O Diário de Anne Frank

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Diary of Anne Frank
O Diário de Anne Frank (PT/BR)
Pôster oficial do filme.
 Estados Unidos
1959 •  cor •  170 min 
Direção George Stevens
Produção George Stevens
Roteiro Frances Goodrich
Albert Hackett
Elenco Millie Perkins
Joseph Schildkraut
Shelley Winters
Gênero Drama
Música Alfred Newman
Cinematografia William C. Mellor
Edição David Bretherton
William Mace
Robert Swink
Distribuição 20th Century Fox
Lançamento 18 de março de 1959
Idioma Inglês /Alemão
Orçamento US$ 3,8 milhões[1]
Receita US$ 2,3 million (EUA / Canadá)[2]
Página no IMDb (em inglês)

The Diary of Anne Frank (br/pt: O Diário de Anne Frank) é um filme estadunidense de 1959, do gênero drama, realizado por George Stevens. O roteiro foi baseado na peça teatral de Frances Goodrich e Albert Hackett e no Diário de Anne Frank. A trilha sonora é de Alfred Newman.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Anne Frank é uma jovem judia de 13 anos que vive escondida no sótão de um estabelecimento comercial juntamente com seus pais, Otto e Edith, e sua irmã Margot. Além deles, vive no mesmo local uma outra família de origem judia, composta por Hans Van Daan, Petronella Van Daan, Peter Van Daan e Albert Dussell, que é um idoso dentista.

A jovem documenta a sua vida num diário enquanto se esconde da Gestapo da Holanda. Este refúgio foi arranjado por Kraler e Miep, os proprietários de diversas lojas. Durante dois anos eles ficaram escondidos, vivendo sempre na apreensão de saberem que podiam ser traídos ou descobertos a qualquer momento e mandados para um campo de concentração. Apesar disto, eles sonham com dias melhores, ao mesmo tempo em que Peter e Anne se apaixonam.

Anos depois eles são descobertos e levados para o campo de concentração, onde são separados homem e mulher. As crianças menores de 16 anos foram mortos, as mulheres, os cabelos foram cortados e 1 ano depois os rússos atacaran a base e testruiram todas as evidencias principalmente as pessoas. Todos foram mortos menos o pai e umas pessoa conseguiram escapar menos Anne e sua mãe e sua irmã.

Prémios e nomeações[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o

Óscar 1960 (EUA)

Globo de Ouro 1960 (EUA)

  • Recebeu quatro nomeações ao prémio, nas categorias de melhor filme – drama, melhor diretor, melhor ator - drama (Joseph Schildkraut) e melhor atriz coadjuvante (Shelley Winters).

Festival de Cannes 1959 (França)

Referências

  1. Solomon, Aubrey. Twentieth Century Fox: A Corporate and Financial History (The Scarecrow Filmmakers Series). Lanham, Maryland: Scarecrow Press, 1989. ISBN 978-0-8108-4244-1. p252
  2. "1959: Probable Domestic Take", Variety, 6 de janeiro de 160; p 34

Ligações externas[editar | editar código-fonte]