Sá Viana Futebol Clube

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sá Viana
Nome Sá Viana Futebol Clube
Alcunhas Tricolor dos Álamos
Fundação 20 de fevereiro de 1940
Estádio Parque dos Álamos
Capacidade 2.000
Presidente Brasil Milton Raul Vidal Lemos
Competição Licenciado
Website www.portaluruguaiana.com.br/saviana
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

O Sá Viana Futebol Clube é um clube brasileiro de futebol, da cidade de Uruguaiana, no estado do Rio Grande do Sul. Suas cores são verde, vermelho e branco.

História[editar | editar código-fonte]

O Sá Viana foi fundado no dia 20 de fevereiro de 1940. Seu nome é uma homenagem à ao Dr. Manoel Sá Viana, jurista brasileiro que havia morado na Argentina e cujo busto estava localizado à beira do Rio Uruguai. Foram fundadores do Sá Viana: Vítor Pereira da Silva, Derly Pratto, Pedro Portugal, Edgard Andreolli, Setímio Mandarino Lopes, Santiago Bellini, João Luiz Neves, Vicente Torres, Tasso Portugal, Mário Gomes de Souza, Alfredo Andreolli e Darci Andrade.

Em 1948, o Sá Viana sagrou-se campeão estadual de amadores (feito que seria repetido em 1951), ao golear o Atlântico de Erechim por 9 a 0. No ano de 1952, conquistou o seu maior título: o do Campeonato Gaúcho da Segunda Divisão.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Estaduais[editar | editar código-fonte]

Outras Conquistas[editar | editar código-fonte]

Torneios Estaduais[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

  • 1940 - Dario Souza Sobrinho
  • 1941 - Clotário O. Portugal
  • 1942 - Setímio Mandarino Lopes
  • 1943 - Major Antônio A. Dias
  • 1944 - Fernando Tarrago Moura
  • 1945 - Newton C. Degrazzia
  • 1946 - Rafael Del Cueto
  • 1947 - Renê Walter Cobeli
  • 1948 - Fernando Tarrago Moura
  • 1949 - Antonio Martins Bastos
  • 1950 - Felisberto G. dos Santos
  • 1951 - José O. Fagundes
  • 1952 - Fernando Tarrago Moura
  • 1953 - Luiz Picaveia
  • 1954 - Antônio Martins Bastos
  • 1955 - Derly Pratto
  • 1956-1959 - Marco Ochôa Neto
  • 1960 - Moacir R. Martins
  • 1961 - Heider Pinto
  • 1962 - Marco Ochôa Neto
  • 1963-1964 - José Paulo Gonçalves Bastos
  • 1965 - Eloy Arcidio Trojan
  • 1967 - Vilson Ferretto
  • 1968 - Alberto Moura
  • 1969-1970 - Luiz C. G. Bastos
  • 1971 - Gregorio A. Correa
  • 1972 - Luiz C. G. Bastos
  • 1973-1974 - Eloy Arcidio Trojan
  • 1975 - Eduardo S. de Souza
  • 1976 - Hugo Cassel
  • 1977-1978 - Alcibíades A. Pereira
  • 1979-1980 - Júlio L. Gonçalves
  • 1981 - José G. Machado
  • 1982 - Armando Pijuan
  • 1983 - Carlos Felipe Tramunt
  • 1984-1985 - José Carlos Pratto
  • 1986-1990 - Raymundo D. Braga
  • 1991 - Umbelino Francisco Gomes
  •  ? - Hipólito Baratz Ribeiro
  • 2003 - Milton Raul Vidal Lemos

Ídolos[editar | editar código-fonte]

  • Brasil Azevedo
  • Brasil Baio
  • Brasil Benito
  • Brasil Bentevi
  • Paraguai Cabrera
 
  • Brasil Juca Souza
  • Brasil Léo
  • Brasil Mugica
  • Brasil Nique

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre clubes brasileiros de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.