Francisco Rossi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Francisco Rossi
Francisco Rossi
Deputado Federal de São Paulo
Período 1.º - 1 de fevereiro de 1979
até 31 de Janeiro de 1983
2.º - 1 de fevereiro de 2007
até 31 de janeiro de 2011
7° Prefeito de Osasco
Período 1 de janeiro de 1973
até 1 de janeiro de 1977
Antecessor(a) José Liberatti
Sucessor(a) Guaçu Piteri
11° Prefeito de Osasco
Período 1 de janeiro de 1989
até 1 de janeiro de 1993
Antecessor(a) Humberto Parro
Sucessor(a) Celso Giglio
Dados pessoais
Nascimento 10 de julho de 1940 (78 anos)
Caçapava, SP, Brasil
Partido ARENA (1970–1980)
PDS (1980–1984)
PCN (1985)
PTB (1986–1993)
PDT (1993–1998)
PPB (1998–2001)
PL (2001–2003)
PHS (2003–2004)
PMDB (2005–2013)
PR (2013–presente)
Profissão político

Francisco Rossi de Almeida (Caçapava, 10 de julho de 1940) é um radialista, advogado e político brasileiro.

Evangélico, foi por duas vezes prefeito da cidade de Osasco (1973-1977 e 1989-1993). Na gestão de Paulo Maluf no governo paulista (1979-1982), exerceu o cargo de secretário de Educação e Turismo entre 4 de junho de 1980 e 15 de maio de 1981.

Tentou por três vezes a candidatura à prefeitura de São Paulo. Na primeira delas, em 1985, foi o quarto colocado entre onze candidatos – mesmo tendo a candidatura sido lançada por um pequeno partido, o PCN. Tentou o cargo por mais duas vezes, sem sucesso: 1996 e 2004. Disputou as eleições para o governo estadual pelo PDT, em 1994 (chegando ao segundo turno) e em 1998 (ficando em quarto lugar), pleitos vencidos por Mário Covas.

Atualmente filiado ao PR, já foi membro dos quadros da ARENA, pela qual foi eleito prefeito de Osasco pela primeira vez e deputado federal (1978), do PDS, do extinto PCN, do PTB (partido pelo qual disputou e ganhou as eleições para deputado federal constituinte em 1986, e prefeito de Osasco em 1988), do PDT, do PPB, do PL e do PHS. Pelo PMDB, foi eleito deputado federal em 2006.

Em 2009, foi derrotado na eleição do Diretório do PMDB de São Paulo por Orestes Quércia tendo apenas 73 votos enquanto Quércia teve quase 600.

Um dos seus maiores feitos, no entanto, foi a canção "Francisco Rossi pra Osasco melhorar", composta para a eleição de 1972 e reaproveitada na de 1988. Nas campanhas para a prefeitura paulistana, substituiu o nome da cidade da Grande São Paulo pelo da capital paulista.

Nas ultimas eleições foi candidato a prefeito de Osasco pelo PMDB, na coligação Compromisso com a Verdade (PMDB, PP, PSC).

Letra de uma das músicas que fez e distribuiu na década de 70 na cidade de Osasco:

Crianças do meu Brasil, Brasil! Vão para a escola estudar. Para a mamãe e papai. Serem felizes no Lar!

Eu também já fui criança, Jogava pião na calçada. E hoje eu cresci. E decidi o que ser. E devo à escola o que sou!

Precedido por
Humberto Parro
Prefeito de Osasco
19891993
Sucedido por
Celso Giglio
Precedido por
José Liberatti
Prefeito de Osasco
19731977
Sucedido por
Guaçu Piteri
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Francisco Rossi
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.