Gaijin – Os Caminhos da Liberdade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde julho de 2014). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.
Gaijin - Os Caminhos da Liberdade
 Brasil,  Japão
1980 •  cor •  100 min 
Direção Tizuka Yamasaki
Roteiro Tizuka Yamasaki
Jorge Duran
Elenco Kyoko Tsukamoto
Jiro Kawarazaki
Ken Kaneko
Género drama
Idioma japonês e português
Página no IMDb (em inglês)

Gaijin - Os Caminhos da Liberdade é um filme brasileiro de 1980, do gênero drama, dirigido pela cineasta nipo-brasileira Tizuka Yamasaki.

Este filme, que teria uma continuação em 2005, marca a estreia de Tizuka Yamasaki como diretora e roteirista.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

No início do século XX um grupo de japoneses vêm para o Brasil, para trabalhar em uma fazenda de café em São Paulo. Lá eles encontram dificuldades para se adaptar pois são tratados com hostilidade, tendo que trabalhar quase como escravos e são roubados pelo patrão. Apenas alguns colonos os tratam bem, entre eles, Tonho, o contador da fazenda.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Festival de Cannes 1980 (França)

  • Recebeu o Prêmio FISPRECI - Menção Especial.

Festival de Gramado 1980 (Brasil)

  • Venceu nas categorias de Melhor Filme, Melhor Ator Coadjuvante (José Dumont), Melhor Trilha Sonora, Melhor Roteiro e Melhor Desenho de Produção.

Festival de Havana 1980 (Cuba)

  • Venceu na categoria de Melhor Filme.

Festival de Nova Delhi

  • Venceu na categoria de Melhor Filme.

Conferência Nacional dos Bispos do Brasil 1980 (Brasil)

  • Recebeu o Troféu Margarida de Prata.

Festival de Honolulu

  • Recebeu uma Menção Especial.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]