Jovem Pan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Rede Jovem Pan)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde outubro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde outubro de 2013).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Jovem Pan
{{{alt}}}
Rádio Panamericana S/A
País  Brasil
Frequência(s) Rádio AM:
São Paulo - 620 kHz
Brasília - 750 kHz
São José do Rio Preto - 900 kHz
Rádio FM:
Brasília - 107.9 MHz
Canais Claro TV: Canal 197
SKY: Canal 405
Sede Avenida Paulista, 807 - 24º andar
Cerqueira César, São Paulo
Slogan A rádio do Brasil
Fundador Paulo Machado de Carvalho
Pertence a Jovem Pan
Idioma Português
Nome(s) anterior(es) Rádio Panamericana

A Jovem Pan é uma rede de emissoras de rádio brasileira voltada ao jornalismo e transmissão esportiva. Fica sediada na Avenida Paulista, no número 807, na cidade de São Paulo, SP. Possui outra rede de estações de rádio em FM conhecida como Jovem Pan FM.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A Jovem Pan surgiu inicialmente como Rádio Panamericana, quando foi inaugrada no dia 3 de maio de 1943, em na sua primeira sede localizada na rua São Bento. Seu indicativo de chamada na época era PRH 7.[2] Teve como prefixo as primeiras notas da Quinta Sinfonia de Beethoven, que representava a letra V, que simboliza de vitória, no código Morse.

Em novembro, o empresário paulista Paulo Machado de Carvalho compra a emissora, fazendo que com que ela passe a integrar ao seu grupo das Emissoras Unidas.[2]

Em 1945 a Panamericana - que nasceu para transmitir novelas - foi transformada em “a emissora dos esportes” por Paulo Machado de Carvalho, com o projeto executado pelo então empossado diretor-geral Paulo Machado de Carvalho Filho.

Em 1964, ainda ligado à TV Record, Antônio Augusto Amaral de Carvalho, outro filho de Paulo Machado de Carvalho, assumiu definitivamente a direção da emissora, onde já havia estagiado.

O nome fantasia Jovem Pan surgiu em 1965, dado por Paulo Machado de Carvalho para rejuvenescer o nome da emissora, que já estava envolvida com muitos eventos e fatos da atualidade.

A grande transformação da Panamericana começou em 1966. Já com o nome fantasia de Jovem Pan, a rádio iniciou vários programas com ídolos da música popular brasileira que, na época, faziam grande sucesso na TV Record.

Na década de 1970, a emissora passou a investir em jornalismo, período em que surgiram a Equipe Sete e Trinta, o Jornal de Integração Nacional e, finalmente, o Jornal da Manhã, que até hoje é uma referência no jornalismo de rádio em todo o país.

Em 1973, Antônio Augusto Amaral de Carvalho adquiriu as ações da emissora dos irmãos Paulo Machado de Carvalho Filho e Alfredo de Carvalho, tornando-se o único proprietário da rádio.

Em 1976, a Jovem Pan deixou a avenida Miruna, e se instalou da avenida Paulista nº 807 - 24º andar. Ainda neste ano, foi inaugurada a Jovem Pan FM, com sede no mesmo local.

Em 1993, a emissora iniciou o projeto Jovem Pan Sat, que teve sua implantação em 1994, com sinal de áudio totalmente digital, transmitindo via satélite para várias regiões do país.

Detalhe da canopla de um microfone com o logotipo da emissora.

Pioneirismo e tradição[editar | editar código-fonte]

A Jovem Pan é uma das mais antigas emissoras de rádio noticiosas da cidade de São Paulo, estando entre as mais ouvidas no rádio AM. O formato de jornalismo e prestação de serviços começou na década de 1970 e perdura até hoje. Na época, ao lado da Rádio Eldorado, a Jovem Pan era uma das únicas rádios noticiosas da cidade.

Os jingles, as músicas e as vinhetas também são bastante tradicionais. Pontualmente, às 7 horas da manhã, todos os dias da semana, há pelo menos 30 anos, são tocados trechos das músicas Tema de São Paulo - Amanhecendo - O tempo e a hora, do compositor Billy Blanco, consideradas por muitos como um hino dos paulistanos. No começo de 2000, a rádio chegou a tentar mudar o horário da execução desta música, mas os ouvintes reclamaram e manteve-se o horário original.

Por 57 anos, Narciso Vernizzi foi repórter esportivo e meteorológico da rádio e grande parte dos repórteres, locutores e redatores tem décadas de trabalho na rádio.

Alguns sócios atuais[editar | editar código-fonte]

Emissoras[editar | editar código-fonte]

A Jovem Pan possui afiliadas em todas as regiões do Brasil, em sua maioria transmitidas em onda média, sendo uma das maiores redes de rádio do Brasil em quantidade de emissoras afiliadas. Além das afiliadas, a rádio possui três emissoras próprias nas cidades de São Paulo, São José do Rio Preto e Brasília.

Programas[editar | editar código-fonte]

Os programas que são transmitidos pela rádio Jovem Pan são formados principalmente por programas jornalísticos, que a emissora tem como marca registrada desde a década de 1970, onde passou a investir no formato do jornalismo popular. O Jornal da Manhã é um dos carro-chefes da programação da emissora, sendo considerado uma das redações jornalísticas mais tradicionais do rádio.

A emissora possui em sua grade de programação transmissões de jornadas esportivas, das quais transmite as partidas dos principais campeonatos de futebol do país. A rádio também transmite outros eventos, como a Fórmula 1.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]