Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Kingdom Hearts 3D:
Dream Drop Distance
Arte da capa norte-ameicana.
Desenvolvedora Square Enix 1st Production Department[1]
Publicadora(s) Square Enix
Distribuidora Disney Interactive Studios
Diretor Tetsuya Nomura
Tai Yasue
Produtor Rie Nishi
Escritor(es) Masaru Oka
Compositor(es) Yoko Shimomura
Takeharu Ishimoto
Tsuyoshi Sekit[2]
Artista Gen Kobayashi
Takeshi Fujimoto
Plataforma(s) Nintendo 3DS
Série Kingdom Hearts
Data(s) de lançamento
  • JP 29 de março de 2012[3]
  • AN 31 de julho de 2012[4]
  • EU 20 de julho de 2012[5]
Gênero(s) RPG de ação
Modos de jogo Um jogador
Classificação Inadequado para menores de 10 anos i ESRB (América do Norte)
Inadequado para menores de 12 anos i PEGI (Europa)
Mídia Nintendo 3DS Game Card[6]
Último
Último
Kingdom Hearts Re:coded
Kingdom Hearts HD 1.5 Remix
Próximo
Próximo

Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance (キングダム ハーツ 3D [ドリーム ドロップ ディスタンス], Kingudamu Hātsu Surī Dī [Dorīmu Doroppu Disutansu]?),[7] é um jogo eletrônico produzido e publicado pela Square Enix para a Nintendo 3DS, revelado na E3 2010.[8] A equipe de produção é a mesma de Kingdom Hearts Birth by Sleep. O jogo tem um enredo completamente à parte e constitui o sétimo título Kingdom Hearts.[9] O nome foi alterado de Kingdom Hearts 3D para Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance, numa conferência da Square Enix a 18 de Janeiro de 2010.[10]

A maior parte do jogo conta a história de Sora e Riku passando por testes para se tornarem verdadeiros mestres da Keyblade. O jogo foi lançado para Nintendo 3DS e serve como um prólogo para Kingdom Hearts III, reunindo vários elementos de todos os jogos anteriores.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

A jogabilidade de Dream Drop Distance foi planejada para ser similar a de Final Fantasy Versus XIII; qualquer elemento não utilizado em Versus XIII foi utilizado em Dream Drop Distance. Os dois personagens jogáveis são Sora e Riku, e o controle entre eles muda durante o jogo através de uma das novidades, a barra Drop Gauge.[11] Assim que essa barra esvazia o personagem é trocado, possibilitando a combinação de ataques.[12]

O jogo volta a utilizar o sistema Command Deck, introduzido em Birth by Sleep, onde as técnicas e habilidades do personagem são equipadas. Um dos elementos chave do jogo é o mecanismo de "livre-movimento", que permite ao jogador utilizar o ambiente ao seu redor para realizar movimentos e ataques especiais através do botão Y.[13] A maior inovação do jogo é a capacidade de caçar e coletar Dream Eaters; cada Dream Eater possibilita um conjunto diferente de ataques e ações cooperativas a Sora e Riku. O jogo também faz uso da tecnologia touch screen para realizar ações como lançar inimigos ou conectar ataques. O jogo também foi projetado para ter cenas e eventos interativos.[14]

Foi confirmado que o jogo é compatível com o acessório Circle Pad Pro.[15] O jogo ainda virá com um dispositivo de realidade aumentada, permitindo que o jogador brinque com os Dream Eaters já coletados.[16]

Quando um jogador está se movimentando para um novo mundo ele entra em um modo chamado Dive Mode. Nesse modo Sora ou Riku mergulham em direção ao mundo, e é necessário derrotar alguns inimigos e fazer uma determinada quantidade de pontos para entrar nesse mesmo mundo. No Dive Mode ainda é possível coletar prêmios.[17]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Kingdom Hearts
(Cronologia fictícia)

Birth by Sleep
Kingdom Hearts
Chain of Memories
358/2 Days
Kingdom Hearts II
coded
Dream Drop Distance
Kingdom Hearts III

Cenário[editar | editar código-fonte]

O diretor e criador da série, Tetsuya Nomura, indicou que os dois temas do jogo são amizade e confiança. A história é conectada com Kingdom Hearts coded, Kingdom Hearts: Birth by Sleep e Kingdom Hearts: 358/2 Days. O cenário presente em Dream Drop Distance contem vários mundos. A maioria dos mundos originais da série estão presentes no jogo, tais como Destiny Islands, Traverse Town, Radiant Garden, Twilight Town e The World That Never Was, mas como a maior parte dos eventos acontece no "mundo submerso no sono", todos os mundos baseados em filmes da Disney são novos. Os filmes confirmados para a criação de mundos são O Corcunda de Notre Dame, Pinóquio, Mickey, Donald e Pateta: Os Três Mosqueteiros, Fantasia e Tron: O Legado. Seus respectivos mundos são La Cité des Cloches, Prankster's Paradise, Country of the Musketeers, Symphony of Sorcery e The Grid. São dentro desses mundos que Sora e Riku participam do teste Mark of Mastery (マスター承認試験, Masutā Shōnin Shiken?, em português, Teste de Qualificação para Mestre). Os dois personagens ainda possuem novas vestimentas. A história do jogo está profundamente conectada com a de Kingdom Hearts III.[18]

Personagens[editar | editar código-fonte]

Os dois personagens jogáveis são Sora e Riku. A história começa logo após o epílogo de Kingdom Hearts Re:coded, em que Yen Sid pediu a Mickey que ele convocasse Sora e Riku para participarem do exame Mark of Mastery para combater o futuro retorno do Mestre Xehanort.[19] O inimigo opcional Unknown, de Birth by Sleep, retorna como o antagonista primário do jogo. Apesar de terem sido destruídos, "Ansem" e Xemnas estão dentre os vilões do jogo, ao lado de Malévola e Bafo. Alguns aprendizes de Ansem, que foram revividos após a destruição de seus Nobodies, também aparecem. Os personagens Neku Sarukaba, Shiki, Joshua, Rhyme e Beat do jogo The World Ends with You foram escalados para fazerem pequenas aparições na história, marcando pela primeira vez na série a aparição de personagens que não pertencem a Disney ou a série Final Fantasy (apesar de que os cinco são propriedade da Square Enix e foram criados por Tetsuya Nomura).[20]

Assim como os jogos anteriores, Dream Drop Distance possui um grande elenco de personagens da Disney, o mais notável sendo Mickey que aparece em três formas diferentes (rei, mosqueteiro e feiticeiro). Donald e Pateta também retornam como personagens recorrentes. Cada mundo possui seus habitantes e eles fazem pequenas participações significativas, sempre mantendo a história original dos filmes. Malévola e Bafo continuam seus papéis como vilões. Diferentemente dos outros jogos, que apresentam um grande número de personagens de Final Fantasy, somente um Moogle foi confirmado para aparecer em Dream Drop Distance.

O jogo introduz uma nova espécie de inimigos e aliados, os Dream Eater (Comedores de Sonhos). Eles se dividem em duas categorias, Pesadelos e Espíritos. Os Pesadelos se alimentam de sonhos e criam pesadelos, enquanto os Espíritos se alimentam de pesadelos e criam sonhos, além de atuarem como parceiros para Sora e Riku.[21]

História[editar | editar código-fonte]

Exatamente após os eventos de coded e simultaneamente ao epílogo de Birth by Sleep, Sora e Riku são levados por Mickey até a torre de Yen Sid onde eles treinarão para se tornarem mestres da Keyblade e impedir o retorno do Mestre Xehanort. Como parte do exame, os dois são jogados em sete mundos que foram salvos dos Heartless, durante o primeiro Kingdom Hearts, mas entraram em um estado de sono profundo e se disconectaram dos demais mundos. Consequentemente, os Heartless não conseguem chegar a esses mundos e as trevas se manifestam em forma de Dream Eaters. Para completar o teste e se tornarem mestres da Keyblade, Sora e Riku devem despertar esses mundos e depois retornarem à torre de Yen Sid. Contudo, ao longo do caminho eles encontram um misterioso jovem encapuzado que está decidido a impedir o progresso da dupla.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

O jogo foi anunciado durante o evento estadunidense "Eletronic Entertainment Expo 2010" para a plataforma Nintendo 3DS e sobre o nome de "Kingdom Hearts 3D Demo.[22] Foi formalmente apresentado no evento "Square Enix 1st Production Department Premier" em Tóquio no Japão, dia 18 de janeiro de 2011, com o seu primeiro trailer e nome oficial.[23] Tetsuya Nomura, o criador da série, comentou sobre os elementos misteriosos do jogo, enfatizando que ele "revelará fatos passados" e que os jogadores devem esperar o inesperado. Ele também confirmou que o tema do jogo é confiança.[22] Em uma edição da Game Informer foi dito que um novo trailer do jogo apareceria no "E3 2011",[24] mas a Square Enix logo negou essa informação e divulgou que o próximo trailer apareceria no "Tokyo Game Show 2011".[25]

Em julho de 2011, uma edição da Famitsu mostrou uma intrevista com Nomura, onde ele confirmou que o jogo já estava 40%-50% desenvolvido. Ele também contou que Kingdom Hearts 3D terá um video secreto, assim como outros lançamentos da série, com um "final chocante". Um novo demo do jogo revelou dois personagens misteriosos e uma nova espécie de inimigos diferente dos Heartless, Nobodies e Unverseds.[26] Uma edição da Dengeki mostrou outra intrevista com Nomura, onde ele mais uma vez confirmou a presença de um trailer do jogo no "Tokyo Game Show 2011", bem como uma versão demo. Ele também disse que sua prioridade com a série é terminar o jogo no começo de 2012. Ele ainda está considerando um chamado "Teste Técnico de HD" para comemorar o décimo aniversário da série.[27]

Durante o "Tokyo Game Show 2011" foi confirmado que o jogo seria lançado durante a primavera de 2012 no Japão. Também foi revelada a presença de vários personagens: os originais da série eram Xehanort, Braig, Ienzo e Even; Quasimodo e Esmeralda, do filme O Corcunda de Notre Dame, foram mostrados como os primerios novos personagens da Disney presentes no jogo e Neku Sarukaba, protagonista do jogo The World Ends with You, que marcará pela primeira vez na série a presença de um personagem que não pertence à Disney ou a série Final Fantasy.[28] Os novos inimigos foram nomeados: os Dream Eaters, criaturas que Nomura descreve como "goblins que consomem o sono". A edição de setembro de 2011 da Famitsu mostrou alguns detalhes do jogo presentes no "Tokyo Game Show 2011". Nomura comentou que o jogo já estava 60%-70% desenvolvido e irá introduzir o quarto e o quinto distrito da Traverse Town, onde Sora e Neku participarão do Reaper's Game (Jogo do Ceifador). Nomura também contou que o jogo terá inúmeros flashbacks mostrados do ponto de vista de Xehanort.

Em novembro de 2011, o site oficial da Jump Festa revelou que um novo demo e um novo trailer do jogo apareceriam no evento "Jump Festa 2012".[29] Pouco tempo depois foi confirmado que o jogo será lançado em março de 2012.[27] Em dezembro do mesmo ano o site da Jump Festa publicou um trailer do jogo em duas versões, uma curta uma longa. Em fevereiro de 2012 a Square Enix publicou o último trailer do jogo para comemorar o décimo aniversário da série. Nesse trailer é mostrado o retorno de Vanitas e o Mestre Xehanort.[21]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2012, a Square Enix postou no site oficial da série que a data de lançamento do jogo no Japão seria no dia 29 de março do mesmo ano.[30] A empresa também declarou que o lançamento do jogo na América do Norte e na Europa estaria próximo. O jogo ainda estará incluindo no pacote "Kingdom Hearts 10th Anniversary Box", em comemoração ao décimo aniversário da franquia. O pacote também inclui Kingdom Hearts 358/2 Days e Kingdom Hearts Re:coded.[31]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Durante a entrega de prêmios do "Tokyo Game Show 2011", a versão demo do jogo recebeu o título de Melhor RPG de 3DS[32] e as batalhas contra chefões foram criticadas positivamente.[33] Alguns sites criticaram o demo dizendo que "ele contém várias surpresas sobre o jogo, que por sinal parece ser bem diferente de outros títulos da série".[34] As informações contidas em trailers do jogo têm sido recebidas positivamentes por diversas mídias, fazendo com que o jogo em si fosse colocado na lista "Os 25 mais Esperados" da Famitsu, em outubro de 2011.[35] No portal de jogos IGN, Kingdom Hearts 3D ficou em primeiro lugar em uma pesquisa sobre os jogos mais esperados para 3DS em 2012.[36] A revista Official Nintendo Magazine colocou o jogo em oitavo lugar dentro da sua lista "Os Jogos de 2012".[37]

Em sua primeira revisão do jogo, a Famitsu deu uma nota de 38/40, fazendo de Dream Drop Distance o jogo da série com a segunda maior nota, logo atrás de Kingdom Hearts II.[38] Em sua primeira semana no Japão o jogo vendeu 213.579 cópias e foi o jogo mais vendido para o Nintendo 3DS nessa mesma semana, além de ter impulsionado as vendas de sua plataforma.[39]

Referências

  1. 「Final Fantasy XIII-2」が2011年発売予定,「Agito」は「Final Fantasy 零式」と名称変更して2011年夏発売。「Square Enix 1st Production Department Premiere」をTwitterで実況. 4Gamer.net. Aetas, Inc. (18 de de janeiro de 2011). Arquivado do original em 19 de janeiro de 2011. Página visitada em 19 de janeiro de 2011.
  2. Audun Sorlie (18 de junho de 2010). E3 2010: NOMURA CONFIRMS COMPOSER FOR KINGDOM HEARTS 3D (INTERVIEW) (em Inglês). Original Sound Version. Arquivado do original em 23 de julho de 2012. Página visitada em 16 de junho de 2013.
  3. Anoop Gantayat (17 de dezembro de 2011). Kingdom Hearts 3D Set for March Release (em Inglês). http://andriasang.com/.+Arquivado do original em 28 de fevereiro de 2012. Página visitada em 16 de junho de 2013.
  4. Kingdom Hearts 3D, Theatrhythm Slated for July in N. America (em Inglês). Anime News Network (4 de maio de 2012). Arquivado do original em 11 de setembro de 2012. Página visitada em 16 de junho de 2013.
  5. Neil Long (21 de abril de 2012). Kingdom Hearts: Dream Drop Distance release date set (em Inglês). Official Nintendo Magazine UK. Arquivado do original em 27 de abril de 2012. Página visitada em 16 de junho de 2013.
  6. Pedro Henrique Lutti Lippe (13 de junho de 2012). Kingdom Hearts, Castlevania, Epic Mickey e Scribblenauts deverão ser lançados pelo eShop. Wii Brasil. Página visitada em 22 de julho de 2012.
  7. Gantayat, Anoop (18 de Janeiro de 2011). Square Enix Opens Teaser Sites for New Games (em inglês). Andriasang. Página visitada em 18 de Janeiro de 2011.
  8. E3 2010: Kingdom Hearts 3D First Look (em inglês). IGN (15 de Junho de 2010). Página visitada em 18 de Janeiro de 2010.
  9. Gantayat, Anoop (16 de Junho de 2010). Square Enix Chief Twit Master Talks Up Kingdom Hearts 3DS (em inglês). Página visitada em 18 de Janeiro de 2010.
  10. AP (18 de Janeiro de 2011). Square Enix Conference: Kingdom Hearts 3D renamed, Dissidia Duodecim gets Paid Demo, new characters (em inglês). UFF. Página visitada em 18 de Janeiro de 2011.
  11. Anoop Gantayat. Tetsuya Nomura Discusses Kingdom Hearts 3DS (em inglês). Andriasang. Página visitada em 27 de janeiro de 2011.
  12. Kingdom Hearts 3D: Tron Legacy, Dream Eater Breeding and Radiant Garden (em inglês). Adriasang. Página visitada em 16 de março de 2012.
  13. Spencer Yip. The Biggest Game Changer In Kingdom Hearts 3D Is The Y Button (em inglês). Siliconera. Página visitada em 3 de novembro de 2011.
  14. Ishaan Sahdev. Kingdom Hearts: Dream Drop Distance To Have Controllable Event Scenes, Too (em inglês). Siliconera. Página visitada em 3 de novembro de 2011.
  15. Metal Gear Solid, Resident Evil and Kingdom Hearts for 3DS Also Use Nintendo’s New Slide Pad Expansion (em inglês). Kotaku. Página visitada em 17 de março de 2012.
  16. Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance Sure Looks Dreamy (em inglês). Kotaku. Página visitada em 17 de março de 2012.
  17. KH3D screens: Link Portal, Dive Mode, and Training Toys (em inglês). Andriasang. Página visitada em 17 de março de 2012.
  18. Tetsuya Nomura Talks Kingdom Hearts 3DS (em inglês). IGN. Página visitada em 20 de novembro de 2010.
  19. Kingdom Hearts 3D is Next -- Tetsuya Nomura. Andriasang. Página visitada em 18 de setembro de 2010.
  20. Valay. Neku Is In Kingdom Hearts 3DS. NintendoEverything. Página visitada em 15 de setembro de 2011.
  21. a b Kingdom Hearts 3D - 10 minutes Special Trailer (em inglês). Anime News Network. Página visitada em 14 de fevereiro de 2012.
  22. a b Anoop Gantayat. Tetsuya Nomura on Kingdom Hearts 3D (em inglês). Página visitada em 16 de junho de 2010.
  23. Anoop Gantayat. Square Enix Opens Teaser Sites for New Games (em inglês). Página visitada em 17 de janeiro de 2011.
  24. The Games Of E3 2011 (em inglês). Game Informer. Página visitada em 9 de março de 2012.
  25. No KH at E3 2011, but maybe at TGS 2011 (em inglês). Kingdom Hearts Ultimania. Página visitada em 9 de março de 2012.
  26. Anoop Gantayat. Kingdom Hearts 3D, Final Fantasy XI, Dissidia and More in Famitsu (em inglês). Página visitada em 9 de março de 2012.
  27. a b Kingdom Hearts Dream Drop Distance - release date revealed (em inglês). Gonintendo. Página visitada em 10 de março de 2012.
  28. Kingdom Hearts 3D's TGS Trailer Streamed (em inglês). Anime News Network. Página visitada em 20 de setembro de 2011.
  29. KH3D to appear at Jump Festa 2012 (em japonês). Página visitada em 10 de março de 2012.
  30. Kingdom Hearts 3D: Dream Drop Distance basic info (em inglês). Adriasang. Página visitada em 13 de março de 2012.
  31. Anoop Gantayat. Kingdom Hearts Anniversary Box Includes Three Kingdom Hearts Games (em inglês). Andriasang. Página visitada em 27 de janeiro de 2012.
  32. Best RPGs of the Tokyo Game Show (em inglês). RPG Land. Página visitada em 3 de outubro de 2011.
  33. Kingdom Hearts: Dream Drop Distance hands-on (em inglês). RPG Land. Página visitada em 12 de dezembro de 2011.
  34. Kingdom Hearts 3D: Tokyo Game Show Hands-On (em inglês). RPG Site. Página visitada em 23 de março de 2012.
  35. Dream Drop Distance 22nd most wanted Famitsu's most wanted (em inglês). RPG Site. Página visitada em 12 de dezembro de 2011.
  36. IGN Readers Vote: The Hottest 3DS Game of Summer (em inglês). IGN. Página visitada em 28 de maio de 2011.
  37. Games of 2012: 8. Kingdom Hearts Dream Drop Distance (em inglês). Official Nintendo Magazine. Página visitada em 28 de maio de 2012.
  38. Kingdom Hearts, Baseball with Normal Sized Heads Get 10s in Famitsu (em inglês). Adriasang. Página visitada em 23 de março de 2012.
  39. Kingdom Hearts 3D sells 213579 in 1st week (em inglês). Anime News Network. Página visitada em 5 de abril de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]