Carlos César de Oliveira Sampaio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde dezembro de 2011). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Carlos Sampaio
Nome completo Carlos César de Oliveira Sampaio
Nascimento 13 de setembro de 1861
Rio de Janeiro, Município Neutro
Morte 18 de setembro de 1930 (69 anos)
Paris, Ilha de França
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Engenheiro
Político

Carlos César de Oliveira Sampaio (Rio de Janeiro, 13 de setembro de 1861Paris, 18 de setembro de 1930) foi um político e engenheiro brasileiro.

Foi diretor da Port of Pará, da Estrada de Ferro Madeira - Mamoré, e das Docas da Bahia. Representou o Brasil na I Conferência Financeira Pan-Americana, em Washington (1920). Realizou o arrasamento do morro do Castelo. Participou da operação "Água em Seis Dias" (1889) e das obras de abertura da Avenida Central, futura Avenida Rio Branco.

Como prefeito do então Distrito Federal, (1920-1922), realizou obras importantes:

  • arrasamento do morro do Castelo;
  • aterro da área onde se instalou a Exposição Internacional comemorativa do 1º centenário da independência do Brasil (1922);
  • saneamento e aterro de grande área ao redor da lagoa Rodrigo de Freitas, hoje avenida Epitácio Pessoa;
  • construção da avenida Maracanã;
  • reconstrução da avenida Atlântica, destruída pela ressaca (1921).
Precedido por
Milcíades Mário de Sá Freire
Prefeito do Distrito Federal (1889-1960)
1920 — 1922
Sucedido por
Alaor Prata