Hawker-Siddeley Harrier

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde junho de 2014).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)


Hawker-Siddeley Harrier
Picto infobox Mig 29.png
Um Harrier designado para treinos, em 1978.
Descrição
Tipo / Missão Caça monomotor, V/STOL de ataque ao solo
País de origem  Reino Unido
Fabricante Hawker-Siddeley
Período de produção 19671970s
Quantidade produzida 278 unidade(s)
Desenvolvido de Hawker Siddeley P.1127
Desenvolvido em BAE Sea Harrier
AV-8 Harrier II
British Aerospace Harrier II
Primeiro voo em 28 de dezembro de 1967 (48 anos)
Introduzido em 1 de abril de 1969
Aposentado em 2006
Tripulação 1 (piloto)
Especificações (Modelo: Harrier GR.3)
Dimensões
Comprimento 14,27 m (46,8 ft)
Envergadura 7,70 m (25,3 ft)
Altura 3,63 m (11,9 ft)
Área das asas 18,68  (201 ft²)
Peso(s)
Peso vazio 6,140 kg (13,5 lb)
Peso máx. de decolagem 11,430 kg (25,2 lb)
Propulsão
Motor(es) 1 × Rolls-Royce Pegasus 103 turbofan 21.500 lbf (95,6 kN)
Performance
Velocidade máxima 1,176 km/h (0,634 kn)
Alcance bélico 370 km (230 mi)
Alcance (MTOW) 3,425 km (2,13 mi)
Autonomia 1.30 h(s)
Teto máximo 15,600 m (51,2 ft)
Armamentos
Metralhadoras / Canhões 2 × canhões ADEN de 30 mm
Foguetes 4 × pods com 18 × foguetes de 68 mm cada
Mísseis 2 × AIM-9 Sidewinder (AAM)
Bombas Capacidade para uma variedade de bombas de fragmentação e bombas guiadas por laser

Hawker-Siddeley Harrier é um caça de ataque ao solo e reconhecimento, com capacidade para pouso e decolagem vertical (V/STOL). O Harrier foi uma das primeiras aeronaves a ter esse sistema, que na época era uma nova tecnologia em desenvolvimento.

O Harrier era normalmente usado como um avião de ataque ao solo, embora a sua manobrabilidade também o permitisse que ele se envolver efetivamente em combates contra outras aeronaves a distâncias curtas. O Harrier é alimentado por um único turbofan Pegasus montado na fuselagem. Vários bicos de reação pequenos também estão equipados, no nariz, cauda e nas pontas das asas, com a finalidade de equilibrar a aeronave durante o voo vertical. 

O Harrier provou seu valor na guerra das Malvinas, onde enfrentou e derrotou caças muito mais rápidos da família Dassault Mirage III, da Força Aérea Argentina.

Operadores militares[editar | editar código-fonte]

 Tailândia

 Índia

Flag of Spain.svg Espanha

 Reino Unido

 Estados Unidos


Artigos relacionados:
Desenvolvimento: Hawker P.1127 - Hawker Kestrel - Hawker-Siddeley Harrier - Sea Harrier - RAF Harrier II
Equivalência:
Série: A-5 - A-6 - A-7 - AV-8 - YA-9 - A-10 - A-12
Listas relacionadas: Lista de aviões