Ácido fluorídrico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ácido fluorídrico
Alerta sobre risco à saúde
Hydrogen fluoride.JPG
Hydrogen-fluoride-3D-vdW.png
Hydrogen-fluoride-2D-dimensions.png
Outros nomes fluoric acid; fluorhydric acid
Identificadores
Número CAS 7664-39-3
PubChem 14917
Número EINECS 231-634-8
Número RTECS MW7875000
Propriedades
Fórmula química HF
Massa molar 20.01 g mol-1
Aparência Gás esverdeado; Solução aquosa fumegante, com vapor incolor
Densidade 1,14 g·cm–3 (38 %, Azeótropo)1
0,968 g·ml-1 (líquido, no ponto de ebulição)2
0,92 g·l-1 (Gasdichte)3
Ponto de fusão

–44 °C (38-40 %)4
-83 °C 5

Ponto de ebulição

112 °C (38 %)1
19,5 °C 5

Solubilidade em água miscível 6
Pressão de vapor 1028 hPa (20 °C)5
Acidez (pKa) 3,19 1
3,157
3,2 8
Índice de refracção (nD) 1.00001 [carece de fontes?]
Estrutura
Forma molecular Linear
Termoquímica
Entalpia padrão
de formação
ΔfHo298
−13.66 kJ/g (gas)
−14.99 kJ/g (liquid)
Entropia molar
padrão
So298
8.687 J/g K (gas)
Riscos associados
MSDS duPont MSDS
Classificação UE Hazard TT.svgMuito tóxico (T+)
Hazard C.svgCorrosivo (C)
Índice UE 009-003-00-1
NFPA 704
NFPA 704.svg
0
4
2
COR
Frases R R26/27/28, R35
Frases S S1/2, S7/9

, S26, S36/37, S45

Ponto de fulgor Non-flammable
Compostos relacionados
Outros aniões/ânions Ácido clorídrico
Ácido bromídrico
Ácido iodídrico
Água
Ácido astatídrico
Outros catiões/cátions Fluoreto de lítio
Compostos relacionados Fluoreto de metila
Excepto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições PTN

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Ácido fluorídrico, solução aquosa do fluoreto de hidrogênio ou ainda o fluoreto de hidrogênio anidro, que apresenta-se líquido até 19,5°C, é um ácido do grupo dos hidrácidos. O fluoreto de hidrogênio é um gás ou vapor esverdeado, de fórmula HF. Apresenta-se em solução como líquido incolor e fumegante de odor penetrante (assim como o gás ou vapor puro).

O HF possui pressão de vapor de 15,54 mmHg e densidade de vapor 0,7. Sua entalpia de formação é de -273,30 kJ/mol (gás) e sua entropia molar é 173,78 J/mol·K.

Propriedades químicas[editar | editar código-fonte]

Sabendo-se que a "força" dos hidrácidos varia de acordo com a eletronegatividade do elemento ligado ao hidrogênio, pode-se deduzir que o HF é um ácido forte. Contudo, isso não ocorre, pois, apesar de a eletronegatividade do flúor ser a maior dentre os elementos conhecidos (4,0), o fator mais importante é a estabilidade do íon (ião) formado, que, neste caso, tem sua estabilidade reduzida, pois o raio atômico do flúor, por ser o menor conhecido (excetuando os gases nobres) atrapalha a acomodação da carga negativa, com forte repulsão entre os elétrons externos, a chamada dispersão de carga, o que acaba por desestabilizar o íon F e reduzir o pKa.

Sendo assim, o HF é um ácido fraco (semiforte), que tem como maior propriedade sua facilidade em atacar materiais silicáticos (principalmente o vidro). Por isso o HF só deve ser armazenado em plásticos, sendo usado especialmente o polietileno e o teflon, e em raros casos usando recipientes metálicos (poucos metais são compativeis).

Usos[editar | editar código-fonte]

É usado na produção de sais fluorados, gases de refrigerantes, criolita, agrotóxicos, detergentes, teflon, na purificação de minérios (de nióbio e tântalo), na alquilação de petróleo (gasolina de alta octanagem) e no enriquecimento do urânio para fins de geração de energia nuclear. (acido usado no Breaking Bad)

Obtenção[editar | editar código-fonte]

O produto é obtido a partir da reação entre o ácido sulfúrico e a fluorita seca, originando além do ácido fluorídrico (quando em solução aquosa) ou fluoreto de hidrogênio (quando a seco), o sal sulfato de cálcio. Seguindo a reação:

H2SO4 + CaF2 → CaSO4 + 2HF

Advertências[editar | editar código-fonte]

  • Quando concentrado, reage violentamente com os hidróxidos alcalinos sólidos, como o hidróxido de sódio e o hidróxido de potássio.
  • Ingestão: tóxico, pode ser fatal.
  • Inalação: dispnéia, broncoespasmos, obstrução das vias respiratórias, queimaduras.
  • Contato com a pele: Produz queimaduras graves e extremamente dolorosas, e devido ao tamanho extremamente pequeno de sua molécula, percorre os tecidos vivos, penetrando a pele e demais tecidos até atacar o tecido ósseo.
  • Contato com os olhos: pode provocar lesões permanentes.

Referências

  1. a b c Holleman, Wiberg: Lehrbuch der Anorganischen Chemie, 102. Auflage, Berlin 2007. ISBN 978-3-11-017770-1
  2. BG Chemie Merkblatt M005 Fluorwasserstoff, Flusssäure und anorganische Fluoride, Ausgabe 8/2009 Jedermann-Verlag Heidelberg, S. 8
  3. Registo de Fluorwasserstoff na Base de Dados de Substâncias GESTIS do IFA, accessado em 27 de Janeiro de 2008
  4. Sicherheitsdatenblatt (Merck)
  5. a b c Sicherheitsdatenblatt (Linde)
  6. Registo de Fluorwasserstoffsäure na Base de Dados de Substâncias GESTIS do IFA, accessado em 11 de Janeiro de 2008
  7. Jolly W.L. (1984) Modern Inorganic Chemistry, McGraw-Hill, p.177
  8. Arnold F. Holleman, Nils Wiberg: Lehrbuch der Anorganischen Chemie. 102. Auflage. Berlin 2007, ISBN 978-3-11-017770-1.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]