Anfiteatro de Estatílio Tauro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Anfiteatro de Estatílio Tauro
Reconstituição imaginária do Anfiteatro de Estatílio Tauro
Tipo Anfiteatro
Construção 29 a.C.
Promotor / construtor Cipião Africano
Geografia
País Itália
Cidade Roma
Localidade Regio IX - Circo Flamínio
Coordenadas 41° 54' N 12° 28' 11" E
Anfiteatro de Estatílio Tauro está localizado em: Roma
Anfiteatro de Estatílio Tauro
Arco de Cipião Africano

O Anfiteatro de Estatílio Tauro (em latim: Amphitheatrum Statilii Tauri) era um antigo anfiteatro na cidade de Roma inaugurado em 29 a.C.[1] Foi construído por Tito Estatílio Tauro, que financiou a obra com seus próprios recursos.

Histórias[editar | editar código-fonte]

Arenas anteriores eram estruturas temporárias que eram desmontadas depois do evento. Estatílio Tauro era um general renomado e um político na época do imperador Augusto e enriqueceu durante sua carreira. Para a inauguração, ele financiou também jogos gladiatoriais.[2]

Ficava no Campo de Marte, em Roma, numa época na qual muitos novos templos estavam sendo construídos na cidade e sua localização exata se perdeu, mas é muito provável que tenha sido construído na porção meridional do Campo de Marte. Nos cinquenta anos seguintes, esta mesma região recebeu ainda o Teatro de Pompeu, o Teatro de Marcelo e o Teatro de Balbo.

Não era um anfiteatro grande e a insatisfação com seu tamanho fez com que Nero, em 57, construísse um novo anfiteatro de madeira, o Anfiteatro de Nero, mas ambos foram completamente destruídos no Grande Incêndio de Roma em 64.[3]

Em 72, Vespasiano construiu um novo anfiteatro de alvenaria, muito maior, em Roma, o Anfiteatro Flávio, que entrou para a história com o nome de Coliseu.

Localização[editar | editar código-fonte]

Planimetria do Campo de Marte meridional


Referências

  1. William J. Slater (1996). Roman Theater and Society: E. Togo Salmon Papers I (em inglês). [S.l.]: University of Michigan Press. pp. 78–. ISBN 0-472-10721-6 
  2. Katherine E. Welch (10 de setembro de 2007). The Roman Amphitheatre: From Its Origins to the Colosseum (em inglês). [S.l.]: Cambridge University Press. pp. 108–. ISBN 978-0-521-80944-3 
  3. Stephen L. Dyson (1 de agosto de 2010). Rome: A Living Portrait of an Ancient City (em inglês). [S.l.]: JHU Press. pp. 146–. ISBN 978-1-4214-0101-0 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Anfiteatro de Estatílio Tauro