Francisco José de Sampaio e Castro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Francisco José de Sampaio e Castro (1675 — Palácio da Casa da Pólvora, Goa, 13 de julho de 1723), 11.º Senhor de Vila Flor, foi um administrador colonial português, sendo o 40.º Vice-Rei da Índia e 66.º Governador da Índia.

Veio a falecer de morte súbita no Palácio da Casa da Pólvora, em Goa, onde jaz sepultado na Basílica do Bom Jesus.

Dados genealógicos[editar | editar código-fonte]

Era filho de Francisco de Sampaio, governador das armas de Trás-os-Montes1 e de sua mulher, D. Joana de Távora.

Em 1698, casou-se com Jerónima de Bourbon, filha de António de Almeida Portugal, 2.º Conde de Avintes, sendo irmã do patriarca lisboeta Tomás de Almeida, de Luís de Almeida Portugal, 3.º Conde de Avintes e de Lourenço de Almeida.

Teve um único filho, Manuel António de Sampaio, 12.º Senhor de Vila Flor.

Referências

Precedido por
Luís Carlos Inácio Xavier de Meneses
Lesser coat of arms of Portuguese India.svg
Vice-Rei da Índia Portuguesa

17201723
Sucedido por
Cristóvão de Melo