2002 no desporto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ano: 2002
Ciência
Cinema
Desporto
Jogos eletrônicos
Literatura
Música
Religião
Televisão
Mortes

Eventos[editar | editar código-fonte]

Automobilismo[editar | editar código-fonte]

  •   3 de Março - No GP da Austrália, três fatos marcaram a prova de abertura: a) Kimi Raikkonen vai ao pódio (3º lugar) pela primeira vez na carreira na estreia de sua nova equipe, a McLaren; b) estreia na categoria, Mark Webber termina em 5º lugar marcando os primeiros 2 pontos na carreira e também o primeiro piloto australiano a pontuar no seu próprio país e c) estreante também na categoria, a Toyota marca o primeiro ponto com o 6º lugar do finlandês Mika Salo.[1]
  • 17 de Março - Felipe Massa termina em 6º lugar e marca o primeiro ponto na carreira no GP da Malásia.
  • 12 de Maio - Michael Schumacher vence o GP da Áustria, mas essa o piloto alemão não teve prazer de comemorar. Faltando três voltas para a finalização, a Ferrari ordenou Rubens Barrichello para ceder a troca de posição, fato que o brasileiro acatou entregando-a para seu companheiro de equipe na última volta e a poucos metros da linha de chegada. Esse ato causou má repercussão no autódromo, fazendo com que a FIA banisse e punisse as ordens de ultrapassagens dadas pelas equipes.[2]
  • 21 de Julho - Michael Schumacher vence o GP da França e torna-se pentacampeão mundial de Fórmula 1 com seis provas de antecedência.
  • 15 de Setembro - Eddie Irvine conclui o GP da Itália em 3º lugar. É o 26º e último pódio na carreira e últimos quatro pontos na categoria também.
  • 29 de Setembro - Rubens Barrichello vence o GP dos Estados Unidos. A vitória faz o brasileiro vice-campeão da temporada.
  •   1 de Novembro - A Jaguar confirma oficialmente Antonio Pizzonia e Mark Webber na Fórmula 1 em 2003. Ele será o 26º piloto brasileiro a disputar a F-1. O amazonense é o primeiro piloto em 48 anos a ter nascido fora do eixo Sul-Sudeste do país.[3]
  •   5 de Novembro - Após quase 2 meses de silêncio, a Toyota confirma oficialmente Cristiano da Matta e o francês Olivier Panis para a temporada de 2003.[4]
  • 13 de Outubro - Michael Schumacher vence o GP do Japão. O alemão torna-se o primeiro na F-1 indo ao pódio em todas as 17 provas da temporada.[5]

Futebol[editar | editar código-fonte]

Xadrez[editar | editar código-fonte]

Nascimentos[editar | editar código-fonte]

Falecimentos[editar | editar código-fonte]

Data Nome Profissão Nacionalidade Observações Ref
14 de fevereiro Nándor Hidegkuti futebolista  Hungria n. 1922
17 de maio Ladislao Kubala futebolista  Hungria n. 1927
13 de Novembro Juan Alberto Schiaffino futebolista Uruguai n. 1925
28 de Novembro Mahicon Librelato futebolista  Brasil n. 1981
28 de Novembro Davey Boy Smith wrestler  Inglaterra n. 1962

Referências

  1. «Batida determina resultados dos 4 estreantes». Folha de S.Paulo. 4 de março de 2002 
  2. «Barrichello dá a vitória para Schumacher». A Notícia. 13 de maio de 2002 
  3. «"Jungle Boy" vai correr pela Jaguar em 2003». Folha de S.Paulo. 2 de novembro de 2002 
  4. «Toyota, enfim, confirma Da Matta na F-1». Folha de S.Paulo. 6 de novembro de 2002 
  5. «Ferrari encerra ano com nova dobradinha». Folha de S.Paulo. 14 de novembro de 2002 

Ver também[editar | editar código-fonte]