Mass Effect (série)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mass Effect
Logótipo oficial da série
Desenvolvedora(s) BioWare
Distribuidora(s) Microsoft Game Studios, Electronic Arts
Gênero(s) RPG Ação, Tiro em terceira pessoa
Primeiro título Mass Effect
20 de novembro de 2007
Último título Mass Effect 3
6 de março de 2012
Website http://masseffect.bioware.com
Portal Portal Games  • Página do projeto Projeto Games

Mass Effect é uma série de jogos de RPG de ficção científica desenvolvido pela softhouse canadense BioWare e lançado para Xbox 360, Windows e, em sua sequência, também para Playstation 3. O primeiro jogo da trilogia planejada foca na criação do personagem Comandante Shepard, e sua missão de salvar a Galáxia de uma raça de seres mecânicos chamados Reapers, e seus seguidores, incluindo Saren Arterius, que teve uma lavagem cerebral. No primeiro jogo, Shepard precisa impedir os planos de Sovereign que planeja fazer com que a nave dos reapers(que estavam hibernando) entre na Via Láctea e destrua todas as vidas orgânicas, continuando um misterioso ciclo de destruição. O segundo jogo mostra Comandante Shepard batalhando contra os Collectors, uma raça alienígena que abduz colonizações inteiras de humanos para tentar reviver os Reapers. O terceiro e último jogo ainda não foi lançado, mas provavelmente focará na batalha final contra os reapers e vencendo.

Desde o começo, a série tem sido um grando sucesso da crítica e de vendas. Os dois jogos foram bastante aclamados por causa da qualidade da história,personagens, dublagem, escolhas, e a profundidade das galáxias.[1] [2] O site de video games, GamesRadar, disse que Mass Effect é a melhor nova franquia da geração, citando que a galáxia foi tão bem construída e detalhada que a série parece ter décadas de idade.[3]

Jogos[editar | editar código-fonte]

A série foi lançada já como uma trilogia planejada, sendo que cada jogo continua cronologicamente o outro, em ordem. O segundo jogo da foi lançado em janeiro de 2010. A série Mass Effect combina elementos ficção científica, ação e RPG, sendo jogos de Third-Person Shooter. O protagonista pode fazer as missões com até dois membros do esquadrão, controlados pela IA. Até dezembro de 2010 a série inteira já tinha vendido quase 7 milhões de unidades.

Trilogia principal[editar | editar código-fonte]

Série Mass Effect
(Cronologia Fictícia)

Evolution
Revelation
Homeworlds #2
Mass Effect
Incursion
Redemption
Homeworlds #3
Ascension
Blasto: Eternity is Forever
Galaxy
Paragon Lost
Mass Effect 2
Retribution
Deception
Mass Effect 2: Arrival
Invasion
Inquisition
Infiltrator
Homeworlds #4
Homeworlds #1
Mass Effect 3

  • Mass Effect (2007): o primeiro jogo da série foi originalmente criado como um título exclusivo para Xbox 360, mas foi portado para Microsoft Windows pela Demiurge Studios. O jogo foca no protagonista, Commander Shepard, e sua missão: fazer o 'Spectre' Saren Arterius parar de liderar o exército dos Geth à conquista da galáxia. Durante a perseguição à Saren, Shepard descobre um problema muito maior, que são os Reapers. Saren, na verdade, foi mentalmente escravizado por 'Sovereign', um reaper mandado para a Citadel para iniciar o expurgo de todas as vidas de uma galáxia, um cíclo repetido pelos Reapers a cada 50.000 anos. Mass Effect foi recebido positivamente pela crítica, e conseguiu uma vasta gama de fãs.
  • Mass Effect 2 (2010): o segundo jogo da série principal foi lançado no dia 26 de janeiro de 2010 na América do Norte e no dia 29 de janeiro na Europa.[4] As informações sobre esse jogo foram mantidas em segredo antes do lançamento, com apenas um pronunciamento de Casey Hudson, o Diretor da BioWare, dizendo que "os jogadores devem manter seus jogos salvos, pois decisões tomadas pelo jogador no primeiro game influenciarão o personagem na sequência."[5] [6] . O jogo se passa dois anos após os eventos de Mass Effect. Colonizações humanas estão sendo atacadas, e estão desaparecendo sem mais nem menos. O protagonista do jogo, Commander Shepard, é forçado a aliar-se com uma organização militar pró-humanitária extremista chamada Cerberus, numa tentativa de descobrir a causa dos ataques. Evidências apontam para os 'Collectors', uma avançada e enigmática raça de humanóides parecidos com insetos. Piorando a situação, há a revelação de que os Collectors estão trabalhando para os Reapers. Shepard entra numa missão suicida para matar os Collectors, acompanhado por um time de soldados, assassinos, mercenários e especialistas, reunido por ele mesmo, na tentativa de criar o melhor grupo o possível. Mass Effect 2 foi bastante aclamado pela crítica desde o seu lançamento, por causa da sua história, personagens, dublagem e combate mais fluido e refinado que o primeiro título da série.[2] No Gamescom 2010, foi anunciado que o jogo teria uma versão melhorada para Playstation 3.
  • Mass Effect 3 (2012): o terceiro e último jogo da trilogia, foi divulgado que Mass Effect 3 será lançado no primeiro trimestre de 2012. Casey Hudson comentou que Mass Effect 3 "será mais fácil [para desenvolver], pois a equipe não precisará se preocupar com uma sequência", referindo-se que a história terá um final realmente fechado.[7] As decisões serão importadas do save game de Mass Effect 2[8] . No capítulo final da trilogia, os Reapers voltaram e começaram a expurgar a galáxia, atacando o planeta natal dos humanos, a Terra. Correndo contra o tempo, Commander Shepard precisa reunir todas as raças avançadas da galáxia para fazer uma luta final, não apenas para salvar a Terra, mas também para acabar com esse cíclo, que tem sido continuado por milhões de anos. Casey Hudson disse numa entrevista no Consumer Electronics Show que Mass Effect 3 completará a história de Commander Shepard, e colocará mais ou menos 1000 finais variáveis, dependendo das decisões de Mass Effect e Mass Effect 2. O primeiro trailer oficial foi divulgado no dia 11 de dezembro, durante o Video Game Awards.[9]

Spin-off[editar | editar código-fonte]

  • Mass Effect Galaxy (2009): essa é a história por trás dos panos de Mass Effect e Mass Effect 2, lançado exclusivamente para iOS. A história foca em dois personagens que são membros do grupo de Shepard, em Mass Effect 2: Jacob Taylor e Miranda Lawson.

Adaptações[editar | editar código-fonte]

Livros[editar | editar código-fonte]

  • Mass Effect: Revelation (2007): o primeiro romance(livro) baseado em Mass Effect, o enredo é gerado em torno do tenente David Anderson, e conta a história de como ele conheceu Saren. O livro expande o universo de Mass Effect e revela em detalhes de como Anderson falhou ao tentar se tornar o primeiro Spectre humano.
  • Mass Effect: Ascension (2008): o segundo romance baseado em Mass Effect, o enredo é gerado em torno do protagonista Paul Grayson, um membro da Cerberus, que está encarregado de criar uma menina biótica chamada Gillian. Ocorre aproximadamente dois meses depois dos eventos finais do primeiro jogo.[10]
  • Mass Effect: Retribution (2010): terceiro romance baseado em Mass Effect, lançado pela BioWare no dia 27 de julho de 2010.[11] [12]

Quadrinhos[editar | editar código-fonte]

  • Mass Effect: Redemption é uma mini-série de HQs de quatro partes, lançada entre janeiro e abril de 2010. A história, que é gerada em torno de Liara T'Soni, ocorre no tempo em que Shepard estava sendo revivido, em Mass Effect 2, e é relacionado com o DLC "Lair of the Shadow Broker", que foi lançado para o jogo.[13]
  • Mass Effect: Incursion é um mini-HQ de oito páginas que mostra o encontro de Aria T'Loak com os Collectors, uma semana antes dos eventos iniciais de Mass Effect 2. Os eventos de Incursion são relacionados com os de Redemption. Foi lançado no dia 21 de Junho, na IGN.[14]
  • Mass Effect: Inquisition é um mini-HQ de 8 páginas lançado no dia 25 de outubro de 2010.[15] Ocorre depois dos eventos finais de Mass Effect 2, o enredo gira em torno de Captain Bailer e sua investigação sobre Executor Pallin, e alegações de corrupção com C-Sec.
  • Mass Effect: Evolution é uma mini-série de HQs de quatro partes. A primeira delas foi lançada em janeiro de 2011. A história foca na origem de Illusive Man e ocorrerá durante a First Contact War, um pouco depois do descobrimento dos Mass Relays.[16]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]