Frank Carlucci

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Frank Carlucci em 1988

Frank Charles Carlucci III (Scranton, Pensilvânia, 18 de outubro de 1930) foi um diplomata norte-americano, embaixador dos Estados Unidos da América em Portugal, de 1974 a 1977, foi posteriormente Secretário da Defesa dos EUA.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Carlucci estudou em Universidade de Princeton onde foi colega de Donald Rumsfeld, seguindo para a Harvard Business School em 1954-55. Serviu na US Navy de 1952-54, passando para o Foreign Service em colaboração com o Departamento de Estado dos Estados Unidos de 1956 a 1969. Em 1961 participou numa missão da CIA no ex-Congo Belga, tendo de seguida passado por vários lugares durante a administração de Richard Nixon.

24 de Janeiro de 1975 assinala a sua entrada oficial ao serviço em Lisboa, com a apresentação das credenciais, apesar de a sua nomeação datar de Dezembro do ano anterior. Em pleno período revolucionário, Frank Carlucci vai seguir de perto o Verão Quente de 75, acompanhando o percurso de políticos como Mário Soares, com quem estabelece uma relação de amizade, entre outros. Abandona as funções a 5 de Fevereiro de 1978, mas mantém várias ligações a Portugal, nomeadamente de carácter económico, das quais se destaca a EuroAmer com Artur Albarran.

Durante a presidência de Ronald Reagan, ocupou várias posições relacionadas com a defesa, e foi Director da CIA.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.