Miodrag Belodedici

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Miodrag Belodedici
Belodedici.JPG
Informações pessoais
Data de nasc. 20 de maio de 1964 (50 anos)
Local de nasc. Socol, Flag of Romania (1952-1965).svg Romênia
Altura 1,85 m
Informações profissionais
Posição Líbero (aposentado)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
1982-1988
1989-1992
1992-1994
1994-1995
1995-1996
1996-1998
1998-2001
Flag of Romania (1965-1989).svg Steaua Bucureşti
Flag of SFR Yugoslavia.svg Estrela Vermelha
Espanha Valencia
Espanha Real Valladolid
Espanha Villarreal
México Atlante
Roménia Steaua Bucureşti
00167 000(15)
00063 0000(3)
00049 0000(0)
00031 0000(0)
00016 0000(0)
00065 0000(3)
00069 0000(6)
Seleção nacional
1982-1984
1984-2000
Flag of Romania.svg Romênia Sub 21
Flag of Romania.svg Romênia
00016 0000(1)
00055 0000(5)

Miodrag Belodedici (Socol, 20 de maio de 1964) é um ex-futebolista romeno.

Início, na Romênia[editar | editar código-fonte]

Debutou em 1992, no Steaua ("Estrela", em romeno), clube da capital, Bucareste. Foi tetracampeão romeno consecutivamente, em 1985, 1986, 1987 e 1988. Em 1986, também fez parte da primeira equipe do Leste Europeu (e única romena) a conquistar a Copa dos Campeões da UEFA, batendo o Barcelona na Espanha na final.

Na Iugoslávia, onde tinha raízes[editar | editar código-fonte]

Desejando, entretanto, jogar por outro Estrela, o Estrela Vermelha de Belgrado, time que torcia na infância (possui origem sérvia. Seu nome é uma adaptação ao romeno do original em sérvio cirílico Миодраг Белодедић, "Miodrag Belodedić"), Belodedici desertou do país em 1988 - quando regime ditatorial de Nicolae Ceauşescu ainda governava o país - para a mais moderada Iugoslávia.

Após ser visto em Belgrado, tentou imediatamente contactar os dirigentes do Estrela, que o contrataram após constatarem sua participação no título europeu de 1986. Belodedici acabou condenado in absentia na Romênia a dez anos de prisão, pena extinta após a Revolução Romena de 1989.

No Estrela, ganhou sua segunda Copa dos Campeões em 1991, a primeira e única de uma equipe iugoslava (e, por conseguinte, sérvia) - o que faz dele o único a participar dos dois títulos de equipes da Europa Oriental no mais importante torneio de clubes do continente.

Espanha e final da carreira[editar | editar código-fonte]

Após o título da Copa dos Campeões, Belodedici passou a ser assediado nos principais centros europeus, e em 1992 fechou com o Valencia. Na Espanha, passaria ainda por Real Valladolid e Villarreal, saindo do país em 1996 para jogar no Atlante, do México.

Retornou ao Steaua em 1998 e encerrou lá encerrou a carreira, em 2001, após conquistar seu quinto campeonato romeno.

Seleção Romena[editar | editar código-fonte]

O primeiro jogo ocorreu em 1984. Com a sua deserção em 1988, Belodedici ficaria os próximos quatro anos sem ser chamado, voltando em 1992 a ser convocado pela Seleção Romena (o que lhe custou a presença na Copa do Mundo de 1990). Foi chamado para a Copa do Mundo de 1994, no que acabou sendo sua única Copa; embora os romenos tenham surpreendentemente chegado às quartas-de-final, eliminando no caminho a Argentina, foram eliminados nas disputas por pênaltis pela Suécia - e Belodedici acabou perdendo a cobrança decisiva.

Um ano antes de encerrar definitivamente a carreira, jogara pela Romênia seu último torneio, a Eurocopa 2000. Não chamado para a Copa do Mundo de 1998, havia disputado também a Euro 1996.

Bandeira de RoméniaSoccer icon Este artigo sobre futebolistas romenos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.