Félix de Avelar Brotero

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Félix da Silva Avelar Brotero

Félix da Silva Avelar,[1] conhecido como Félix de Avelar Brotero (Santo Antão do Tojal, Loures, 25 de Novembro de 1744Belém, Lisboa, 4 de Agosto de 1828 (83 anos)) foi um botânico português. Em sua homenagem foi fundada a Sociedade Broteriana, agremiação científica que através do seu Boletim teve grande importância no desenvolvimento da Botânica em Portugal.

Vida e obra[editar | editar código-fonte]

Avelar Brotero estudou medicina pela Universidade de Reims. Foi nomeado professor de Botânica e Agricultura na Universidade de Coimbra em 1791, e nessa qualidade passou a dirigir o Jardim Botânico.

Em 1820 foi eleito deputado às Cortes Constituintes pela Estremadura. Depois de ter assistido aos trabalhos legislativos durante 4 meses, pediu dispensa que lhe foi concedida.

Entre outros livros escreveu Flora Lusitânica onde identificou cerca de 1800 espécies, muitas delas desconhecidas até então.

Avelar Brotero.jpg

Principais publicações[editar | editar código-fonte]

  • Principios de agricultura philosophica. Coimbra: Imp. da Universidade, 1793.
  • Flora Lusitanica: seu plantarum, quae in Lusitania vel sponte crescunt: vel frequentuns colunter, ex florum praesertim sexuleus systematic distributarum: synopsis. Olissipone: Ex Typogr. Regia, 1804. 2 vols.
  • Phytographia Lusitaniae selectior..., seu Novarum, rariorum, et aliarum minus cognitarum stirpium, quae in Lusitania sponte' veniunt, ejusdemque floram spectant, descriptiones iconibus illustratae. Olisipone: Typographia Regia, 1816-27. 2 tomos.
  • Histórial Natural dos Pinheiros, Larices e Abetos, Lx, 1827 (segundo CML Baeta Neves)
  • Compêndio de botânica: addicionado e posto em harmonia com os contrecimentos actuaes desta sciencia, segundo os botanicos mais celebres, como Mirbel, De Candolle, Richard, Lecoq, e outros, por Antonio Albino da Fonseca Benevides. Lisboa: Typ. Academia Real das Sciencias 1837-1839. 2 vols.

Referências

  1. Félix da Silva Avelar Brotero (1744-1828) Ciência em Portugal: Personagens e Episódios. Visitado em 8 de Decembro de 2013.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Castel-Branco, Cristina. Félix de Avelar Brotero: botaniste portugais (1744-1828). Paris/Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2004. (Présences portugaises en France. Sciences).
  • Fernandes, Abílio. Felix de Avellar Brotero e a sua obra. Alcobaça: Tipographia Alcobacense 1944. (Separata do Anuário da Sociedade Broteriana).
  • Palhinha; Ruy Telles. Obra e vida de Félix de Avelar Brotero. Lisboa, 1950. (Sep. Memórias, classe de ciências, 5).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikipedia-pt-hist-cien-logo.png Portal de história da ciência. Os artigos sobre história da ciência, tecnologia e medicina.