Estopim da Fiel Torcida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estopim da Fiel
Fundação 5 de janeiro de 1979 (38 anos)[1]
Escola-madrinha Gaviões da Fiel
Cores Preto e branco
Símbolo Urso
Bairro Centro
http://www.estopimdafiel.com.br/

A Estopim da Fiel é uma torcida organizada do Sport Club Corinthians Paulista do estado de São Paulo, Brasil. Foi fundada em 5 de janeiro de 1979, em Diadema. No ano de 1988, tornou-se também um bloco de carnaval na cidade, e posteriormente transformou-se numa escola de samba.

História[editar | editar código-fonte]

Sendo oficialmente fundada em 5 de janeiro de 1979, a Estopim da Fiel já acompanhava o Corinthians desde 1976. No jogo que ficou conhecido como a famosa invasão corintiana, quando mais de 70.000 Corintianos invadiram o Maracanã para assistir à semifinal do Campeonato Brasileiro de 1976 contra o Fluminense, uma bandeira da “Estopim da Fiel” e uma faixa “Corintianos de Diadema” podiam ser vistas no estádio.

Na reunião de fundação da Estopim da Fiel, estiveram presentes: Romualdo Francisco dos Santos, Moacyr Gomes, Suely Nunes dos Santos, David F. Sant’ana Filho, PM José de França, José Carlos Urbano, Rosalvo Gomes de Ramos, Vanderlei Caetano e Dr. Severino A. de Oliveira. O nome da torcida, sugerido por José de França e já utilizado no jogo de 1976, foi escolhido por unanimidade. O logotipo adotado consiste no distintivo do Corinthians com uma granada estourando no centro, em alusão ao estopim.

A estréia oficial ocorreu em 18 de março de 1979, na vitória do Corinthians sobre a Portuguesa de Desportos, no estádio do Morumbi. Em 1988, a Estopim da Fiel tornou-se bloco carnavalesco em Diadema. Com o falecimento de Romualdo Francisco dos Santos, fundador e presidente da Estopim, em 1993, a entidade deixou de comparecer aos jogos do clube. Depois disso, a Estopim passou a se dedicar apenas aos carnavais de Diadema como Bloco, passando em 1995 à categoria de Escola de Samba.

Em 2000, torcedores decidiram reativar a torcida e, no dia 8 de março, no jogo entre Corinthians e Inter de Limeira, a Estopim estava de volta aos estádios. O logotipo foi alterado e um urso foi adotado como mascote oficial da torcida. Em 6 de maio do mesmo ano, a sede situada na Rua São Jorge, 154, no Centro de Diadema, foi reinaugurada oficialmente, com um grande coquetel que contou com a presença de diversas autoridades da cidade, além das torcidas Fiel Macabra, Pavilhão 9 e Gaviões da Fiel.

Venceu o Grupo 2 em 2001 ao abordar a Região Nordeste como tema de seu carnaval, e o Grupo 1 no ano seguinte, ao falar sobre a Escrava Anastácia. Teve ainda em 2003, a os deuses hindus Brahma, Vishnu e Shiva como temas do seu carnaval.

Em 2012, a escola de samba homenageou o jogador Ronaldo Nazário em seu desfile,[2] obtendo o título de campeã.[3]

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Estopim da Fiel
Ano Colocação Grupo Enredo Ref.
1988 Bloco Estopim a mais querida [1]
1993 Bloco Superstição [1]
1994 Bloco Esporte é cultura [1]
1995 Engraçado é o meu país do vintém ao Real [1]
1996 O samba desce o morro é conquista a cidade [1]
1997 Gaviões, uma paixão em preto e branco [1]
1998 De homem e mulher todo mundo tem um pouco [1]
2000 2 A dança da lua [1]
2001 Campeã 2 Nas folias do Norte e Nordeste, o Brasil se diverte [1]
2002 Campeã 1 Oju Orum Princesa Bantu de Angola - Escrava Anastácia [1][4]
2003 Vice-campeã 1 Brahma, Vishnu e Shiva. Índia, berço de uma cultura e religiosidade milenar. [1]
2004 1 Amado Jorge de Todos os Santos [1][5]
2005 3° lugar 1 Minas Gerais, a Estopim garimpa a sua história. [1]
2006 Campeã 1 O canto das raças [1]
2007 3° lugar 1 Entre o Sagrado e o Profano, cada um carrega seu patuá [1]
2008 3° lugar 1 Brasil: meu palco, minha tela [1]
2009 1 Hoje tem espetáculo? Tem sim senhor! No picadeiro da Estopim, a arte circense [1]
Em 2010 ocorreu desfile sem competição.[6]
2011 Campeã 2 Vicente Matheus, uma história escrita em preto e branco [7][8]
2012 Campeã 1 O Grande artista... Ronaldo Fenômeno Artista da bola! [9]
Em 2013 ocorreu desfile sem competição.[10]


Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o p q r «Estopim da Fiel». Portal Brasil Carnaval. Consultado em 6 de maio de 2013. Cópia arquivada em 5 de dezembro de 2008 
  2. «Ronaldo Fenômeno será tema de escola de samba paulista». SRZD-Carnaval/SP. 2 de janeiro de 2012. Consultado em 2 de janeiro de 2012 
  3. «Estopim é a campeã do Carnaval de Diadema». ABCD Maior. Consultado em 16 de julho de 2012. Cópia arquivada em 16 de julho de 2012 
  4. «Tradição vence em S.Caetano; Estopim é campeã em Diadema». Diário do Grande ABC. 11 de fevereiro de 2002. Consultado em 6 de maio de 2013 
  5. Nicolas Tamasauskas (10 de fevereiro de 2004). «Jorge Amado é enredo da Estopim da Fiel». Diário do Grande ABC. Consultado em 6 de maio de 2013 
  6. Paula Cristina (14 de fevereiro de 2010). «Sem competição, carnaval em Diadema reúne 12 mil pessoas». ABCD Maior. Consultado em 6 de maio de 2013 
  7. Camila Brunelli (5 de março de 2011). «Maratona da Folia em Diadema». Diário do Grande ABC. Consultado em 6 de maio de 2013 
  8. «Eldorado Estação do Samba é campeã do Carnaval de Diadema». Repórter Diário. 8 de março de 2011. Consultado em 6 de maio de 2013 
  9. «Estopim da Fiel conquista o primeiro lugar em Diadema». Diário do Grande ABC. 21 de fevereiro de 2012. Consultado em 6 de maio de 2013 
  10. Rafael Ribeiro (12 de janeiro de 2013). «Escolas de Diadema farão Carnaval simbólico». Diário do Grande ABC. Consultado em 6 de maio de 2013