O Capitão Cowboy do Cutty Shark (A Saga do Tio Patinhas)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Capitão Cowboy do Cutty Shark é um dos capítulos d'A Saga do Tio Patinhas

A história[editar | editar código-fonte]

Ainda trabalhando para Murdo MacZien, Patinhas vai para a Indonésia onde tenta vender touros ao Sultão de Solo. Infelizmente, o Sultão rival também quer os touros e propõe uma corrida para mostrar-lhes a sua eficiência. A corrida é na verdade uma armadilha: os guardas do Sultão raptam Patinhas e roubam seus touros.Perdido na selva, Patinhas vagueia até chegar a um Vulcão onde encontra Mestre Pardal (o avô do Professor Pardal) que está trabalhando num novo negócio: as energias alternativas. Mestre Pardal ajuda Patinhas a voltar a Batavia no seu prótotico de automóvel abastecido com energia geotérmica. Patinhas acume o comando do Cutty Shark e comando o clipper em direcção ao iate imperial do Sultão. Antes de poder chegar ao iate e reclamar os seus touros os nossos heróis passam por umas pequenas catástrofes (muito ruído, fogo e uma onda gigante) provocadas pela explosão do Crakatoa. O Sultão de Solo recompensa Patinhas com um bilião de esmeraldas que Patinhas usa para pagar uma multa de mau estacionamento.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Na saga original, Patinhas nunca mais reencontraria Mestre Pardal;
  • Devido a que na altura em que a história se passa, ainda não haviam inventado o automóvel, portanto foi a primeira multa de estacionamento da História.

Ordem de Capítulos[editar | editar código-fonte]