Windows Phone

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Windows Phone 8 logo and wordmark (purple).svg
Tela inicial do Windows Phone 8.1

Tela inicial do Windows Phone 8.1
Produção Microsoft
Família do SO Windows CE Híbrido para o Windows Phone 7.0;Windows NT Hibrido para o Windows Phone 8
Modelo Código Fechado
Estado Em Comercialização
Lançamento
  • AN 8 de Novembro de 2010
  • PAL 21 de Outubro de 2010
  • EU 21 de Outubro de 2010
Versão estável GDR 3
14 de outubro de 2013; há 58 semanas e 3 dias
Versão em teste
Interface Metro
Licença Proprietário (Microsoft EULA)
Página oficial Website do Windows Phone (em português)., acessado pela última vez há 83 semanas e 4 dias
Cronologia
Último
Último
Windows Mobile
Windows Phone 8
Próximo
Próximo

Windows Phone é um sistema operacional móvel, desenvolvido pela Microsoft, atualmente na sua versão 8.1, que é focado no mercado consumidor, em vez do mercado empresarial.[1] O sistema tem sido constantemente atualizado. Foi lançado na Europa, Austrália e Singapura no dia 21 de outubro de 2010, nos EUA e Canadá no dia 8 de novembro, no México no dia 24 do mesmo mês e, no início de 2011, na Ásia.[2]

Hoje as principais aplicações do mercado já estão disponíveis na loja de aplicativos, além de alguns aplicativos e jogos exclusivos. O sistema ainda conta com ferramentas como a Cortana, assistente de voz pessoal, a integração nativa com o Office e a sincronização com o Windows 8 em computadores.

História[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento do Sistema Operacional[editar | editar código-fonte]

Cronologia de eventos relacionados com o desenvolvimento do sistema operativo (em inglês)

O Windows Phone foi desenvolvido rapidamente. Larry Lieberman, gerente de produto sênior para a experiência do desenvolvedor móvel da Microsoft, disse à "eWeek": "Se tivéssemos mais tempo e recursos, poderíamos ter conseguido algo na área da retrocompatibilidade",[3] dizendo ainda que a Microsoft estava tentando olhar para o mercado dos celulares de uma nova maneira, com o usuário final em mente, assim como a rede da empresa.[3] Terry Myerson, vice-presidente corporativo da engenharia do Windows Phone, disse: "Com a mudança para as telas sensíveis ao toque capacitivas, longe da stylus, e as mudanças que fizemos relativamente ao hardware para o Windows Phone".[4]

Nome[editar | editar código-fonte]

"Windows Phone" foi o nome escolhido. Inicialmente, a Microsoft anunciou a nova plataforma como "Windows Phone 7 Series", o que foi muito criticado por ser muito comprido e difícil de dizer casualmente. Em resposta, em 2 de abril de 2010, a Microsoft anunciou que a palavra "Series" deixaria de ser usada.[5] A declaração da empresa sobre o assunto foi:

Cquote1.svg Os consumidores querem uma maneira simples para dizer e usar o nome consistentemente. O importante é manter o foco na marca 'Windows Phone', que introduzimos em outubro e que iremos continuar a investir durante o Windows Phone 7 e adiante. Cquote2.svg

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Em fevereiro de 2010, num comunicado de imprensa, a Microsoft divulgou as empresas que iriam ajudar a concretizar o Windows Phone . Muitas fabricantes estavam listadas no lançamento, entre elas a HP, que mais tarde decidiu não fabricar nenhum dispositivo com o novo sistema operacional, referindo que pretendia concentrar-se em dispositivos para o seu recentemente comprado webOS.[6] .

A Microsoft anunciou oficialmente o Windows Phone a 15 de fevereiro de 2010, na Mobile World Congress 2010 em Barcelona,[7] revelando detalhes adicionais sobre o novo sistema na MIX 2010, a 15 de março seguinte. O kit de desenvolvimento de software (SDK) final para o sistema foi disponibilizado a 16 de setembro.[8]

O Windows Phone suporta atualmente 25 idiomas (apesar de no início apenas ter suportado inglês, francês, alemão, espanhol e italiano), incluindo português nas variantes europeu e brasileiro, e o 'Mercado' permite comprar e vender aplicações em 35 países e regiões.[9]

Parcerias[editar | editar código-fonte]

Nokia Lumia 800 a executar Windows Phone

Parceiros de lançamento[editar | editar código-fonte]

Em 11 de outubro de 2010, Steve Ballmer anunciou dez dispositivos executando Windows Phone, fabricados pela HTC, Dell, Samsung e LG, com as vendas a começarem a 21 de outubro de 2010 na Europa e Austrália e a 8 de novembro de 2010 nos Estados Unidos. Os dispositivos foram disponibilizados em 30 países, por 60 operadoras, com o lançamento previsto de mais dispositivos em 2011.[10]

Parceria com a Nokia[editar | editar código-fonte]

A 11 de fevereiro de 2011, numa conferência de imprensa em Londres, os presidentes executivos da Microsoft, Steve Ballmer, e da Nokia, Stephen Elop, anunciaram uma parceria entre as duas empresas, na qual o Windows Phone seria o sistema operativo principal dos smartphones da Nokia.[11] O evento foi largamente focado na criação de "um novo ecossistema móvel global", sugestionando competição com o Android e iOS ao dizer: "É uma corrida de três cavalos". Integração de serviços da Microsoft com os serviços próprios da Nokia foi anunciado, especificamente: o Bing irá realizar as pesquisas nos dispositivos da Nokia e a integração do Ovi Maps com o Bing Maps, assim como a integração da loja de aplicações da Nokia com a da Microsoft.[11] A parceria envolve "troca de fundos devido a direitos de autor, marketing e publicidade", ao que a Microsoft mais tarde anunciou serem "milhares de milhões de dólares envolvidos".[12]

Resultados desta parceria, os primeiros dispositivos Nokia com Windows Phone , o Nokia Lumia 800 e o 'Nokia Lumia 710', foram anunciados em outubro de 2011 na 'Nokia World 2011'.[13] [14]

Outras parcerias com fabricantes[editar | editar código-fonte]

A Microsoft, a 25 de maio de 2011, anunciou a expansão do número de parceiros que planejam lançar dispositivos com Windows Phone. Para além da já anunciada parceria com a Nokia, juntaram-se a Acer, Fujitsu e ZTE, planejando todas lançar o seu primeiro dispositivo aquando do lançamento da primeira grande atualização da plataforma, conhecida como "Windows Phone 7.5(Mango)".[15]

Atualizações do sistema operacional[editar | editar código-fonte]

Windows Phone 7.5 - "Mango"[editar | editar código-fonte]

Em fevereiro de 2011, na Mobile World Congress, Steve Ballmer anunciou uma grande atualização do Windows Phone 7 a ser lançada no final do ano[16] e revelou novas funcionalidades da plataforma, entre elas, uma versão móvel do Internet Explorer 9 que suporta os mesmos standards web e capacidades gráficas que a versão de computador,[17] integração do Twitter no centro 'Contactos',[18] [19] multitarefas para aplicações de terceiros[20] e acesso ao Windows Live SkyDrive.[21]

Windows Phone "Tango"[editar | editar código-fonte]

"Tango" será uma pequena atualização, semelhante com a anterior atualização denominada "NoDo". "Apollo" será a próxima grande atualização do sistema.

[editar | editar código-fonte]

HTCm8X, Nokia Lumia 920 e 820, rodando Windows Phone 8.

Windows Phone 8 - "Apollo"[editar | editar código-fonte]

O Windows Phone 8 é a terceira geração do sistema Windows Phone. Sucessor do Windows Phone 7, lançado em 29 de Outubro de 2012. Substitui o Windows Phone 7 baseado no Windows CE. O Windows Phone 8 é baseado no Windows NT. Dispositivos com o Windows Phone 7 não podem ser atualizados para o 8.0 e novos aplicativos desenvolvidos para o Windows Phone 8 não podem ser executados no Windows Phone 7 (semelhante com o que aconteceu ao Windows Mobile > Windows Phone 7). Não foi apenas uma grande atualização, basicamente o sistema foi re-escrito.

Windows Phone 8.1[editar | editar código-fonte]

O Windows Phone 8.1 é a primeira grande atualização do Windows Phone 8. Saiu recentemente da versão de testes quando lançado para atualização via OTA (Em dispositivos NOKIA foi disponibilizado junto com a atualização Lumia Cyan). Com a versão 8.1, o sistema passou a ser mais competitivo com o Android e iOS. Novas grandes funções foram adicionadas, uma das novidades mais esperadas foi a assistente de voz Cortana, uma assistente virtual inteligente mais poderosa e completa que as existentes nos concorrentes (Google now e Siri). Além da Cortana o sistema passou a receber novas funções como o teclado "Swype" conhecido como Word Flow, Central de notificações e suporte a USB OTG (On To Go), suporte a aplicativos para gerenciador de arquivos (App Arquivos - Files em inglês), suporte a telas FullHD, Suporte a processadores QuadCore (Suporte adicionado na atualização Lumia Black) entre outras. É a versão mais poderosa e completa do sistema e todos os dispositivos atuais com Windows Phone 8 irão receber a atualização (Com exceção do Nokia Lumia 810 da AT&T dos EUA).

Em fase de testes, se encontra o Update 1 ou GDR1 que trás o suporte a pastas na tela inicial, espaço de aplicativos, compartilhamento de internet também por bluetooth, aplicativos para acessórios, etc. Por enquanto é acessível apenas aos que estão inclusos no programa Preview for developers.

Funcionalidades[editar | editar código-fonte]

Interface do usuário[editar | editar código-fonte]

Sistema de design METRO, a base de todo o sistema operativo

O WP apresenta uma nova interface do usuário, baseada no sistema de design de todo o sistema operativo, denominada "Metro".[22] A tela inicial é composta por "mosaicos dinâmicos" ("live tiles", em inglês),[23] que são atalhos para aplicativos, funções, recursos e itens individuais (como contatos, páginas da Internet, aplicativos ou itens de multimídia), que os usuários podem adicionar, reorganizar ou remover.[23] Eles são dinâmicos e atualizam-se em tempo real – por exemplo, o mosaico de uma conta de email mostra o número de mensagens por ler ou um mosaico mostra uma atualização em tempo real do estado do tempo.[24]

Muitos recursos do Windows Phone são organizados em "centros" ("hubs", em inglês), que combinam conteúdos online e locais através da integração do sistema com as populares redes sociais, como o Facebook, Twitter e Windows Live.[24] Por exemplo, o centro 'Imagens' mostra fotos capturadas com a câmara do telemóvel e os álbuns de fotos do utilizador no Facebook e o centro 'Contactos' mostra os contactos agregados de múltiplas fontes, incluindo Windows Live, Facebook e Gmail.[24] Deles, os utilizadores podem comentar diretamente ou clicar no popular botão 'Gosto' (referente ao Facebook) nas atualizações das redes sociais. Os outros centros embutidos são 'Música + Vídeos' (que integra o 'Zune'), 'Jogos' (que integra o 'Xbox LIVE'), 'Mercado' (a loja de aplicações) e 'Office'.[24]

O Windows Phone suporta tecnologia multi-toque, sendo esta essencial para quase todo o uso do sistema.[24] A interface do sistema tem como padrão o tema preto, que prolonga a duração da bateria em ecrãs OLED (dado que pixels completamente pretos não emitem luz),[25] podendo ainda o utilizador escolher o tema branco, além de muitas cores de realce,[26] utilizadas pelos elementos do sistema, como os mosaicos e as aplicações de terceiros, que podem ficar automaticamente com a cor de realce escolhida.[27] [28]

Introdução de texto[editar | editar código-fonte]

Tela de bloqueio, onde é possível ver notificações de mensagens de texto, emails, chamadas e aplicativos.

Os utilizadores introduzem o texto podendo utilizar o teclado virtual embutido no sistema, que inclui um botão dedicado para inserir emoticons, e que ao pressionar algumas teclas por um determinado intervalo de tempo revela caracteres semelhantes, no caso de caracteres especiais em certas línguas, distanciando e aumentando cada tecla no modo horizontal,[29] ou um teclado físico se o dispositivo o incluir.[30] Correção de texto[29] e previsão de escrita[31] são funções suportadas. Para se mudar uma palavra depois de escrita basta selecioná-la,[32] o que faz aparecer uma lista de palavras semelhantes.

Mensagens[editar | editar código-fonte]

O Windows Phone combina as várias mensagens do utilizador em "conversas" ("threads", em inglês). As conversas permitem ao utilizador conversar com os seus contactos através do Windows Live Messenger e chat do Facebook além das tradicionais mensagens escritas. As mensagens podem ser compostas através de reconhecimento de voz, que permite que a fala do utilizador seja convertida numa mensagem escrita e ainda permite que as mensagens escritas sejam convertidas em fala que pode ser lida pelo próprio telemóvel.

Navegação na internet[editar | editar código-fonte]

O Windows Phone tem atualmente embutido uma versão do 'Internet Explorer Mobile' com um motor de renderização baseado no Internet Explorer 9.[33]

O Internet Explorer no Windows Phone permite ao utilizador manter uma lista de favoritos e mostrar um mosaico de atalho para uma página web no ecrã principal. O navegador suporta até 6 separadores, que podem ser todos carregados em simultâneo.[34] Inclui também gestos multi-toque, uma interface racionalizada, suaves animações de zoom, a possibilidade de guardar imagens presentes nas páginas web, partilhar as páginas por email e suporte a procura interna, que permite ao utilizador procurar na Internet palavras ou expressões presentes na página selecionando-as.[35] A Microsoft anunciou também planos para atualizar regularmente o navegador e o seu layout independentemente do sistema de atualizações do Windows Phone 7.[36]

Numa demonstração, a Microsoft disse que os utilizadores serão capazes de carregar vídeos do YouTube no navegador. Ao clicar num vídeo do sítio, o vídeo será lançado numa aplicação à parte e será adicionado ao centro 'Música + Vídeos'.[37]

Contatos[editar | editar código-fonte]

Os contatos são organizados no centro 'Contatos'. Podem ser inseridos manualmente ou importados do Facebook, Windows Live, Twitter e LinkedIn. A secção 'Novidades' mostra novas atualizações e a secção 'Imagens' mostra imagens dos contactos nas redes sociais. A secção 'Eu' mostra o estado e o mural do próprio utilizador, permite ao utilizador atualizar o seu estado e fazer check-in no Bing e Facebook Places. Os contactos podem ser adicionados ao ecrã principal e o mosaico dinâmico dos contactos mostra o estado das redes sociais e imagem de perfil do contacto no ecrã principal e o centro 'Contactos' mostra o mural do Facebook do contacto assim como informação das restantes redes sociais. Se um contacto tiver informação guardada em diferentes redes, os utilizadores podem ligar as duas contas separadas do contacto, permitindo que a informação seja agrupada num só local.[38]

Com a atualização "Mango", os contactos passaram a poder ser agrupados em "grupos", onde a informação de cada um dos contactos é combinada numa só página, que pode ser acessada pelo centro ou diretamente do ecrã principal, desde que seja criado um mosaico para o grupo.

E-mail[editar | editar código-fonte]

O sistema operativo suporta nativamente contas de email do Hotmail, Exchange, Yahoo! Mail e Gmail e outros serviços de email através dos protocolos POP e IMAP. Para os tipos de conta suportadas nativamente, os contactos e calendários podem também ser sincronizados. Os utilizadores podem também procurar no email ao procurar no assunto, conteúdo, remetentes e recetores. Os emails são mostrados nas 'conversas' e as múltiplas caixas de entrada podem ser combinadas ou mantidas separadas.

Multimídia[editar | editar código-fonte]

Fujitsu Toshiba IS12T a executar Windows Phone 7

O 'Zune para Windows Phone' é uma aplicação de computador que providencia entertenimento e capacidade de sincronização entre os computadores com Windows e o telefone,[39] existindo também o 'Windows Phone 7 Connector' para os computadores com Mac OS X, que apenas realiza sincronização entre o iTunes e o telefone.

A experiência multimédia do sistema operativo é dividido em dois centros distintos, 'Música + Vídeos' e 'Imagens', que são semelhantes em aparência e funcionalidades ao Zune HD.

O centro 'Música + Vídeos' permite ao utilizador aceder a músicas, vídeos e podcasts guardados no dispositivo, e permite ainda aceder ao 'Mercado Zune' para comprar música ou alugá-la com o serviço de subscrição 'Zune Pass'. Ao navegar pela música de um determinado artista, os utilizadores podem ver biografias e fotos dos mesmos.[29] Este centro integra-se com muitas aplicações de serviços de música e vídeo, entre eles o YouTube. Inclui ainda um serviço, chamado de 'SmartDJ' que compila uma lista de reprodução de músicas guardadas no aparelho semelhantes à música ou artista selecionado.

O centro 'Imagens' mostra os álbuns de fotos do utilizador no Facebook e Windows Live além das fotos tiradas com a câmara do telemóvel. Os utilizadores podem ainda carregar as fotos para as redes sociais e comentar fotos online diretamente deste centro.[29] Gestos multi-toque permitem fazer zoom nas fotos.

Suporte multimídia[editar | editar código-fonte]

De acordo com Brandon Miniman, na sua avaliação ao sistema operativo realizada para o sítio "pocketnow.com", "se o Zune consegue reproduzir, o seu dispositivo com o Windows Phone também consegue" - referindo-se ao suporte à reprodução de arquivos de multimédia.[40] Os formatos de ficheiro de áudio suportados incluem WAV, MP3, WMA, AMR, AAC/MP4/M4A/M4B e 3GP/3G2 como padrões e os formatos de ficheiro de vídeo suportados incluem WMV, AVI, MP4/M4V, 3GP/3G2 e MOV (QuickTime). Estes formatos de áudio e vídeo suportados seriam dependentes dos codecs contidos neles. Foi também reportado que os codecs DivX e Xvid dentro de AVI também são reproduzíveis no sistema operativo.[41] [42] Ao contrário do que acontecia no Windows Mobile, não há atualmente aplicações de terceiros para lidar com outros formatos de vídeo. Os formatos de ficheiro de imagem suportados incluem JPG/JPEG, PNG, GIF, TIF e Bitmap.[43] [44]

Jogos[editar | editar código-fonte]

Tela inicial do Windows Phone 8, no Nokia Lumia 1520. O ícone para acessar o centro de jogos é o verde.

O 'Xbox Live' no Windows Phone traz uma experiência parecida dos jogos da consola Xbox para o telemóvel, que, entre outras coisas, exibe o avatar do utilizador em 3D. Através do centro 'Jogos', os utilizadores são capazes de interagir com o avatar, ver a classificação dos jogadores no jogo, as mensagens dos amigos e o Spotlight[45] . Jogos multijogador (por turnos) em tempo-real foi também lançado.[46] A Microsoft revelou mais de 50 jogos premium do Windows Phone 7, na Gamescom, que farão uso do 'Xbox LIVE' no telemóvel.[47] Por enquanto, o 'Xbox LIVE' no Windows Phone 7 não oferece qualquer jogo multijogador em tempo real mas o desenvolvimento atual aumenta as possibilidades de tal acontecer no futuro.[48] Algumas funcionalidades-chave do 'Xbox Live' no Windows Phone 7 incluem a possibilidade de estar ligado simultaneamente na consola e no telemóvel, enviar e receber mensagens entre a consola e o telemóvel, pontos do jogador únicos, apenas disponível comprando o jogo no telemóvel, etc.

Jogos de Paciência são clássicos para passar o tempo, e fazem parte do universo Windows há muito tempo. Finalmente a Microsoft leva uma coleção desses jogos ao Windows Phone.

No final do ano de 2013 companhia lançou a Solitaire Collection com cinco tipos diferentes de Paciência, como as conhecidas Spider e FreeCell. O aplicativo ainda tem suporte à Xbox Live, ou seja, permite competições entre amigos, a obtenção de várias conquistas e rankings de pontuação.

O joggo disponível para dispositivos com Windows 8, traz a função “Play, Pause, Resume”. Isso significa que o usuário pode começar uma partida no telefone, pausar e continuar no PC ou no tablet, por exemplo.

Pesquisa[editar | editar código-fonte]

Os requisitos de hardware estipularam que cada aparelho deve ter um botão dedicado às pesquisas na frente do mesmo dedicado a abrir o motor de pesquisa Bing. Antes do lançamento da atualização "Mango", esse botão executava diferentes ações:[24] ao premir o botão enquanto uma aplicação está aberta permitia aos utilizadores procurar dentro das aplicações que usufruiam dessa possibilidade - por exemplo, premir o botão no centro 'Contactos' permitia ao utilizador procurar na sua lista de contactos por uma pessoa específica.[49] Agora sem essa possibilidade, as aplicações, como o 'Mercado', incluem um botão de pesquisas para realizar essa função.

O premir do botão permite ao utilizador realizar uma pesquisa de sítios web, notícias e localizações no mapa utilizando a aplicação do motor de pesquisa Bing.[50]

O Bing é o motor de pesquisa predefinido devido à profunda integração das suas funções com o sistema operativo (que também inclui a utilização do serviço de mapas da empresa para pesquisas e consultas baseadas na localização do utilizador). Contudo, a Microsoft já afirmou que outras aplicações de motores de pesquisa podem ser usados.[50] [51] [51]

Para além de pesquisas baseadas na localização, o Bing Maps providencia também serviço de navegação por turnos e o 'Local Scout' ("guia local", em português), que mostra pontos de interesse perto da localização em que o utilizador se encontra como atrações e restaurantes.

O 'Bing Audio' permite ao utilizador corresponder uma música ao seu nome e o 'Bing Vision' permite corresponder códigos de barras e etiquetas ao produto na Internet

Reconhecimento de voz[editar | editar código-fonte]

O sistema operativo tem também a função de reconhecimento de voz, activada pela TellMe, que permite ao utilizador realizar uma pesquisa pelo Bing, telefonar a algum contato e iniciar aplicações apenas ao falar.[52] Pode ser ativado premindo e segurando o botão 'Iniciar' do telefone.[52]

Suite Microsoft Office[editar | editar código-fonte]

O centro 'Office' organiza todos os programas e documentos do Microsoft Office. O Microsoft Office Mobile providencia interoperabilidade entre o Windows Phone e a versão de computador do Microsoft Office. O Word Mobile, Excel Mobile, PowerPoint Mobile, OneNote Mobile e SharePoint Workspace Mobile permitem ver e editar a maioria dos formatos de ficheiro do Microsoft Office diretamente no aparelho.[53]

Os ficheiros do Microsoft Office armazenados no SkyDrive e Office 365, assim como os ficheiros armazenados no próprio aparelho, podem ser acedidos a partir deste centro. Os ficheiros são organizados em mosaicos: mosaicos azuis são documentos de Word, verdes são documentos de Excel, vermelhos são apresentações de PowerPoint e roxos são documentos de OneNote.

Multitarefas[editar | editar código-fonte]

Quando o Windows Phone foi lançado, multitarefas estava limitado a aplicações que viessem de origem com o telefone, contudo, após o lançamento da atualização "Mango", um alternador de aplicações baseado em cartões pode ser acedido premindo e mantendo o botão 'Atrás', mostrando em cartões uma imagem das últimas 5 aplicações abertas. As aplicações podem continuar em execução mesmo quando não estão abertas através de "Live Agents" ("Agentes Ativos", em português).[54] Noutros casos, as aplicações são suspensas e podem ser retomadas outra vez rapidamente.

Sincronização[editar | editar código-fonte]

O programa 'Zune Software' gere o conteúdo nos dispositivos equipados com Windows Phone , podendo sincronizarem-se sem fios. Além de aceder aos dispositivos, o programa pode ainda aceder ao 'Mercado Zune' para comprar música, vídeos e todas as aplicações para o sistema. Enquanto que a música e os vídeos são guardados tanto no computador como no telemóvel, as aplicações são apenas guardadas no telemóvel, mesmo que sejam compradas através do 'Zune Software'. O programa é ainda usado para atualizar todos os dispositivos com o sistema operativo. Apesar do programa não estar disponível para Mac OS X, a Microsoft lançou o 'Windows Phone Connector' que permite os dispostivos serem sincronizados com o 'iTunes' e 'iPhoto'.[55] [56] [57]

O sistema operativo não suporta a habitual sincronização por USB com os contactos, tarefas e notas do Microsoft Outlook, como acontecia nas antigas versões do Windows Mobile com o ActiveSync.[58] [59] A sincronização de contactos e apontamentos é feito apenas através de um serviço baseado na nuvem (como o Windows Live, Google ou Exchange Server), não sendo possível a sincronização de informação pessoal diretamente do computador para o aparelho e vice-versa,[60] contudo uma petição para que a Microsoft foi entregue para repor a sincronização por USB com o Outlook.[61]

Dell Venue Pro a executar Windows Phone , o primeiro dispositivo com o sistema operativo a integrar um teclado físico

Atualizações[editar | editar código-fonte]

Segundo a documentação da Microsoft, as atualizações de software serão entregues aos utilizadores do Windows Phone via 'Microsoft Update', como acontece com os utilizadores com Windows instalado no computador.[62] A Microsoft tem intenção de disponibilizar atualizações diretamente para os aparelhos com o sistema operativo em vez de confiar nos fabricantes ou operadoras.[63] Este componente, chamado de 'Windows Phone Update', existe tanto no telefone (para atualizações menores, "pela rede") e no software 'Zune PC' (para as atualizações de maior dimensão, através da conexão USB). Os utilizadores serão notificados para conectar os seus telefones com um computador se este último método de atualização for necessário.[64] A Microsoft já referiu, no entanto, que no futuro todas as atualizações, tanto as pequenas como as grandes, eventualmente suportarão download pela rede.[65] Charlie Kindel, chefe do programa para a experiência do programador para Windows Phone, confirmou que a infra-estrutura do sistema de atualizações para o Windows Phone 7 já foi criada e está pronta e que a Microsoft está "numa posição onde temos os sistemas prontos para fornecer atualizações de maneira eficaz e confiante aos utilizadores (do Windows Phone 7)".[66]

A Microsoft planeia lançar regularmente pequenas atualizações que adicionem funcionalidades em falta durante o ano e atualizações importantes uma vez por ano.[67]

Todas as aplicações de terceiros podem ser atualizadas automaticamente a partir do 'Mercado'.[68]

Plataforma de publicidade[editar | editar código-fonte]

Centro de apps, no Windows Phone 7.

A Microsoft lançou também uma plataforma de publicidade exclusivamente para o Windows Phone . Kostas Mallios, director geral para o desenvolvimento da estratégia e negócio, disse que o sistema operativo será uma "máquina de servir publicidade", empurrando anúncios e conteúdos, relacionados com a marca, ao utilizador. A plataforma terá mosaicos perto das aplicações e notificações que trarão atualizações de anúncios. Mallios disse que o WP será capaz de "preservar a experiência da marca indo diretamente do sítio Web para a aplicação" e que o sistema operativo "permite aos anunciantes se conectarem com os consumidores ao longo do tempo".[69] Mallios continuou: "É possível empurrares informação como um anunciante e ficares em contato como o teu cliente. É uma relação dinâmica que é criada e permite um diálogo constante com o consumidor".[70]

Bluetooth[editar | editar código-fonte]

O sistema operativo suporta atualmente os seguintes perfis Bluetooth:[71]

  1. Advanced Audio Distribution Profile (A2DP 1.3)
  2. Audio/Video Remote Control Profile (AVRCP 1.0)
  3. Hands Free Profile (HFP 1.5)
  4. Headset Profile (HSP 1.1)
  5. Phone Book Access Profile (PBAP 1.0)

Mercado[editar | editar código-fonte]

A loja de aplicações do sistema operativo, chamada de "Mercado" ("Windows Phone Marketplace", em inglês), é usada para distribuir digitalmente música, conteúdos de vídeo, podcasts e aplicações de terceiros para os dispositivos Windows Phone. É acessível usando o programa 'Zune Software' ou da aplicação própria nos dispositivos (apesar dos vídeos e podcasts não serem possíveis de descarregar usando o centro e necessitarem de ser descarregados e sincronizados através do 'Zune Software').[72] A loja é gerida pela Microsoft, que inclui um processo de aprovação.

Samsung Omnia 7 a executar Windows Phone 7

Música e vídeo[editar | editar código-fonte]

O 'Mercado Zune' oferece 14 milhões de músicas até 320 kbit/s sem DRM (sigla inglesa para "Gestão de Direitos Digitais") no formato MP3 de quatro grandes grupos de música (EMI, Warner Music Group, Sony BMG Music Entertainment e Universal Music Group), além de outros pequenos grupos. Oferece filmes de estúdios como a Paramount, Universal Studios, Warner Bros. e outros pequenos estúdios e ainda programas de televisão de canais famosos.

A Microsoft oferece ainda o serviço de subscrição de música 'Zune Pass' que permite aos subscritores descarregarem um número ilimitado de músicas enquanto a assinatura estiver ativa.

Aplicações de terceiros e jogos[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

As aplicações e jogos para o sistema operativo têm que ser baseados em XNA ou numa versão específica do Silverlight[73] para Windows Phone 7.[74] Para que as aplicações para o sistema operativo seja desenhadas e testadas no Visual Studio 2010 ou Visual Studio 2010 Express, a Microsoft oferece as 'Ferramentas de Desenvolvimento para Windows Phone' como extensão, programa que só executa no Windows Vista SP2 ou mais recente, não suportando Windows XP e Windows Server 2003.[75] A Microsoft ainda oferece o Expression Blend para Windows Phone sem custos.[76] Em 29 de novembro de 2009 anunciou da versão lançamento para a web das 'Ferramentas de Desenvolvimento Visual Basic .NET', para permitir o desenvolvimento em Visual Basic.[76]

Submissão[editar | editar código-fonte]

Desenvolvedores registrados do Windows Phone e Xbox Live podem submeter e gerir as suas aplicações de terceiros para as plataformas através das aplicações web do 'Centro de Aplicações'.[77] O centro fornece ferramentas para o desenvolvimento e suporte para os desenvolvedores. As aplicações submetidas passam por um processo de aprovação para verificação e validação das aplicações, verificando se se qualificam segundo os critérios de padronização da Microsoft.[78] O custo das aplicações que são aprovadas é definido pelo desenvolvedor, mas a Microsoft ficará com 30% dos lucros.[79] A Microsoft pagará apenas aos desenvolvedores quando chegarem a um conjunto de valor de vendas e irá reter um imposto de 30% aos desenvolvedores não-americanos, a menos que eles primeiro se registem no 'Serviço de Receitas Internas do Governo dos Estados Unidos', e estes têm que pertencer aos países presentes numa lista de 30 países divulgada pela empresa.[80] Uma taxa anual terá também que ser paga por desenvolvedores que queiram submeter as suas aplicações.[74]

Distribuição e restrições de conteúdo[editar | editar código-fonte]

Para conseguir ter uma aplicação no 'Mercado', a aplicação deve ser submetida à Microsoft para aprovação.[80] A Microsoft já delineou os conteúdos que não permitirá nas aplicações, o que inclui conteúdo considerado ter "conotação sexual", o que inclui conteúdo com alusiva nudez (mamilos, genitais, nádegas, pêlos púbicos), prostituição e fetiches sexuais.[81]

Hardware[editar | editar código-fonte]

Requisitos mínimos[editar | editar código-fonte]

A Microsoft afirmou que está a exigir requisitos de hardware "duros, mas justos" para os fabricantes.[82] Todos os dispositivos Windows Phone 7 devem incluir, pelo menos, o seguinte:[83] [84]

HTC HD7 a executar Windows Phone 7, o telemóvel com o maior ecrã de todos os dispositivos com o sistema operativo[28]
Requisitos mínimos para os dispositivos Windows Phone 7 e 8
Ecrã tátil capacitivo, com multitoque de 4 pontos e resolução WVGA (480 x800)
Processador ARM v7 "Cortex/Scorpion" – Snapdragon QSD8X50, MSM7X30 e MSM8X55
Placa gráfica com capacidade de renderização DirectX 9
256 MB de Memória RAM e, pelo menos 4GB de Memória Flash
Acelerómetro com bússola, sensor de luminosidade, sensor de proximidade e GPS assistido
Câmara de 5 megapixéis, com flash e capacidade de filmar em 720p a 30 quadros por segundo
Sintonizador de Rádio FM
[85]
  • Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Windows Phone».

Referências

  1. Peter Bright (16/03/2010). Windows Phone 7 nas empresas: não só boas notícias (em inglês). Visitado em 20/11/2010.
  2. Sean Hollister (26/09/2010). A microsoft prepara o lançamento do Windows Phone 7 a 21 de outubro? (atualização: 8 de novembro nos EUA?) (em inglês). Visitado em 29/09/2010.
  3. a b Nicholas Kolakowski (15 de Março de 2010). A Microsoft explica a falta de compatibilidade do Windows Phone 7 (em inglês) eWeek.
  4. Windows Phone 7: Um novo tipo de telefone (em inglês) Microsoft (13/06/2010). Visitado em 09/09/2010.
  5. A Microsoft deixa o 'Series' do Windows Phone 7 (em inglês) cnet. Visitado em 07/04/2011.
  6. HP: Não há smartphones com Windows Phone 7 (em inglês) PCMAG.com (25 de julho de 2010). Visitado em 13 de dezembro de 2010.
  7. Mobile World Congress 2010 – o primeiro dia (em inglês) (15/02/2010). Visitado em 03/06/2010.
  8. Vlad Savov (16/09/2010). Microsoft mostra as aplicações do Twitter e Netflix para Windows Phone 7 e disponibiliza o kit de desenvolvimento de software final (em inglês) Engadget. Visitado em 29/09/2010.
  9. Windows Phone à volta do mundo: Suporte de línguas no "Mango" Windowsteamblog.com. Visitado em 27/10/2011.
  10. A Microsoft anuncia dez dispositivos Windows Phone 7 para 30 países: 21 de outubro na Europa e Ásia, 8 de novembro nos EUA (em inglês) Engadget (11 de outubro de 2010). Visitado em 12 de outubro de 2010.
  11. a b Nokia e Microsoft anunciam planos para uma larga parceria estratégica para criar um novo ecossistema móvel global (em inglês) Microsoft. Visitado em 07/04/2011.
  12. Nokia e Microsoft assinam acordo definitivo antes do tempo (em inglês) Centro de notícias da Microsoft. Visitado em 6 de julho de 2011.
  13. Os primeiros dispositivos Nokia com Windows Phone 7 (em inglês) BBC World News (26/10/2011).
  14. Nokia's Windows Phone announced alongside the 800, hitting select markets by end of year (em inglês) Governor. Visitado em 31/10/2011.
  15. O Windows Phone "Mango" é oficial; Acer, Fujitsu e ZTE entram no barco (em inglês) Slash Gear. Visitado em 6 de julho de 2011.
  16. Stephen Shankland (15 de fevereiro de 2011). Atualização do Windows Phone 7 vai ter IE9 (em inglês) CNET News. Visitado em 24/03/2011.
  17. Bonnie Cha (14 de fevereiro de 2011). Multi-tarefas e IE9a caminho do Windows Phone 7 (em inglês) cnet. Visitado em 24/03/2011.
  18. Bright, Peter (24/02/2011). O futuro do Windows Phone 7 revelado: multitarefas, IE9 e Twitter (em inglês) Arstechnica.com. Visitado em 27/10/2011.
  19. Mathews, Lee (24/02/2011). Atualização do Windows Phone 7 trará integração de Twitter e SkyDrive e multitarefas parecido ao webOS (em inglês) Downloadsquad.switched.com. Visitado em 27/10/2011.
  20. Tim Stevens (14 de fevereiro de 2011). O multitarefas do Windows Phone 7 usa cartões com zoom-out para verificar as suas aplicações (em inglês) Engadget. Visitado em 24/03/2011.
  21. Novas funcionalidades a caminho do Windows Phone 7: multitarefas, IE9, Skydrive e muito mais (em inglês) wpcentral (24/02/2011). Visitado em 27/10/2011.
  22. Apresentando o sistema de design Metro (PDF) (em inglês). Visitado em 07/04/2011.
  23. a b O Windows Phone 7 é oficial e a Microsoft joga para ganhar (em inglês) (15/02/2010). Visitado em 15/02/2010.
  24. a b c d e f Windows Phone 7: o guia completo (em inglês) (18 de março de 2010). Visitado em 19 de setembro de 2010.
  25. Rubenstein, Benjamin (17/03/2010). Entrevista: vida útil da bateria, copiar/colar, multi-tarefa e outros no Windows Phone 7 (em inglês) Neowin.net. Visitado em 21/08/2010.
  26. A maior demonstração do Windows Phone 7 à data (em inglês) (27 de julho de 2010). Visitado em 19 de setembro de 2010.
  27. Demonstração de algumas aplicações no Windows Phone 7 (em inglês) (10 de agosto de 2010). Visitado em 19 de setembro de 2010.
  28. a b HTC HD7: Olá a todas as 4.3 polegadas do Windows Phone 7 (em inglês) (10 de outubro de 2010).
  29. a b c d Topolsky, Joshua (19/07/2010). Previsão profunda do Windows Phone 7 (em inglês). Visitado em 04/09/2010.
  30. Entrada de texto do Windows Phone 7 Series: rigorosos requisitos de hardware (em inglês) (17 de agosto de 2010). Visitado em 19 de setembro de 2010.
  31. Previsão de escrita no Windows Phone 7 (em inglês) (8 de setembro de 2010). Visitado em 21 de setembro de 2010.
  32. Demonstração do teclado do Windows Phone 7, considerado rápido, sensível e preciso (em inglês) (10 de agosto de 2010). Visitado em 18 de setembro de 2010.
  33. Previsão profunda do Windows Phone 7.5 Mango (em inglês) Engadget (15 de fevereiro de 2010). Visitado em 19 de fevereiro de 2010.
  34. Exclusivo: Comparação entre navegadores de internet (vídeo) (em inglês) pocketnow.com.
  35. Primeiro olhar no Internet Explorer do Windows Phone 7 Series (em inglês) (15 de março de 2010). Visitado em 19 de setembro de 2010.
  36. Atualizações do IE móvel: o Gerente do Programa da equipa do IE móvel comenta o sistema de atualizações do navegador (em inglês) (20/05/2010).
  37. Official YouTube support for Windows Phone 7 revealed | WMExperts
  38. Ligar contactos (em inglês) Microsoft. Visitado em 6 de setembro de 2011.
  39. Zune no Windows Phone 7 (em inglês) Microsoft. Visitado em 16 de dezembro de 2010.
  40. Miniman, Brandon (21 de setembro de 2010). Windows Phone 7: Que formatos de vídeo e áudio são suportados? pocketnow.com Pocketnow Win Phone 7. Visitado em 06 de agosto de 2011.
  41. Atualização: Lista de codecs suportados pelo Windows Phone 7 revelada; Xvid e DivX suportados (em inglês) wmpoweruser.com (18 de setembro de 2010). Visitado em 06 de agosto de 2011.
  42. Suporta a AVI/DivX - Respostas Microsoft (em inglês) answers.microsoft.com Microsoft Answers (21 de outubro de 2010). Visitado em 06 de agosto de 2011.
  43. Codecs multimédia suportados no Windows Phone (em inglês) Microsoft Developer Network (MSDN). Visitado em 06 de agosto de 2011.
  44. Formatos de ficheiros de áudio suportados pelo software Zune (em inglês) Microsoft support.microsoft.com MS zune file-formats (12 de outubro de 2010).
  45. A hub 'Jogos' do Windows Phone 7 (em inglês) Microsoft.
  46. Alphajax é um jogo por turnos (em inglês).
  47. Os jogos Xbox Live para Windows Phone 7 da Gamescom 2010 (em inglês) BestWP7Games (18 de agosto de 2010).
  48. Jogos multijogador online do Windows Phone 7 (em inglês) Kev J.. Visitado em 23 de dezembro de 2010.
  49. Em mãos com o Windows Phone 7 Series (em inglês) SlashGear (15 de fevereiro de 2010).
  50. a b Mary Jo Foley (15 de fevereiro de 2010). Irão todos os jogos da Xbox funcionar nos dispositivos com Windows Phone 7? (em inglês).
  51. a b Windows Phone 7: Bing é o único motor de pesquisa padrão (em inglês) Pocket-lint (21 de julho de 2010).
  52. a b 'watch')?v=NMtEHDrMdH4&feature=channel_video_title Funcionalidades do Windows Phone 7: Fala. Microsoft. (em inglês)
  53. 'watch')?v=drbjT2dUtQA O centro 'Office' no Windows Phone 7. MobileTech World. (em inglês) Acessado em 3 de abril de 2011.
  54. Bright, Peter (13/04/2011). Windows Phone 7 "Mango" para desenvolvedores: uma grande atualização (em inglês) Arstechnica.com. Visitado em 27/10/2011.
  55. Em mãos: análise ao Windows Phone 7 Connector para Mac (em inglês) Techradar. Visitado em 07/04/2011.
  56. O Windows Phone 7 Connector sincroniza o teu Mac com o teu Windows Phone 7 (em inglês) ZDNet. Visitado em 07/04/2011.
  57. Demonstração do Windows Phone 7 Connector para Mac (em inglês) Slash Gear. Visitado em 07/04/2011.
  58. Lein, Adam Z (25/02/2011). Como sincronizar o Windows Phone 7 com o Outlook (em inglês) Pocketnow.com. Visitado em 27/10/2011.
  59. Sincronização entre o Windows Phone 7 e o Outlook 2010 num PC - Respostas Microsoft (em inglês) Answers.microsoft.com (06/09/2011). Visitado em 27/10/2011.
  60. Para onde foi o explorador de ficheiros? Não há Explorador do Windows? Não - Respostas Microsoft (em inglês) Answers.microsoft.com (06/09/2011). Visitado em 27/10/2011.
  61. Petição para que a Microsoft reponha a sincronização USB para o Outlook - Respostas Microsoft Answers.microsoft.com (06/09/2011). Visitado em 27/10/2011.
  62. Paul Thurrott (19 de abril de 2010). Guia para a arquitetura do SO Windows Phone 7.0 (em inglês). Visitado em 09/09/2010.
  63. Microsoft talks Windows Phone 7 features, native code, multi-tasking and update process | MobileTechWorld
  64. M. Daou (16/05/2010). O guia confidencial para o desenvolvimento para Windows Phone 7 revelado (em inglês). Visitado em 03/06/2010.
  65. Windows Update para Windows Phone: Isto é o que tem esperado por... (em inglês).
  66. Paul Thurrott (19/05/2010). Windows Phone Update: maio de 2010 (em inglês). Visitado em 03/06/2010.
  67. Ina Fried. Ballmer fala sobro o Windows Phone 7 com a CNET (Perguntas e Respostas) (em inglês).
  68. Chris Ziegler (15/03/2010). O Windows Phone Marketplace para Windows Phone 7 Series revelado (em inglês) Engadget. Visitado em 03/06/2010.
  69. A Microsoft vê o Windows Phone 7 como uma 'máquina de servir publicidade' (em inglês) NewsFactor Network (25 de junho de 2010).
  70. A máquina de servir publicidade da Microsoft (em inglês) InformationWeek (25 de junho de 2010).
  71. Perfis Bluetooth suportados pelo Windows Phone 7 (em inglês) Support.microsoft.com (12/09/2011). Visitado em 27/10/2011.
  72. Obtém música, vídeos e podcasts da Marketplace (em inglês) Microsoft. Visitado em 07/04/2011.
  73. Funcionalidades suportadas no Silverlight para Windows Phone (em inglês) Msdn.microsoft.com. Visitado em 27/10/2011.
  74. a b Come funciona: criar (em inglês) Microsoft. Visitado em 07/04/2011.
  75. Instalando as 'Ferramentas de Desenvolvimento Windows Phone' (em inglês) Msdn.microsoft.com (23/09/2011). Visitado em 27/10/2011.
  76. a b Centro Aplicações - guia de iniciação (em inglês) Create.msdn.com. Visitado em 27/10/2011.
  77. Centro de Aplicações: Desenvolva para Windows Phone e Xbox 360 (em inglês) Microsoft. Visitado em 07/04/2011.
  78. Introduzindo o centro para aplicações do Windows Phone 7 e os desenvolvedores de jogos Indie (em inglês) Microsoft. Visitado em 16 de dezembro de 2010.
  79. A MIX certa (em inglês) Microsoft. Visitado em 07/04/2011.
  80. a b Perguntas frequentes (em inglês) Microsoft. Visitado em 07/04/2011.
  81. Requesitos de certificação de aplicações do Windows Phone 7 (PDF) (em inglês) inglês. Visitado em 07/04/2011.
  82. Em direto da conferência de impressa do Windows Phone da Microsoft na WMC2010 (em inglês) engadget.com (15/02/2010). Visitado em 21/03/2010.
  83. O que é o Windows Phone 7? (em inglês).
  84. Standardized Hardware Foundation
  85. O Windows Phone 7 requer seis botões físicos acessodata=07/04/2011 (em inglês) Pocketnow.