Batalha de Paso de Cuevas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Batalha de Paso de Cuevas
Guerra do Paraguai
LasCuevasx10.jpg
Data 12 de agosto de 1865
Local Província de Corrientes, Argentina
Desfecho Vitória aliada
  • Navios de guerra passaram com êxito
Beligerantes
 Argentina
 Império do Brasil
 Paraguai
Comandantes
Argentina José Murature
Império do Brasil Francisco Manuel Barroso da Silva
Paraguai José María Bruguez
Forças
Império do Brasil
12 navios (3 fragatas, 3 corvetas, 5 canhoneiros e 1 transporte) com 60 canhões
Argentina
1 navio canhoneiro
3.000 soldados
34 canhões
Baixas
24 mortos
42 feridos
Desconhecido

A Batalha de Paso de Cuevas foi travada em 12 de agosto de 1865 durante a invasão paraguaia da província argentina de Corrientes. Após as perdas após a Batalha do Riachuelo, e correndo o desafio criado por Bruguez em Bella Vista na Batalha de Paso de Mercedes no dia anterior, a frota aliada avançou pelo Rio Paraná, não querendo ser cortada de sua base de abastecimento.[1]:36 No entanto, Paso de Cuevas foi novamente ocupado por 3.000 homens de Bruguez com 34 canhões. Barroso sofreu 24 mortos e 42 feridos.[2]:779

Esta foi a última operação de combate naval da Marinha argentina em guerra com nações estrangeiras até a Guerra das Malvinas.

Referências

  1. Hooker, T.D., 2008, The Paraguayan War, Nottingham: Foundry Books, ISBN 1901543153
  2. Jaques, T., 2007, Dictionary of Battles and Sieges:P-Z, Westport: Greenwood Press, ISBN 978-0-313-33536-5

Outras leituras[editar | editar código-fonte]

  • Theotonio Meirelles Da Silva, Historia Naval Brazileira, BiblioBazaar, LLC, 2008.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]