Walter George Durst

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Walter George Durst (São Paulo, 15 de junho de 1922 — São Paulo, 24 de agosto de 1997) foi um cineasta e escritor brasileiro.

Intelectual e politizado, após experiência como cineasta, o início de sua carreira televisiva foi adaptando clássicos textos de teatro para o programa TV de Vanguarda, na TV Tupi de São Paulo. Ao se transferir para a Rede Globo, adaptou dramalhões mexicanos sob a supervisão de Glória Magadan. Passou pela TV Bandeirantes, onde escreveu o Teatro Cacilda Becker; TV Cultura; e retornou às telenovelas na Rede Globo com Gabriela. No fim da vida, passou pela TV Manchete, onde foi contratado para reparar o fiasco de Tocaia Grande e no SBT onde adaptou Os Ossos do Barão de Jorge Andrade.

Televisão[editar | editar código-fonte]

SBT
TV Globo
Rede Manchete
TV Cultura
TV Tupi

Cinema[editar | editar código-fonte]

Como roteirista
Como diretor