Túnel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Túnel rodoviário.

Um túnel é uma passagem, normalmente subterrânea, que possibilita ou facilita o acesso a um determinado local. Podem ser construções realizadas pelo ser humano ou eventualmente pela própria ação da natureza. No caso dos túneis utilizados para transporte, usualmente ligam duas seções de uma estrada, via férrea ou rua, podendo tratar-se ainda de túneis subaquáticos.

Construção[editar | editar código-fonte]

Cortar-e-tapar[editar | editar código-fonte]

Método que consiste em realizar escavações, instalar os materiais necessários para a obra e voltar a tapar tudo com terra. Esta não é, porém, uma técnica muito vista atualmente, tendo sido substituída pelas tuneladoras.

Um dos maiores exemplos deste método de construção, é o Metro de Londres, onde os primeiros tuneis foram escavados (por vezes à mão), e depois tapados com terra, no entanto isto levou à destruição de várias habitações e quintas.

Bottom-up[editar | editar código-fonte]

A tricheira é escavada, com uma grade de suporte é necessário, e o túnel é construído. O túnel deve ser em um betão pronto, coloca o concreto pré-moldado, monta-se os arcos pré-montados; e no final destas fases, a área volta a ser usada. A tricheira é cuidadosamente aterrada e a superfície é reinstalada

Túneis significativos[editar | editar código-fonte]

Ferroviários[editar | editar código-fonte]

Europa[editar | editar código-fonte]

Ásia[editar | editar código-fonte]

Rodoviários[editar | editar código-fonte]

Europa[editar | editar código-fonte]

América[editar | editar código-fonte]

Ásia[editar | editar código-fonte]


Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Engenharia (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.