados com o design, instalação e operação de equipamentos para gravação, distribuição e amplificação de som, bem como processadores de áudio. No estúdio de gravação, o engenheiro de som é o responsável pelo correto emprego dos equipamentos de gravação e mixagem, concretizando fisicamente a criatividade dos músicos e do produtor musical. Normalmente, o engenheiro de som responde ao produtor musical, sendo subordinado, durante a sessão de gravação/mixagem, a ele.

É muito comum, dada o vasto conhecimento exigido pela profissão, que alguns engenheiros tomem decisões artísticas, para além das técnicas. Pode-se dizer, até, que o Engenheiro de som é aquele que tem instrução técnica que o possibilita fundir arte com técnica.

Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]