Panavia Tornado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wiki letter w.svg
Por favor melhore este artigo, expandindo-o. Mais informação pode ser encontrada no artigo «Panavia Tornado» na Wikipédia em inglês e também na página de discussão. (agosto de 2015)
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde agosto de 2015). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Tornado
Picto infobox Mig 29.png
Tornado ECR
Descrição
Tipo / Missão Aeronave multipropósito e caça-bombardeiro, com motores turbofan, bimotor monoplano de geometria variável
País de origem  Itália
 Reino Unido
 Alemanha Ocidental
Fabricante Panavia Aircraft GmbH
Período de produção 1979-1998
Quantidade produzida 992 unidade(s)
Primeiro voo em 14 de agosto de 1974 (42 anos)
Introduzido em 1979
Variantes Panavia Tornado ADV Panavia Tornado ECR
Tripulação 2
Notas
Dados: Ver texto
Panavia Tornado IDS da Luftwaffe no Radom Air Show 2005.

O Panavia Tornado é uma família de caças bimotor monoplano de geometria variável, desenvolvido em conjunto pelo Reino Unido, Alemanha e Itália. Existem três versões primárias do Tornado:

Desenvolvido pela Panavia, um consórcio de três nações consistindo da British Aerospace, MBB da Alemanha, e Alenia Aeronautica da Itália, o Tornado voou pela primeira vez a 14 de Agosto de 1974 e viu acção com a Força Aérea Real Britânica no Iraque, durante a operação Tempestade do Deserto. Incluindo todas as variantes, 992 aeronaves foram construídas para as três nações parceiras e para a Arábia Saudita. Embora ainda em serviço, actualmente existem planos a serem executados para substituir estas aeronaves. O Tornado pode carregar o dispersador de submunições Hunting JP 233 , sistema que libera múltiplos explosivos, que atingem uma grande área terrestre com 30 pequenas bombas SG357, que descem controladas por paraquedas, e 215 minas anti pessoal HB875, para dificultar reparo em pistas de aterrizagem. Os Tornado alemães levam a MW-1, com a mesma função As asas do Tornado, tal como o f-14 "tomcat", movem-se no sentido da cauda do avião, reduzindo o atrito com o ar e aumentando sua velocidade; contudo, isso reduz sua capacidade de manobras, sendo utilizado fundamentalmente para atingir maior velocidade. O Panavia Tornado possui dois canhões 27mm Mauser BK-27, sendo as dos tornados GR1 e GR4 direcionadas para baixo, visto que estes foram feitos para ataques terrestres.

Operações militares[editar | editar código-fonte]

Um Tornado GR.4 da Força Aérea Britânica GR4 lança foguetes durante uma missão de combate sobre o Iraque, 22 de Abril de 2004.

Os GR 1 viram ação pela primeira vez em 1990 na operação "desert shield" e depois em 17 de janeiro de 1991 na operação "Desert storm", quando foram intensivamente utilizados na campanha de destruição de bases aéreas iraquianas, e depois para a destruição de alvos de grande valor estratégico, como pontes, depósitos de suprimentos e munições.Pagaram um alto preço: 12 foram abatidos nestas missões (6 da RAF, 5 da RSAF e 1 da AMI). O Tornado GR.4 fez a sua contribuição operacional em patrulhas durante a operação Southern Watch. O caça voou de Ali Al Salem no Kuwait, e patrulhou uma grande área no sul do Iraque. Várias vezes bombas foram largadas quando os aviões estavam sob fogo de defesas terrestres iraquianas.

Eles também foram usados na Guerra do Iraque e na Guerra ao Terrorismo.

Especificações (Tornado GR4)[editar | editar código-fonte]

Dados de: International Warbirds: An Illustrated Guide to World Military Aircraft, 1914–2000[nota 1], Tornado, Modern Fighting Aircraft.[nota 2]

Dimensões
Um GR4 armado com suas bombas e mísseis.
Motores
Pesos
Desempenho
  • Velocidades: Máxima de 2 400 km/h (1 290 kn) à altitude de 9 000 m (29 500 ft); (2,2 Mach)
    1 482 km/h (800 kn) ao nível do mar velocidade indicada (IAS)
  • Teto operacional: 15 240 m (50 000 ft)
  • Razão de subida: 76,7 metros/segundo
  • Raio de ação: 1 390 km (864 mi)
  • Alcance estendido: 3 890 km (2 420 mi) com quatro tanques externos
Armamentos
  • 1x Canhão Mauser BK-27 de calibre 27 mm (1,06 in) montado internamente com 180 tiros
  • Pontos Duros: 4x + 3x abaixo da fuselagem e 4x abaixo das asas com capacidade para 9 000 kg (19 800 lb) que podem ser:
Mísseis
Bombas

Notas

  1. Frédriksen 2001, p. 255.
  2. Richardson 1986, p. 31.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre aviação, integrado ao Projeto Aviação, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons